Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Catarina Milheiro
Catarina Milheiro
05 Mar, 2020 - 11:27

Procurar estágio de forma eficaz: como fazer e qual a melhor altura

Catarina Milheiro

Procurar estágio pode ser uma tarefa difícil. Fique a par de todas as dicas que preparamos para o ajudar ao longo deste processo.

jovem a fazer pesquisa no computador e a tirar notas

Assim como a procura de emprego, procurar estágio também tem muito que se lhe diga e a verdade é que os estágios fazem parte das carreiras de muitos profissionais.

Para além de serem uma excelente forma de se adquirir conhecimento e experiência profissional, os estágios permitem que o candidato realize o seu primeiro contacto com o mercado de trabalho. E ainda que os estágios abundem, há que saber escolher os estágios mais indicados para cada profissional.

Fique connosco e conheça as dicas que temos para o ajudar a procurar estágio de forma eficaz.

QUAL A MELHOR ALTURA PARA PROCURAR ESTÁGIO?

Se procurar estágio é algo que o preocupa de alguma forma não se preocupe, queremos explicar-lhe tudo ao pormenor para que no momento nada corra mal.

Na verdade, se há altura indicada para realizar um estágio é enquanto estudante ou logo após a conclusão dos estudos. Ou seja, é importante compreender que é através dos estágios que vai poder colocar em prática todos os conhecimentos adquiridos ao longo do seu percurso académico.

Além disto, o facto de ter um primeiro contacto com o mercado de trabalho é definitivamente um aspeto de alta relevância. Afinal, não há nada melhor do que “pôr as mãos na massa” e conhecer de perto a realidade que o espera.

Até aqui nada de novo, ou não fosse esse, em última instância o grande objetivo dos estágios. No entanto, não são só os profissionais com menos experiência que podem ou devem fazer estágios.

A verdade é que procurar estágio pode também ser um objetivo de muitos profissionais experientes, quer seja para adquirir novas competências ou enriquecer o profissional com outro tipo de experiências e vivências e, como tal, pode desenrolar-se em fases mais avançadas da carreira. Tudo depende do profissional.

5 DICAS PARA O AJUDAR A PROCURAR ESTÁGIO DE FORMA EFICAZ

estagiária a trabalhar com orientadora depois de procurar estágio

É cada vez mais recomendável que os estudantes e recém-licenciados procurem este tipo de oportunidades e que completem um período de experiência profissional.

Para conseguir procurar estágio de forma eficaz, é essencial que tenha uma prévia noção do conceito de estágio, sendo que para muitos estudantes este oferece a exposição que os jovens necessitam no ambiente de trabalho.

E estágios não faltam. E há para todos os gostos e feitios. De curta ou longa duração, curriculares (não remunerados) ou profissionais/remunerados, estágios de Verão, em Portugal ou no estrangeiro… enfim, a escolha é vasta.

Mas, ainda que haja muito por onde escolher, nem sempre é fácil encontrar o que se pretende. E não é porque não exista, mas sim porque se procura na altura errada.

Repare, dependendo de cada tipo de estágio haverá certamente períodos mais adequados para a procura. Se falarmos de estágios de Verão, a pesquisa de ofertas deverá, obviamente, centrar-se nos meses que antecedem o Verão.

Mas se o critério é simples de definir para os estágios de Verão, o mesmo não se pode dizer dos restantes tipos de estágio.

1

Seja específico quanto ao tipo de estágio que procura

Mas afinal, “o que procurar?” Esta deve ser a sua primeira pergunta antes de começar a pesquisar estágios indiscriminadamente.

É essencial que não se limite a pesquisar por estágios, mas sim pelo tipo de estágio que pretende realizar, a área profissional de interesse, ou o local/ nome da empresa, por exemplo. Ter critérios de pesquisa é essencial para obter resultados.

2

Esteja atento para as datas de início de alguns programas de estágio

O ideal é que sinalize os estágios que mais lhe interessam e que identifique os períodos de estágio disponíveis. Repare. Certas empresas/instituições têm períodos de estágios pré-determinados.

Por exemplo, as instituições europeias (União Europeia, Comissão Europeia, Banco Central Europeu, etc.) abrem frequentemente estágios para as mais diversas áreas. Se pretender candidatar-se a estas vagas deve estar atento aos prazos de candidatura.

O mesmo se aplica aos estágios de Verão. Na grande maioria dos casos, os períodos de candidatura e seleção estão já pré-definidos. O melhor mesmo é ir fazendo uma busca pelos sites das empresas/instituições com regularidade para estar a par de todas as ofertas e prazos. 

3

Parar e refletir sobre a ideia de fazer um estágio internacional

Se, por algum motivo não teve ainda oportunidade de fazer qualquer tipo de experiência profissional fora do país, a realização de um estágio internacional pode ser uma excelente ideia.

Para além de ser uma ótima maneira de conhecer e abraçar uma nova cultura, é também uma oportunidade para aprender e crescer a nível profissional e pessoal.

Na verdade, este tipo de estágios tem vindo a tornar-se cada vez mais acessível. Já existem apoios financeiros e algumas empresas optam por organizar tudo pelo candidato (voos, alojamento e outras necessidades).

Se estiver interessado em ter uma experiência fora do país, pode, por exemplo, procurar estágio ao abrigo do programa Erasmus+. Este permite que os alunos que estejam atualmente matriculados em instituições de ensino superior nos níveis de licenciatura, mestrado ou doutoramento e aos recém-licenciados, a realização de um programa de trabalho no exterior.

Poderá contar ainda com uma bolsa, consoante o custo médio de vida do país que escolher. Existem inúmeras oportunidades, basta que se informe na secretaria  da sua universidade

4

Considere alguns fatores como a localização, o setor e até as recomendações

Para que consiga procurar estágio de forma correta e eficaz, é necessário que tenha em consideração (numa primeira fase), alguns fatores que podem ser decisivos.

Já pensou onde quer estagiar? Se na cidade onde vive, ou mudar-se para a capital, por exemplo. A partir do momento em que tem esta ideia fixa na sua cabeça, já se irá sentir mais familiarizado com os gastos que terá, viagens e percursos mais rápidos e claro, o ritmo de vida.

O setor onde quer atuar é um aspeto crucial. Reflita sobre o seu objetivo depois de terminar a sua licenciatura.

Para além disto tudo, pedir recomendações a professores ou colegas que já tenham estagiado na empresa onde gostava de ter um primeiro contacto de trabalho é sempre uma mais-valia.

5

Prepare-se para o seu primeiro dia de estágio

O primeiro dia como estagiário é um autêntico stress e é perfeitamente normal que se sinta nervoso e um pouco ansioso.

Escolha uma roupa confortável e adequada, faça uma pesquisa avançada sobre a empresa, leve o seu computador ou tablet, um bloco de notas, caneta e claro, boa disposição.

Verifique se leva todos os documentos ou apetrechos pedidos pelo seu empregador para o seu primeiro dia, afinal não há nada pior do que cometer um erro no primeiro dia de trabalho.

Veja também