Publicidade:

Depilação a laser: contraindicações e cuidados a ter

A depilação a laser pode ser uma solução definitiva para se ver livre daqueles pelos indesejados. No entanto, há algumas contraindicações. Saiba tudo aqui.

Depilação a laser: contraindicações e cuidados a ter
Tudo o que precisa de saber está aqui

Está a pensar investir na depilação a laser? Quer ver-se livre dos pelos de forma definitiva, ou quase? Então, este artigo é para si. Antes de investir num pack de sessões de depilação a laser, deve informar-se e saber sobre as suas contraindicações e cuidados a ter. Reunimos para si informações úteis que vai gostar de saber.

Contraindicações e cuidados a ter com a depilação a laser


depilação a laser

Gravidez

Durante a gravidez, a depilação a laser não é recomendada, apesar de não haver nenhuma evidência que sugira que não é segura para o bebé. O melhor mesmo é não arriscar e fazer só depois do nascimento.

Amamentação

Se está a amamentar, também deve evitar este tipo de depilação. As hormonas, provavelmente, vão causar alterações no crescimento do pelo, o que significa que os resultados podem não ser tão eficazes.

Condições médicas

Há algumas condições médicas, como as que referimos de seguida, em que também é contraindicado este tipo de depilação. Se sofre de algum destes problemas de saúde, antes de começar a depilação a laser, deve consultar o seu médico para que o possa aconselhar devidamente. Estamos a falar de problemas como:

  • Psoríase
  • Distúrbios hemorrágicos
  • Reações severas às histaminas
  • Cirurgia anterior
  • Vitiligo

Medicação

A maioria dos medicamentos têm com efeitos secundários e alguns podem mesmo tornar a sua pele mais fotossensível. Isto significa que sua pele pode reagir de forma negativa à mudança e, neste caso, à depilação a laser. Se é este o seu problema, a solução poderá passar por fazer uma pausa nessa medicação, por exemplo. No entanto, isto terá sempre de ser discutido com o seu médico.

Bronzeado

O sol fará com que sua pele crie mais melanina. Como isso pode fazer com que sua cor da pele se torne mais irregular e desigual, o verão não é o melhor momento para iniciar a depilação a laser.

Como resultado, a sua esteticista terá que mudar os lasers, dependendo da condição da sua pele no momento do tratamento. Isto vai dificultar posteriormente a manutenção da depilação uniforme e pode afetar a qualidade dos resultados.

No caso de queimaduras solares ativas ou severas, o procedimento não pode continuar. Terá de esperar que a sua pele cure completamente antes de retomar o seu tratamento.

Pele escura

As pessoas com pele escura não devem ser impedidas de fazer depilação a laser. No entanto, se está bronzeado, para além de um tom de pele escuro, é importante que aguarde um pouco antes de iniciar o procedimento.

Tatuagens

As áreas da pele onde há uma tatuagem devem ser evitadas durante a depilação a laser. Isto acontece de forma a minimizar a irritação da pele, bem como quaisquer potenciais mudanças não desejadas da sua tatuagem.

Lesões e feridas abertas

A depilação a laser pode ser especialmente dolorosa em áreas do corpo onde há lesões ou feridas abertas. Portanto, é uma boa ideia adiar o procedimento até que eles tenham cicatrizado completamente.

Herpes e feridas

A depilação a laser é possível nessas situações, uma vez que o vírus da herpes é mantido sob controlo. No entanto, lembre-se que será obrigado a certificar-se de que tomou a medicação prescrita e que a condição está em remissão antes de uma consulta.

Depilação recente

Qualquer tratamento de depilação a laser exige que haja um folículo para o alvo. Se fez depilação recentemente, não haverá nenhum. Normalmente, depois da depilação com cera, é recomendável esperar duas semanas antes de tentar a depilação a laser. Alternativas como cremes depilatórios são excelentes para colmatar essa lacuna entre os períodos de depilação.

Epilepsia

Os pacientes com epilepsia induzida por luz são, geralmente, aconselhados contra a depilação a laser – a menos que tenham uma autorização por escrito do seu médico de família. Se decidir por este procedimento, deve usar proteção para os olhos, que bloqueia a luz para minimizar a probabilidade de uma convulsão.

Veja também:

Saiba tudo sobre moda e beleza