Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Clara Cardoso Barreiros
Clara Cardoso Barreiros
13 Set, 2018 - 10:00

Os melhores vinhos franceses que tem de experimentar o quanto antes

Clara Cardoso Barreiros

Conheça os melhores vinhos franceses para ter à mesa, perfeitos para qualquer prato. Descubra a nossa seleção de tintos, brancos e rosés.

Os melhores vinhos franceses que tem de experimentar o quanto antes

La vie en rose é com vinhos franceses, não tenha a menor dúvida. Brancos, tintos e rosés, para acompanhar os melhores pratos de carne, peixe, queijos e outros petiscos. Junte uns amigos e prepare-se para uma experiência de outro mundo no seu palato! E não se preocupe muito com o preço: arranjamos aqui uma seleção com diferentes níveis de preço.

França é considerado o país dos vinhos, o Santo Graal dos enéfilos! E não é só por causa da variedade de castas e do grande número de herdades. É também pelo facto de o vinho ser o companheiro mais fiel desta vida. Se não acredita, passamos a explicar: é o vinho (e mais ninguém) que acompanha, anos e anos a fio, sem um único queixume e sem nunca falhar um compromisso, finais de tarde com amigos, almoços de negócio e jantares em família, anima viagens de comboio desinteressantes, está presente em todos os Natais, festas de final de ano e em todos os outros grandes acontecimentos da vida.

Mas, voltando aos vinhos franceses… De certeza que já ouviu falar de nomes como chardonnay, pinot noir e merlot, não é verdade? E que as zonas de Bordeaux, de Champagne e de Borgogne são especialmente generosas? Provando as nossas sugestões, vai ficar a conhecer este mundo de forma mais profunda. Claro, sempre com muita moderação.

Os 15 melhores vinhos franceses para degustar nos próximos tempos

vinhos franceses

Tintos

Acompanhe as suas refeições de vitela, borrego, porco e bacalhau assado com um bom vinho tinto. Ou então quando estiver a preparar-se para umas tapas com queijos azuis ou curados. De todas as formas, experimente estes tintos e diga da sua justiça.

  1. Drouhin Beajolais Villages Rouge 2015 (9,45€)
  2. 2014 Château Cantenac Brown Margaux (65,00€)
  3. 2014 Château Duhart-Milon Pauillac (84,75€)
  4. 2012 Château Leoville Barton Saint-Julien (106,50€)
  5. 1990 Château Mouton Rothschild (695,00€)
  6. 1998 Château Mouton Rothschild tinto (725,00€)

Já conhecia estes vinhos? Se ainda não, dê-lhes uma oportunidade e não se vai arrepender.

Brancos

Os brancos vão muito bem com um peixinho assado, marisco, omeletas e pratos gratinados de legumes. Por outras palavras, com umas refeições mais leves, especialmente no verão, o vinho branco é o que sabe melhor. E então estes vinhos franceses é que vão saber pela vida.

  1. Domaine Felix Bourgogne Côte Dauxerre 2015 (9,33€)
  2. Chateaux Les Justices 2010 (28,02€)
  3. 2016 Jean-Paul & Benoit Droin Chablis Les Clos (62,20€)
  4. Chateau Gilette 1970 – Sauternes (318,95€)
  5. 2014 Domaine Leflaive Bâtard Montrachet (525,00€)

Rosés

Os rosés casam bem com pratos de carne magra grelhada, massas, pratos picantes. Já provou esta seleção de vinhos franceses rosé? Se ainda não, é uma pena, não sabe mesmo o que anda a perder.

  1. Dourthe Nº1 2015 Rosé (10,50€)
  2. Chateau Pigoudet Classic (10,95€)
  3. Miraval Rosé Côtes de Provence 2014 (20,65€)
  4. Billecart-Salmon Brut (70,90€)
  5. Chateau Minuty 281 Provence Jeroboam (205,56€)

Champanhe

E, claro, o vinho francês gaseificado mais famoso do mundo: o champanhe, que só pode ser chamado assim, se vier da região gaulesa com o mesmo nome. E estas são as garrafas que recomendamos para se ir habituando às coisas boas da vida:

  1. Champagne Gosset Excellence Brut (32,00€)
  2. Champanhe Laurent Perrier Brut (34,00€)
  3. 2004 Champagne Gosset Millésime (57,.30€)
  4. 2006 Champagne Veuve Clicquot La Grande Dame (150,00€)

Todos os preços indiciados neste artigo são estimados, sendo uma média com a qual pode contar ter de investir em cada uma das nossas sugestões.

Rendido às nossas escolhas? Atenção que os preços para estes vinhos franceses são meramente indicativos, podendo variar nas lojas onde são vendidos. Mas não deixe que isso o dissuada, pois valem bem a pena!

Veja também: