Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Assunção Duarte
Assunção Duarte
10 Set, 2018 - 16:30

Saiba como impedir que a Google guarde a sua localização

Assunção Duarte

A Google é famosa por seguir os seus utilizadores em todo o mundo. Se gosta de manter a sua localização em privado, damos-lhe algumas dicas.

Saiba como impedir que a Google guarde a sua localização

Impedir a Google de guardar a sua localização não é muito fácil. Basta querer saber que tempo vai fazer amanhã, procurar uma informação no motor de busca ou aceder a uma rede Wi-Fi para que esta multinacional de serviços online saiba onde o seu smartphone, tablet ou computador se encontram. E se for dos que não dispensam a utilização do Google Maps ou os sistemas de navegação GPS, é quase impossível que este tipo de empresas não saibam onde se encontra o seu dispositivo.

Se estes serviços podem ser muito úteis porque lhe dão indicações e sugestões sobre o local onde se encontra – ou podem mesmo ajudá-lo a descobrir o seu telemóvel se o perdeu ou foi roubado – noutras alturas podem constituir uma verdadeira violação à privacidade dos seus dados pessoais. Nomeadamente, se não estiver a utilizar nenhum serviço da Google, se desactivou as suas opções de localização ou se nem sequer está a utilizar o seu cartão SIM.

Para os utilizadores mais preocupados com a preservação da sua privacidade, seria importante poder “desligar-se” de forma rápida e fácil quando não se está a utilizar este tipo de serviços ou mesmo a Internet. Mas a Google não pensa da mesma maneira.

Sendo uma das empresas que mais cresceu no último ano em facturação sobre publicidade direccionada, ela tem contornado constantemente as queixas e os regulamentos europeus mais apertados que cada vez mais exigem respeito pela privacidade dos utilizadores.

A empresa afirma que nas condições de adesão aos seus serviços, quer seja uma conta de e.mail, uma app de localização, uma cloud ou o próprio motor de busca, este tipo de identificação de localização é explicado e que o utilizador fica informado do que se passa e do que pode fazer para se desligar.

Mas o que é certo é que ninguém tem paciência para ler tanta informação e alguns grupos de consumidores afirmam que ela não é clara. Como a empresa nunca é totalmente transparente sobre o que regista e o que faz com os dados de localização que recolhe, o The Guardian publicou online algumas sugestões para que consiga escapar e esta vigilância constante.

Android: como impedir que a Google guarde a sua localização

telemovel android

1. Desactivar Histórico de Localização (Location History)

Ao seguir os movimentos dos utilizadores, várias aplicações e serviços Google registam-nos automaticamente no chamado ‘Histórico de Localização’. Convém desligar esta funcionalidade para o Google deixar de gravar os seus passos.

Para o fazer tem de aceder às ‘Configurações’ (Settings) do seu telemóvel e procurar uma área de ‘Segurança e Privacidade’, ou que diga ‘’Dados e Personalização’. Esta designação pode variar de telemóvel para telemóvel.

O ‘Histórico de Localização’ também pode ser encontrado via ‘Configurações > Google > Conta Google/Personalizar Google’. Se não encontrar nada parecido, pesquise na Internet para o seu modelo.

Uma vez encontrado, verá que lhe aparece o ‘Histórico de Localização’. Coloque-o em modo off. Faça o mesmo para todos os dispositivos nos quais utiliza a sua conta Google. A partir desse momento os seus movimentos de localização deixarão de ficar registados automaticamente, mas isto não quer dizer que a empresa não continue a recolher alguns dos dados, mesmo mostrando-lhe que não os grava. Ainda é necessário fazer mais um passo.

2. Desactivar o Actividade da Web e de Aplicações (Web and App Activity)

Aceda de novo às ‘Configurações‘ do seu dispositivo e escolha a opção ‘Google’. Entre na ‘Conta Google’, depois no ‘Personalizar o Google’, e procure o ‘Actividade da Web e de Aplicações’. Uma vez encontrada coloque em off.

>” href=”https://www.e-konomista.pt/regulamento-geral-de-protecao-de-dados/”>Saiba mais sobre as novas regras de proteção de dados pessoais na Europa >>

iPhone e iPads: como impedir que a Google guarde a sua localização

8 boas dicas para o Google Maps

Nestes dispositivos pode aceder directamente ao link para a página de Controlo de Actividade da sua conta. Uma vez feito o login procure também pela ‘Actividade da Web e de aplicações’ e pelo ‘Histórico de Localização’ desactivando-os.

Outra opção é abrir o browser do Google e entrar na sua conta. Uma vez dentro, clique na sua foto de perfil e no botão que diz ‘Conta Google’. Procure a ‘Informação Pessoal’, entre no ‘Minha Actividade’ e, ao clicar no ‘Controlo de Actividade’ consegue aceder aos campos que deve desactivar.

Mas, não se esqueça: se estiver em “missão ultra-secreta”, as operadores de telecomunicações continuam a saber onde está o seu telemóvel, mesmo que lhe tenha retirado o cartão SIM. É que estes dispositivos mantêm a sua ligação à rede para possibilitarem chamadas de emergência.

Veja também