Candal: um oásis de tranquilidade na Serra da Lousã

Ansioso por escapar ao ritmo citadino? A Aldeia do Xisto do Candal é o sítio perfeito para repôr energias e mergulhar no imenso verde da Serra da Lousã.

Candal: um oásis de tranquilidade na Serra da Lousã
Saiba o que visitar e onde ficar na belíssima Aldeia do Xisto do Candal

Encaixada na belíssima Serra da Lousã, numa colina voltada a Sul, a Aldeia do Candal é várias vezes considerada a mais desenvolvida das aldeias serranas e uma das mais visitadas. Às gente locais é, por isso, comum juntarem-se visitantes de todo o país que encontram no Candal um oásis de tranquilidade.

A Aldeia do Candal – um oásis de tranquilidade e tradição

CandalFonte: ADXTUR-Danilo Pavone

Refrescada pela Ribeira do Candal, a pequena aldeia com o mesmo nome dá a conhecer aos visitantes as casas em xisto, a eira, a fonte, o lavadouro público e a capela, verdadeiros testemunhos do imaginário rural e serrano. Suba até ao miradouro para uma vista deslumbrante sobre o vale e abrace a energia desta aldeia que o fará esquecer-se do ritmo acelerado que insiste em fazer parte do quotidiano.

O que fazer na Aldeia do Xisto do Candal?

1. Subir ao Trevim em BTT

Candal

O Alto de Trevim, com 1200 metros de altitude, é um local de uma beleza indescritível e um significado especial para todos os que habitam a Serra da Lousã. Subir ao topo é como mergulhar num postal fantástico de Portugal, onde figuram lugares mágicos como a Serra da Estrela, o Oceano Atlântico, a Serra da Gardunha e Marvão, já no Alentejo.

Com início junto ao Parque Carlos Reis, o percurso em BTT, com mais de 20 quilómetros de curvas e contra-curvas, tem uma subida suave e é perfumado por uma exuberante vegetação, várias ribeiras e, já não longe do topo, imponentes torres eólicas.

Aos aventureiros, aconselha-se uma paragem na esplanada da Loja do Xisto da aldeia aqui homenageada para repôr energias e absorver a beleza envolvente sem pressa. No final, aventure-se no Baloiço do Trevim, um artefacto de madeira a 1200 metros de altitude.

2. Percorrer a Rota da Levada

Candal

Com início no Castelo da Lousã ou, no sentido oposto, na Aldeia do Xisto da Cerdeira, este Caminho do Xisto da Lousã passa pela Ribeira de S. João e, como não poderia deixar de ser, pela aldeia do Candal, onde os aventureiros poderão recuperar energias e provar a água fresca de uma fonte construída em 1941. É um percurso pedestre acompanhado por carvalhos, sobreiros e pinheiro bravo, linhas de águas e até veados, corços e javalis, que o irá levar a testemunhar o que a natureza tem de melhor.

3. Mergulhar na Praia Fluvial da Senhora da Piedade

Candal

A Serra da Lousã encerra vários tesouros e a praia fluvial na Ribeira de S. João é um deles. Situada num belíssimo lugar caracterizado pelas Ermidas da Nossa Senhora da Piedade e o Castelo da Lousã, este refúgio natural é perfeito para se refrescar, descansar e merendar quando na região.

4. Visitar a Loja Aldeias do Xisto do Candal

CandalFonte: ADXTUR-Bruno Ramos

As Lojas Aldeias do Xisto são espaços que celebram o saber-fazer artesanal e a identidade cultural destes lugares tão singulares. A Loja do Candal, gerida por artesãos locais, é um espaço a visitar quando à procura de uma experiência mais genuína.

Poderá confortar o estômago com delícias regionais, levar para casa produtos de qualidade seleccionada e, até, participar em actividades originais, como passeios com histórias, contos da aldeia e workshops de construção de miniaturas de casas de xisto. Poderá, ainda, aprender a confeccionar pão e a dançar e cantar como as gentes da serra ou, apenas, retemperar o corpo ao sol na esplanada da loja.

Onde ficar na Aldeia do Xisto do Candal

Casa Cimeira

Candal

A Casa Cimeira, recentemente remodelada, é um espaço que alia tradição ao conforto moderno, levando-o a sentir-se em casa. Com uma vista soberba sobre a aldeia, é o lugar ideal para mergulhar no imenso verde da serra e na identidade cultural do Candal.

Preço por noite (casa inteira, 2 hóspedes, pequeno-almoço incluído): 65€ (agora com 30% de desconto) Ver alojamento em bookinxisto.com/pt >>

Veja também:

 

Isadora Freitas Isadora Freitas

Isadora Freitas é licenciada em Jornalismo e tirou o Mestrado Europeu em Direitos Humanos. Encontra-se atualmente no Camboja, onde ensina Português a guias turísticos e procura explorar esse canto do Mundo. Gosta de ler, escrever, fazer teatro e é apaixonada por rádio e fotografia. É apreciadora de pequenas coisas e gosta de contribuir para as grandes