Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Márcio Matos
Márcio Matos
14 Fev, 2019 - 16:03

Prepare-se: Netflix anuncia 3 novas séries originais europeias

Márcio Matos

A Netflix anuncia novas séries originais europeias que têm potencial para nos prenderem a este serviço de streaming, durante os próximos tempos.

Prepare-se: Netflix anuncia 3 novas séries originais europeias

A Netflix é um serviço de streaming que tem conquistado o planeta, tendo-se tornado com todo o mérito no maior serviço de internet dedicado ao entretenimento. Por um baixo custo (7,99€ por mês), é possível aceder a um vasto número de conteúdos (filmes, documentários, séries, animação), sem interrupções de publicidade.

Todas as semanas são acrescentados novos produtos, o que torna o serviço extremamente tentador. Bastando ter internet, pode usufruir da Netflix no smartphone, tablet, Smart TV, computador para assistir a qualquer hora ao produto que quiser.

Netflix anuncia novas séries originais europeias: dizemos-lhe quais

O anúncio da produção de três novas séries originais europeias está já a gerar enorme expectativa entre os clientes deste serviço de streaming. No Festival Berlinale, Kelly Luegenbiehl, Vice-Presidente Internacional de Originais (da Europa, Turquia e África) da Netflix anunciou a estreia de duas séries alemãs e uma norueguesa.

netflix

Kelly Luegenbiehl referiu, ainda, que:

“Estes três projetos empolgantes representam o compromisso da Netflix com o mercado europeu e a oferta de originais e de histórias locais fundamentadas podem tocar o público em todo o mundo. Estamos orgulhosos em trazer uma visão audaz dos contadores de histórias quer para o público local quer para o público mundial.”

As séries anunciadas são Unorthodox, Biohackers e Bloodride. Fique, agora, a conhecer mais um pouco sobre cada uma das séries europeias que irão certamente conquistar os clientes da Netflix.

3 novas séries originais europeias a estrear na Netflix

1. Unorthodox

Anna Winger é uma escritora americana que vive em Berlim. A criadora do drama televisivo Deutschland 83 (e de Deutschland 86) que conta a história da fuga de uma jovem mulher a um casamento arranjado. A personagem abandona Nova Iorque e vê em Berlim o seu futuro. Esta aventura em que embarca leva-a numa busca de auto-conhecimento. Esta série é inspirada no livro de Deborah Feldman, o mais vendido segundo o New York Times.

Acerca da série Unorthodox, Anna Winger afirmou o seguinte:

“Estou muito feliz por trabalhar com a Netflix para Unorthodox, projeto inspirado pela viagem de Deborah Feldman em busca de auto-conhecimento. No momento em que os direitos das mulheres estão a ser desafiados por todo o mundo, a história de Feldman irá refletir-se por toda a parte. É um privilégio para nós, nos estúdios Airlift, colaborar com uma equipa incrível de artistas localizados em Berlim, e levar estas histórias para os ecrãs de todos os lugares”.

2. Biohackers

Série escrita e realizada por Christian Ditter (conhecido pelo seu trabalho em Como ser solteira ou Turkish for Beginners), Biohackers promete conquistar o seu espaço como uma das séries de 2019. Este thriller de ritmo rápido revela uma história envolvente e empolgante, na qual somos levados a assistir ao mundo de Mia.

Esta estudante de medicina faz uma descoberta que transforma a sua vida. Ela tem que decidir até onde está disposta a ir para descobrir a verdade sobre o uso de tecnologia avançada de biohacking na sua cidade universitária, tecnologia essa que terá “caído nas mãos erradas”. Christian Ditter, realizador da promissora série, declarou:

“Sempre gostei da magia das histórias que colocam pessoas comuns em circunstâncias extraordinárias. Estou entusiasmado por colaborar com a Netflix para combinar histórias visuais empolgantes com personagens verdadeiros e com várias camadas e aumentar os desafios do espetáculo que se desenrolam em torno deles.”

3. Bloodride

Esta série de terror antológica está dividida em seis partes. Estas seis histórias únicas de horror ocorrerão num ambiente estranho, mas realista. Terá por base a língua norueguesa e a produção é da responsabilidade da Monster Scripted. Escrita e realizada por Kjetil Indregard (diretor da série norueguesa Maniac) e com uma equipa que conta com Atle Knudsen e Geir Henning Hopland, Bloodride parece destinada ao sucesso. Acerca da série, o CEO da produtora, Hakon Briseid, adiantou:

“A Monster acredita piamente que a força da perspetiva local através de histórias caseiras de talentos apaixonados. Bloodride é um desses projetos, e estamos muito entusiasmados com a oportunidade de produzir unicamente na língua norueguesa para o público de todo o mundo, como conteúdo original da Netflix.”

Veja também: