Publicidade:

15 dos melhores filmes de suspense de sempre

Se está numa de thrillers, eis 15 dos melhores filmes de suspense que precisa de conhecer. Falamos em Hitchcock, Kubrick, Jordan Peele e muitos outros!

15 dos melhores filmes de suspense de sempre
Filmes que o vão agarrar à cadeira

Vamos lá revisitar os clássicos do thriller e ficar a conhecer algumas longas metragens que são dos melhores filmes de suspense para assistir numa noite de inverno. Aconselhamos que não os veja sozinho, especialmente se se tratarem daqueles de maior violência psicológica. Prepare-se para muitos sustos e “borboletas na barriga” com estes melhores filmes de suspense de sempre!

15 melhores filmes de suspense que não pode deixar de ver


1. The Lady Vanishes (1938)

Com: Margaret Lockwood, Michael Redgrave, Paul Lukas
Realização: Alfred Hitchcock

Claro que se falamos em suspense, temos de falar em Hitchcock!

Ora, o enredo começa numa estalagem algures na Europa, onde os passageiros do comboio esperam que a neve seja retirada da linha. Nisto, a jovem Iris conhece a idosa Sra. Froy, uma típica senhora inglesa. Pouco antes do embarque, Iris leva uma pancada na cabeça e desfalece; ela é auxiliada pela idosa, que logo depois desaparece. Iris, entretanto, trava conhecimento com Gilbert e juntos tentam encontrar a velha senhora que desapareceu.

Outros thrillers do realizador que merecem todos os segundos de atenção são: The Lodger: A Story of the London Fog (1927), The 39 Steps (1935), Rebecca (1940), Rear Window (1954), Vertigo (1958) e Psycho (1960). São dos melhores filmes de suspense, garantidamente.

2. Gaslight (1944)

Com: Charles Boyer, Ingrid Bergman, Joseph Cotton, May Whitty
Realização: George Cukor

Em “Meia Luz”, Ingrid Bergman interpreta o papel de Paula Alquist, sobrinha de uma antiga e famosa cantora de ópera, assassinada uns anos antes.

Paula, agora casada com Gregory Anton, é levada a acreditar que é maluca, tudo por causa da ganância do marido. Este é um dos melhores filmes de suspense de sempre, sem dúvida. Não pode deixar de o ver!

3. The Stranger (1946)

Com: Edward G. Robinson, Loretta Young, Orson Welles
Realização: Orson Welles

“O Estrangeiro” é um filme sobre a presença de altas patentes nazis nos Estados Unidos da América, com novas identidades. Mr. Wilson é um investigador que está à procura do fugitivo Franz Kindler, um criminoso de guerra especialmente hábil em manter-se indetetável.

Eventualmente, Wilson encontra-o em Charles Rankin, um professor numa escola secundária em Harper, Connecticut. O problema é que ele não tem provas para o prender, por isso pede à jovem americana com quem Rankin casou recentemente. Será que a convence?

4. Nóż w wodzie (1962)

Com: Leon Miemczyk, Jolanta Umecka, Zygmunt Malanowicz
Realização: Roman Polanski

“A Faca na Água” foi a primeira longa de Polanski e foi muito bem recebida na altura.

O enredo tem como protagonistas um casal bem sucedido, em viagem, que quase atropela um jovem rapaz que pedia boleia. Acabam por conversar com o jovem e convidá-lo a juntar-se a eles no seu barco. Já a bordo, é notório o distanciamento entre marido e mulher e um conflito começa a emergir entre o rapaz e o marido. Primeiro geracional e, depois, em disputa pela esposa. E o mais interessante é que há um jogo de significados com o nome das personagens que dá uma profundidade política ao filme.

5. Wait Until Dark (1967)

Com: Audrey Hepburn, Alan Arkin, Richard Crenna
Realização: Terence Young

Em “Os Olhos da Noite”, a protagonista é Susy, uma mulher que cegou após um grave acidente. Enquanto se acostuma à sua nova realidade, o seu apartamento é invadido por criminosos à procura de uma boneca usada para traficar droga. Só que eles não abrem o jogo, fazendo-se antes passar por polícias que precisam de Suzy (e da boneca) para resolver um homicídio.

Susy percebe que algo está errado, que está a ser enganada e que se encontra à mercê de desconhecidos. Conseguirá sobreviver, contando apenas com os outros sentidos?

6. The Shining (1980)

Com: Jack Nicholson, Shelley Duval, Danny Lloyd, Scatman Crothers
Realização: Stanley Kubrick

Jack Nicholson é Jack Torrance, um escritor e alcoólico em recuperação que aceita trabalhar num hotel, no meio de nenhures, como zelador. Para lá vão também a sua mulher e o filho. O que acontece é que o hotel é habitado por seres sobrenaturais de que o filho de Jack consegue aperceber-se, mas que levam o pai à loucura e a acessos de violência. É, sem dúvida, um dos thrillers psicológicos mais assustadores de todos os tempos, talvez até o melhor dos melhores filmes de suspense feitos até hoje. Já agora, o enredo é baseado num livro do Stephen King, um dos maiores autores de suspense e terror da atualidade.

7. Misery (1990)

Com: James Caan, Kathy Bates, Richard Farnsworth
Realização: Rob Reiner

Este filme de suspense é uma adaptação do livro Misery, também de Stephen King, que conta a história de Paul Sheldon. Sheldon é um autor de grande sucesso, em grande parte devido à sua personagem mais popular – Misery. Para sair da sua sombra, ele decide libertar-se dela e matá-la.

No entanto, numa viagem de regresso a casa, ele sofre um acidente e acorda na casa de Annie Wilkes, a sua auto-proclamada maior fã, que delira completamente com os romances protagonizados por Misery. Quando ela percebe que a personagem é eliminada, Annie recusa o desfecho e aprisiona Sheldon acamado na sua casa.

8. The Silence of The Lambs (1991)

Com: Jodie Foster, Anthony Hopkins, Scott Glenn, Ted Levine
Realização: Jonathan Demme

Clarice Starling é uma agente do FBI destacada para interrogar Hannibal Lecter, um sociopata canibal na prisão, de modo a traçar o perfil psicológico de um assassino em série que mata mulheres e anda a monte. Bem, “O Silêncio dos Inocentes” é de causar arrepios, não pelo assassino em série, mas por causa de Hannibal Lecter. Este é um dos melhores papéis de sempre do Anthony Hopkins.

9. Memento (2000)

Com: Guy Pearce, Carrie-Ann Moss, Joe Pantoliano, Mark Boone Junior, Russ Fega, Jorja Fox
Realização: Christopher Nolan

Neste filme de culto, seguimos a vida de Leonard. Ele é um investigador de seguros que vive obcecado por encontrar a pessoa que provocou a morte da mulher e lhe causou uma forma de amnésia que o leva a apagar inconsciente, mas selectivamente, memórias. Ora, dadas as circunstâncias, Leonard vê-se obrigado a deixar mensagens para si próprio e a tatuar avanços da sua investigação no seu corpo.

Não é por acaso que este é considerado um dos melhores filmes de suspense de todos os tempos, pela crítica do cinema.

10. Lust, Caution (2007)

Com: Tang Wei, Tony Leung Chiu-Wai, Wang Leehom, Joan Chen
Realização: Ang Lee

“Sedução, Conspiração” tem como pano de fundo Hong Kong e Shanghai, na altura da guerra sino-japonesa. Quando Wong Chia Chi sai de Shanghai para ingressar na faculdade em Hong Kong, ela acaba por se juntar ao clube de teatro patriótico da escola, onde conhece Kuang Yu Min. Kuang, inspirado pelas peças patrióticas que encenam, convence o resto da trupe a contribuir de facto na guerra contra o Japão. O plano é assassinar Mr. Yee, um agente e membro do governo-fantoche chinês, controlado pelos imperialistas japoneses. Para isso, Wong Chia Chi deve aproximar-se dele e seduzi-lo. Mas conseguirá ela manter-se indiferente e condenar um homem à morte?

11. El Secreto de Sus Ojos (2009)

Com: Ricardo Darín, Soledad Villamil, Pablo Rago, Guillermo Francella, Javier Gordino
Realização: Juan José Campanella

“O Segredo dos Seus Olhos” foi o segundo filme latino-americano a receber o Óscar de Melhor Filme Estrangeiro, sabia? A história acompanha o detetive Benjamin Esposito, que decide retomar a investigação de um crime de violação e homicídio ocorrido 25 anos antes. Além do crime por resolver, há indícios de corrupção política, o uso de criminosos para localizar e “neutralizar” extra-judicialmente ativistas políticos (resumidamente, terrorismo de Estado). A não perder, vá por nós.

12. Allied (2016)

Com: Brad Pitt, Marion Cotillard, Jared Harris
Realização: Robert Zemeckis

“Aliados” passa-se durante a Segunda Guerra Mundial e é protagonizado por Brad Pitt no papel de Max Vatan, um espião ao serviço dos Aliados, e Marion Cotillard no papel de Marianne Beausejour, da Resistência Francesa. Eles conhecem-se numa missão, apaixonam-se e formam uma família. A felicidade desmorona quando Vatan é abordado por oficiais ingleses que lhe trazem uma nova missão: Marianne é suspeita de ser agente dupla e ele deve matá-la se não descobrir provas que atestem a sua inocência; ou, então, ele será enforcado por traição.

13. Bad Day for the Cut (2017)

Com: Nigel O’Neill, Susan Lynch, Józef Pawlowski
Realização: Chris Baugh

Donal, um pacato lavrador de meia idade dedicado à sua velha mãe tem a sua vida virada do avesso. Quando um dia chega a casa, depara-se com a idosa assassinada. Na sua demanda por vingança, ele percebe que há uma faceta da sua querida mãe, e de si próprio, que em boa verdade desconhecia.

Este é um daqueles filmes de suspense que não reúne consensos. Há quem ache fabuloso, há quem ache medíocre, há quem ache uma boa surpresa. No mínimo, é um filme que entretém, que mostra que quando um homem comum é levado ao limite, é capaz de coisas impensáveis e que nos recorda que nunca conseguiremos conhecer totalmente uma pessoa.

14. Get Out (2017)

Com: Daniel Kaluuta, Allison Williams, Bradley Whithford, Catherine Keener
Realização: Jordan Peele

“Foge” foi uma das grandes surpresas de 2017, com nomeações aos Óscares de 2018 para Melhor Filme, Melhor Ator, Melhor Realizador e Melhor Argumento Original, vencendo nesta última categoria.

Chris, um fotógrafo negro, está num relacionamento com Rose, uma jovem branca. Por já estarem juntos há algum tempo, ela acha que é a altura de o apresentar aos pais, supostamente pessoas de mente aberta, superiores a qualquer preconceito racial. Quando lá chega, ele percebe que há algo de estranho na fachada de simpatia que a família de Rose lhe mostra e começa a sentir-se encurralado.

15. You Were Never Really Here (2017)

Com: Joaquin Phoenix, Ekaterina Samsonov, Judith Roberts, John Doman
Realização: Lynne Ramsay

“Nunca Estiveste Aqui” é um dos melhores filmes de suspense que tivemos em 2018 nas salas de cinema. Joe, interpretado por Phoenix, é um veterano que ganha a vida como “mercenário”, resgatando raparigas desaparecidas. Quando um salvamento corre mal e ele é quase morto, Joe é consumido pela obsessão de levar a missão a bom porto.

Veja também: