Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Teresa Campos
Teresa Campos
03 Fev, 2020 - 11:07

Acupuntura infantil: a medicina oriental para os mais novos

Teresa Campos

A acupuntura infantil pode ser uma solução para vários problemas de saúde dos mais novos. Informe-se sobre esta alternativa e experimente.

Benefícios da Acupuntura infantil

A Medicina Tradicional Chinesa tem várias opções para diversos tipos de problemas e destinatários. Por exemplo, a acupuntura infantil existe e é uma alternativa dirigida a indivíduos desde o nascimento à adolescência.

Trata-se de uma terapêutica capaz de solucionar ou melhorar nomeadamente questões relacionadas com sono, enurese noturna, problemas gástricos ou respiratórios, défice de atenção e ansiedade. Convém, ainda, lembrar que os efeitos positivos desta técnica milenar já são reconhecidos pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Embora o mundo ocidental ainda permaneça reticente a aderir a esta técnica, há cada vez mais adeptos da acupuntura. Portanto, se ela ajuda adultos, por que não há de ser benéfica para as crianças e jovens? Se é pai ou mãe, este artigo interessa-lhe e muito!

Acupuntura infantil. Descubra o seu potencial e benefícios

Como funciona? Vai doer?

A agulha ou o laser de acupuntura promove a libertação hormonal de substâncias como a serotonina e a noradrenalina, as quais atuam no sistema imunológico da criança, equilibrando o seu funcionamento e combatendo alguns problemas que possam existir.

Nos mais pequenos, as agulhas de acupuntura utilizadas são mais “finas” do que as usadas em adultos. Além disso, elas são colocadas a um nível mais superficial da pele. Ainda assim, para os mais jovens, há uma técnica de acupuntura a laser (laserneedle), a qual não recorre às agulhas tradicionais da acupuntura, assumindo-se como uma técnica mais apropriada para os mais novos, uma vez que é totalmente indolor.

laserneedle

A laserneedle consiste na emissão de um feixe de luz, diretamente sobre o ponto de acupuntura, fazendo a sua bio estimulação. Além de ser indolor, estimula vários pontos de acupuntura, estimulando frequências analgésicas, anti-inflamatórias ou regeneradoras.

Benefícios

  • Atenuar os problemas respiratórios;
  • Melhorar o sono;
  • Contrariar a obesidade, controlando o apetite;
  • Combater o défice de atenção, ansiedade, impulsividade, irritabilidade e falta de autocontrolo;
  • Prevenir doenças e problemas de saúde;
  • Evitar os ataques de asma e as crises alérgicas;
  • Prevenir as otites;
  • Combate cólicas e dores de cabeça.

Quando fazer?

A acupuntura pode ser realizada logo nos primeiros anos de vida de uma criança. Se tem um bebé com problemas de sono, perda de apetite, problemas gástricos ou irritação constante, saiba que estas sessões de acupuntura infantil podem ajudar e muito a criança a estabilizar o normal funcionamento do seu organismo. Os resultados podem demorar, mas também podem ser imediatos e notórios, logo após a primeira sessão.

Mais tarde, entre os 4 e os 12 anos de idade, o principal objetivo das sessões de acupuntura infantil é potenciar as defesas do organismo face, por exemplo, a gripes ou problemas respiratórios.

Estudo: antibióticos na infância podem danificar sistema imunitário
Não perca Estudo: antibióticos na infância podem danificar sistema imunitário

Passo a passo

Normalmente tudo começa com uma consulta de diagnóstico, de forma a avaliar a patologia ou problema da criança. Depois, segue-se a prescrição do tratamento mais adequado. Finalmente, iniciam-se as sessões, em que são estimulados os pontos de acupuntura referenciados. O número de sessões é muito variável, pois depende da resposta do organismo e da antiguidade do problema de saúde em causa.

diagnostico para acupuntura infantil

Conclusão

Para quem está aberto a experimentar técnicas da medicina oriental, a acupuntura infantil é uma opção muito em voga, pois permite solucionar ou atenuar muitos problemas de saúde infantis, sem recorrer a fármacos.

Esta é, ainda, uma forma de, progressivamente, o seu filho ou filha perder um receio tão comum na infância: o medo das agulhas! Contudo, não se esqueça que este género de técnica deve ser sempre executado por um profissional devidamente habilitado e certificado para o efeito, de maneira a evitar quaisquer riscos.

Veja também