Nuno Machado
Nuno Machado
29 Mar, 2018 - 10:49
Como atualizar o Android para a versão mais recente

Como atualizar o Android para a versão mais recente

Nuno Machado

Como atualizar o Android é uma das questões mais colocadas pelos utilizadores. Não basta ter um sistema operativo novo, há que mantê-lo sempre atualizado.

O artigo continua após o anúncio

O facto de instalarmos uma nova versão do sistema operativo no nosso smartphone não implica que tenhamos de perder toda a informação nele contida. Por norma, nos computadores temos de fazer backups de tudo, formatar o disco duro (o tão conhecido HDD) e reinstalar tudo de novo. Contudo, nos smartphones a coisa muda de figura. Vamos, então, saber como atualizar o Android.

Para uns, é uma questão de imagem e até mesmo status, mas para outros é uma questão de segurança. Aqui, no Mundo Android, o sol quando nasce não é para todos. Contrariamente ao que pode pensar, este sistema operativo não surge no mercado para todos os smartphones existente.

Uns não recebem atualizações porque já são antigos, outros porque simplesmente o seu fabricante não liberta tal versão para todos os equipamentos. Essencialmente, tudo está relacionado com os componentes que são utilizados na construção de cada modelo.

Como se desenvolvem as atualizações do Android

As atualizações do sistema operativo Android são desenvolvidas por um conjunto de programadores, independentes de qualquer marca. São um grupo de profissionais que detectam as melhorias que podem ser introduzidas numa nova versão e colocam-nas em prática. Contudo, e mesmo sobre alguma orientação do mercado de smartphones, nem todos os equipamentos recebem as novas versões.

Em boa verdade, a realidade é um pouco diferente do cenário inicialmente desenhado. A quantidade de smartphones a receber as novas distribuições é baixa. Só para que se tenha uma noção, a janeiro de 2018, a percentagem de Androids a conter a versão Oreo (cuja data de lançamento oficial foi a 21 de agosto de 2017) era de apenas 0,5%.

Mas este não é caso único. Ora, espreite:

VersãoNome de códigoDistribuição
2.3.3 – 2.3.7Gingerbread 0.4%
4.0.3 – 4.0.4Ice Cream Sandwich0.5%
4.1.xJelly Bean1.9%
4.2.xJelly Bean2.9%
4.3Jelly Bean0.8%
4.4KitKat12.8%
5.0Lollipop5.7%
5.1Lollipop19.4%
6.0Marshmallow28.6%
7.0Nougat21.1%
7.1Nougat5.2%
8.0Oreo0.5%
8.1Oreo0.2%

Talvez se deva, esta fraca distribuição, ao facto das marcas criarem a sua própria variação do software. Querem personalizar a gosto e acabam por criar esta realidade que não revela, de todo, o que se passa “cá fora”.

Como atualizar o Android

como atualizar android

O certo é que queremos saber como atualizar o Android. Então, o processo de atualização contempla duas fases distintas. Não obstante o processo ser seguro e quase sempre infalível, vezes há em que a “coisa” corre mal. Assim, é sempre preciso proceder ao backup das informações contidas no nosso smartphone.

O artigo continua após o anúncio

Vamos fazer backup dos nossos dados

Não querendo repetir o que já foi dito – até porque já publicamos um artigo sobre como fazer backups no Android – resta-nos enunciar os passos principais para a sua execução.

Então, e dependendo da versão do sistema operativo do vosso smartphone, deverão aceder às Definições e posteriormente escolher Sistema. Uma das opções existentes é Cópia de Segurança e Restauro. Para termos o nosso smartphone totalmente protegido, é só seguir os passos que são apresentados no ecrã.

Procurar atualizações disponíveis

Depois de procedermos à cópia de segurança dos nossos dados, retrocedemos até à parte das Definições do Sistema. É recorrente haver uma opção chamada Atualizar Sistema ou, nos equipamentos mais antigos, Sobre o Equipamento. Aqui conseguirão ativar as atualizações automáticas do sistema operativo ou, caso não esteja disponível, proceder às atualizações manuais.

Conclusão

Lembram-se da importância de manter o smartphone sempre atualizado? Tenham sempre isso em mente, pois não só tiram melhor partido de todos os componentes que o constituem, como também estão mais protegidos contra possíveis ataques informáticos.

Veja também:

Partilhar Tweet Pin E-mail WhatsApp