Publicidade:

6 coisas que precisa de saber antes de levar o carro a uma oficina

Mesmo que tenha experiência no tema e confie no seu mecânico, existem algumas coisas que precisa de saber antes de levar o carro a uma oficina. Saiba quais.

6 coisas que precisa de saber antes de levar o carro a uma oficina
Alguns truques que o podem ajudar a não pagar extras indesejados

Levar o carro ao mecânico, seja uma “consulta de rotina” quer seja um caso de emergência será sempre uma tarefa dispendiosa, mas existem algumas coisas que precisa de saber antes de levar o carro a uma oficina para evitar que pague extras desnecessários na conta final.

Praticamente toda a gente já teve uma ou outra experiência mais desgostosa com um mecânico, e é normal que por vezes fiquemos um pouco de pé atrás. No entanto, é impossível vivermos sem os seus serviços e iremos sempre precisar que o nosso carro visite uma oficina com alguma regularidade se quisermos que este continue a circular durante muitos e bons anos. Saiba então as coisas que precisa de saber antes de levar o carro a uma oficina, seja para uma simples mudança de óleo e filtros, seja para reparar uma avaria mais séria.

O que fazer antes de levar o carro a uma oficina


mecanico

1. Escolha um mecânico certificado

Com a tecnologia atual presente nos carros, os antigos “mecânicos de garagem” vêm-se muito limitados na hora de fazer reparações a um carro. Cada vez mais os componentes são alterados e substituídos por peças atuais, e requerem alguma especialização para que sejam reparadas corretamente. No entanto, o orgulho fala mais alto e dificilmente algum mecânico lhe dirá que não é capaz de lidar com o recado. Por isso deve procurar um mecânico especializado, formado e reconhecido por alguma entidade. Os mecânicos distinguidos costumam exibir com orgulho as suas distinções, por isso basta olhar à sua volta quando entra numa oficina.

2. Telefone para saber a disponibilidade

Quando tiver escolhido o mecânico ideal para reparar a sua viatura, tente ligar com a oficina para saber a disponibilidade em recebe-lo e caso saiba exatamente o problema que o seu carro tem, tente saber quanto tempo demoraria a reparação. Caso não o possa receber naquele momento e o seu carro ainda puder circular, ou caso não possa circular e tiver bastante urgência em efetuar a reparação, então pode sempre adiar alguns dias a reparação ou então procurar outro mecânico.

3. Retire todos os seus pertences do carro

Durante o periodo em que o seu carro estiver no mecânico, este deixará de ser “seu” para passar a ser o local de trabalho de outra pessoa, por isso, e por sua conveniência (para garantir que nenhum dos seus pertences é perdido), deve arrumar todo o lixo do seu carro e retirar todos os objetos do seu interior, facilitando assim o acesso a qualquer lugar da viatura por parte de quem estará a fazer a reparação, fazendo também com que este se sinta mais desinibido para fazer o seu trabalho.

4. Peça um orçamento antes da reparação

Antes de pedir ao mecânico que faça qualquer reparação na viatura deve primeiro perguntar quanto seria o hipotético valor do arranjo. Deste modo não daria luz verde ao mecânico para reparar todas as peças do motor do seu carro (mesmo aquelas que não fosse estritamente necessário alterar), e estará também preparado para o impacto que essa reparação terá no seu orçamento mensal, podendo por vezes levar a que faça alguns ajustes nas suas despesas ou até que adie a reparação do seu carro por mais algum tempo.

5. Peça uma segunda opinião a outro mecânico

As oficinas geralmente não gostam que peça uma segunda opinião a outro mecânico, pois como a mecânica automóvel é uma coisa muito complexa e se for um problema de difícil resolução, cada um terá a sua teoria e a sua forma de o solucionar. Se for um leigo no assunto e obtiver duas opiniões diferentes, então alguma parecerá estar errada, certo? Para evitar manchar a reputação do mecânico, esta é uma das coisas que precisa de saber antes de levar o carro a uma oficina e que provavelmente o seu mecânico não gostará nada, mas que não deve mesmo deixar de fazer.

6. Mantenha o contacto com o mecânico durante a reparação

É muito importante manter o contacto com o mecânico durante a reparação, assim saberá sempre qual o estado do arranjo da sua viatura, quais os componentes que foram preciso alterar e se aquilo que o mecânico está a fazer vai de encontro com o orçamento inicial estipulado. Recorde-se que grande parte da fatura da reparação de um carro está na mão de obra da oficina, por isso todo o tempo despendido é valioso. Tente pressionar e apressar a reparação do seu automóvel, não só para evitar pagar alguns euros extra na fatura final, mas também porque um carro, nos dias de hoje, é um objeto quase indispensável nas nossas vidas, e certamente lhe fará muita falta enquanto estiver parado no mecânico.

Veja também:

Marvin Tortas Marvin Tortas

Licenciado em Ciências da Comunicação, homem do Norte, apaixonado por carros e com experiência em desporto automóvel. A seguir a mamã e papá, as palavras Ferrari, Mercedes, Audi e Fiat foram respetivamente as 3ª, 4ª, 5ª e 6ª palavras do seu vocabulário.

Também lhe pode interessar: