Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Marvin Tortas
Marvin Tortas
22 Jun, 2018 - 10:50

Novo Audi A1: um citadino de luxo

Marvin Tortas

Foi revelada a 2ª geração do novo Audi A1. Este é o carro mais pequeno e mais barato da marca alemã, mas conta agora com todos os luxos de um topo de gama.

Novo Audi A1: um citadino de luxo

O novo Audi A1 foi totalmente redesenhado. É agora maior, mais largo e mais baixo do que a anterior geração, o que significa que existe mais espaço no interior, e um look bastante mais agressivo no exterior.

Duas semanas após ter lançado o novo Audi Q8, que será um dos modelos mais caros de sempre da Audi, a marca alemã lança este que será o seu modelo mais acessível, e que não tem qualquer concorrência direta das restantes marcas “premium” (os modelos mais baratos da Mercedes e BMW são o Classe A e o Série 1, e esses rivalizam com o A3). Com a Audi a disponibilizar para este modelo todas as últimas tecnologias de conforto e segurança, seguramente dominará o mercado do segmento “mini”.

Muita coisa mudou da geração lançada em 2010 para esta geração, nomeadamente nas motorizações disponíveis, desaparecendo as opções diesel da gama, e desaparecendo também a carroçaria de 3 portas. O Audi A1 está agora apenas disponível na versão Sportback com motores a gasolina.

O design arrojado do novo Audi A1 é inspirado no Audi Sport Quattro, um dos carros com maior pedigree da marca dos anéis, e que dominou o campeonato mundial de ralis nos anos 80. Promete convencer todos os fãs do desporto motorizado, sobretudo o público masculino.

Há muito para gostar no novo Audi A1, por isso vamos conhecê-lo em pormenor.

O novo Audi A1

Audi

Exterior

O novo Audi A1 cresceu 56mm no seu comprimento, e mede agora 4,03m. Quanto à largura, essa também cresceu 34mm, medindo agora 1,74m. Ao mesmo tempo que ficou mais comprido e mais largo, ficou 10mm mais baixo, o que confere ao novo Audi A1 uma postura mais dinâmica, agressiva e musculada.

Audi A1

À primeira vista destacam-se logo os novos faróis LED Matrix capazes de tornar a condução nocturna como se de plena luz do dia se tratasse, e que fazem uma bonita coreografia quando se ligam ou desligam, tal como o novo Audi A6, o novo A7 ou o novo A8 (modelos premium da Audi). A  grelha frontal é também mais larga e mais achatada do que na versão anterior, e sob a grelha podemos agora ver também uma entrada de ar para um melhor arrefecimento dos componentes do motor. Esta entrada de ar remete-nos diretamente para o Audi Sport Quattro, que serviu de inspiração para este modelo, segundo a marca germânica.

Também a lateral do Audi A1 mereceu uma revisão, com a Audi a adicionar algumas saliências na parte superior e inferior das portas, linhas que realçam o caracter desportivo deste carro.

E é também na lateral do novo Audi A1 que podemos encontrar outra inspiração do Audi Sport Quattro, com o pilar C de volumosas dimensões, tal como era visível no carro campeão de ralis.

A1

Na parte traseira, ficamos felizes por saber que a Audi contrariou a tendência que tanto mal estar tem causado entre os entusiastas do automobilismo: saídas de escape falsas. A Audi dotou o novo A1 com duas saídas de escape reais e bem visíveis, e ainda lhe adicionou um spoiler traseiro de generosas dimensões, realçando ainda mais o carácter desportivo do novo Audi A1.

Interior

Apesar de o exterior do A1 ter sido totalmente renovado, é no interior que se vai sentir a maior evolução deste carro. A qualidade de construção e os materiais utilizados são de uma qualidade acima da média, e realmente sentimos que este é um carro premium.

Também um toque premium é o facto de existir a possibilidade de equipar o novo Audi A1 com um sistema de iluminação ambiente que permite escolher entre 30 tonalidades diferentes.

A1

Também a consola central foi alvo de revisão, e nesta nova geração existe um ecrã touch orientado para o condutor, o que ajuda a dar um ambiente bastante mais limpo à consola central, passando todas as funcionalidades do carro a serem controladas por este ecrã, à exceção da climatização, que continua a ter botões individuais bastante mais fáceis de manobrar enquanto estamos a conduzir.

Tal como em todos os novos modelos da Audi, o novo A1 também poderá ser equipado com o virtual cockpit, que pode ser personalizado para mostrar o tacómetro e o velocímetro em dimensões “normais”. Pode ser apenas o tacómetro na parte central em grandes dimensões quando ativado o modo “sport”, ou pode ainda ser transformado num mapa gigante e que torna bastante fácil a utilização da navegação destes modelos.

A1

No que a dimensões interiores diz respeito, o novo Audi A1 é bastante mais espaçoso do que a geração anterior. Os bancos são bastante confortáveis e 2 pessoas adultas de estatura média poderão circular na parte de trás deste automóvel sem qualquer sacrifício. Quanto à bagageira, essa aumentou a sua capacidade em 65L, tendo agora capacidade de 335L com os bancos traseiros na vertical, ou 1090L com os bancos rebatidos, suficiente para transportar quaisquer objetos no quotidiano.

Motores

Talvez aqui resida a maior surpresa do Audi A1: só estarão disponíveis motores a gasolina. As versões diesel e as versões de 3 portas foram descontinuadas, existindo apenas as versões Sportback a gasolina. No entanto, a escolha de motores ainda é bastante alargada: dois motores de 3 cilindros (um de 95 e outro de 116 cavalos) e dois motores de 4 cilindros (um com 150 e outro, o mais potente, com 200 cavalos, que será o mais “apimentado” dos A1).

Tecnologia

O novo Audi A1 é um carro cheio de “gadgets” e está ao nível de qualquer topo de gama da marca, mas de dimensões mais reduzidas e ideal para circular pelas cidades. E porque nas cidades estamos sujeitos a maiores distrações e os toques são mais propensos, o Audi A1 conta com uma série de ajudas à condução para evitar que danifique o seu carro. Neste carro podemos encontrar limitadores de velocidade, assistente de manutenção na faixa de rodagem, sistema de anti-colisão e cruise control adaptativo que funciona entre os 30 e os 200 km/h.

Além de tudo isto, também foi integrada pela primeira vez no A1 uma câmara traseira para auxiliar o condutor mas manobras de estacionamento.

Os preços do novo Audi A1 deverão subir um pouco em relação aos preços da atual geração, que começa nos 20.559€ para a versão Sportback. A versão base do novo Audi A1 deverá rondar os 23.000€. O novo A1 chegará a Portugal no último trimestre deste ano, e é provável que ainda durante 2019 seja lançado também o novo Audi S1 Sportback. Saiba mais>>

Veja também: