Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Mónica Carvalho
Mónica Carvalho
05 Ago, 2018 - 10:00

11 erros ao cozinhar massa que está a cometer

Mónica Carvalho

Miúdos e graúdos: não há quem consiga resistir a um belo prato com este ingrediente. Para refeições perfeitas, evite estes 11 erros ao cozinhar massa.

11 erros ao cozinhar massa que está a cometer

Não há nada tão reconfortante quanto um prato fumegante de massa acaba de preparar. Com carne, peixe, legumes ou só molho. Porém, para pratos perfeitos, evite cometer estes erros ao cozinhar massa.

É um prato que todos adoram e que pode ser preparado rapidamente, sem ter muito trabalho e mesmo após um dia desgastante – aliás, um prato de massa bem pode ser o remédio perfeito para um dia difícil.

Comete algum destes 11 erros ao cozinhar massa?

massa

Fonte: Max Pixel

Simples e rápidos: se evitar estes erros ao cozinhar massa, ficará com uma refeição cheia de sabor, que todos vão gostar!

1. Usar uma panela pequena

Mesmo que pareça grande demais, é preferível usar uma panela grande, já que a massa necessita de espaço suficiente para se movimentar de modo a cozinhar uniformemente na água a ferver – que também deve ser colocada em quantidades generosas.

2. Acrescentar azeite

É certo que o azeite impede que a massa cole ajudando a que fique mais solta. Todavia, se vai fazer um prato com molho, então, não coloque azeite.

3. Não aproveitar a água da cozedura

Essa água pode ser um excelente ingrediente para um ótimo prato no futuro, quer para fazer sopas, caldos ou risotos. Pode, inclusivamente, congelar e guardar durante uns dias.

4. A forma como coloca o molho

Já viu, por várias vezes, alguém a despejar o molho em cima de um monte de massa, verdade? Pois saiba que essa atitude está bastante errada. O molho deve ser adicionado à massa numa panela e cozinhar durante dois a três minutos, garantindo que a massa absorva todo o sabor.

5. Usar demasiado molho

Relembramos o cenário que referimos há pouco: alguém a despejar molho em cima da massa. Pois essa quantidade de molho também deve ser controlada, caso contrário, será excessivo. O ideal é colocar uma chávena de chá pode cada 500gr de massa cozinhada.

6. Colocar a massa num prato

Sim, ok, até pode ser. Todavia, as massas devem ser servidas em pratos fundos ou tigelas, pois o alimento ali fica mais confortável, permitindo ainda conservar a temperatura durante mais tempo.

7. Não reaproveitar

A massa que sobrou do jantar de ontem pode perfeitamente ser adaptada e utilizada para a marmita de hoje, por exemplo. Use restos de ingredientes que tenha no frigorífico, junte à massa, et voilá, uma refeição feita em tempo record.

8. Seguir cegamente as instruções

Qualquer embalagem de massa terá instruções que são bastante úteis, mas siga os seus instintos, até porque o tempo de cozedura depende de vários fatores como: o tamanho da boca do fogão ou placa, da panela utilizada, se está a cozer a gás ou a eletricidade…

9. Temperar no final

Deverá colocar a massa a cozer em água temperada com sal – mas não exagere nas quantidades! Recomendamos meia colher de sopa de sal, para cada 3 litros de água.

10. Não mexer a massa

Assim que a água começa a ferver, deverá mexer a massa, preferencialmente com um garfo, para ajudar a separar e evitar que fique repousada no fundo na panela.

11. Deixar a massa a repousar

Assim que a massa estiver pronta, deverá ser consumida de imediata. Não é um prato que possa esperar, caso contrário, poderá ficar pastoso.

Bom apetite!

Veja também: