ebook
           
GUIA DO REGRESSO ÀS AULAS
Patrocinado por Escola Virtual - Grupo Porto Editora
Teresa Campos
Teresa Campos
17 Jul, 2022 - 19:13

Há 9 benefícios do gelado para a sua saúde

Teresa Campos

Afinal, há benefícios do gelado que importa conhecer. Perceba quais são e por que comer um gelado até pode ser bom para a sua saúde.

Verão, praia e dias quentes combinam com gelado. Não importa o sabor ou formato, este alimento é uma excelente e saborosa forma de refrescar o corpo e combater o calor. Contudo, desde cedo nos habituámos a ver o gelado como um produto nocivo e que devemos evitar consumir. Mas será que não há benefícios do gelado? É a esta pergunta que vamos responder em seguida.

Gelados: entenda a composição destas delícias frescas

A primeira receita de gelado terá tido origem na China, há mais de 3 mil anos. Inicialmente, o gelado era feito misturando neve com frutas e mel. Porém, nos finais do século XIII, começaram a espalhar-se um pouco por todos os continentes novas técnicas de confeção do gelado, embora os ingredientes base – gelo e frutas – se tenham mantido.

Hoje em dia, grande parte dos gelados é resultado da conjugação de água ou leite, com açúcar, gordura, sumo ou aroma de frutas, emulsificante, espessante e aditivos e da aplicação de diversas técnicas de fabrico.

Em termos nutricionais, o gelado pode conter proteína, açúcar, hidratos de carbono, lípidos, gordura vegetal ou animal, cálcio, fósforo, vitaminas A, B1, B2, B6, C, D, E e K, entre outros minerais. Aqueles que são mais ricos em leite têm elevados teores de sais minerais, como cálcio.

Além disso, e ao contrário do que muita gente pensa, os gelados, na sua generalidade, não são extremamente calóricos. Aquilo que faz com que não devam ser consumidos em grandes quantidades e com grande frequência é o seu elevado teor em gordura e proteína.

Importa ainda considerar que os toppings, muitas vezes acrescentados aos gelados, vão aumentar o seu valor calórico. Daí, evitar os toppings e optar por gelados à base de frutas e/ou iogurte, mais leves, seja uma boa decisão.

9 benefícios do gelado

1.

Fertilidade

Um estudo realizado pela Universidade de Harvard concluiu que o gelado pode ajudar a elevar a fertilidade feminina, ao aumentar as hipóteses de ovular. Na mesma de linha de pensamento, existe a pesquisa do Centre for Neuroimaging Sciences de Londres, o qual concluiu que o gelado eleva os níveis de prazer de quem o consome.

2.

Dores de garganta

Ao contrário do que muitas pessoas ainda pensam, o gelado não causa gripes e constipações, já que na origem destas doenças estão vírus e não alimentos frios.

Além disso, no caso das inflamações da garganta, como as amigdalites, os alimentos mais aconselhados são mesmo os frescos. Portanto, os gelados fazem parte deste rol de ingredientes recomendados.

3.

Fonte de energia

O gelado é um produto energético, por natureza, pelo que é especialmente recomendado a quem despende muita energia ou está numa fase de crescimento, como acontece com as crianças.

4.

Pós-operatório

Talvez não acredite, mas o consumo de gelados é muitas vezes recomendado a quem foi operado, pois este alimento tem propriedades analgésicas e ajuda ainda a prevenir hemorragias.

Assim, é especialmente recomendado a pessoas que estejam a fazer tratamentos como quimioterapia ou tenham sido sujeitas a cirurgias para remoção das amígdalas, refluxo gastroesofágico, ortodônticas, etc.

5.

Cálcio

Já referimos que o gelado pode ser muito rico em cálcio e, nesse caso, além de melhorar a saúde óssea, é capaz de fortalecer os dentes, regular os batimentos cardíacos, melhorar a coagulação sanguínea, desintoxicar o corpo das células de gordura e regular os impulsos nervosos.

6.

Fósforo

O fósforo é outro mineral muito presente nos gelados e que ajuda no bom funcionamento do cérebro, na formação de proteína, no equilíbrio hormonal e na digestão, no fortalecimento de ossos e dentes, na extração de energia, na reparação de células, nas reações químicas e na utilização de nutrientes.

7.

Vitaminas

Com tantas vitaminas, os gelados são ricos em antioxidantes e ainda melhoram a saúde oftalmológica.

A vitamina D, por exemplo, ajuda no fortalecimento dos ossos e na proteção do sistema imunitário. Por outro lado, a vitamina K melhora a saúde óssea e a coagulação sanguínea.

No caso da vitamina B1, ela ajuda a regular os sistemas nervoso e cardiovascular, enquanto a vitamina B2 auxilia na reparação dos tecidos, na produção de anticorpos e hemoglobina e no bom funcionamento das mucosas no sistema digestivo.

Finalmente, a vitamina B6 garante o bom funcionamento de várias enzimas e contribui para a síntese do ácido nucléico e das proteínas, ao mesmo tempo que a vitamina B12 melhora a memória e o sistema nervoso.

8.

Prevenção de doenças

Quando enriquecidos com probióticos e prebióticos, os gelados ainda têm mais benefícios para a saúde, pois ajudam a evitar algumas patologias. Por isso, até já existem linhas de gelados medicinais, feitos com ervas e plantas com propriedades farmacológicas.

9.

Bem-estar

Os gelados possuem ainda triptofano, um aminoácido que acalma e diminui os níveis de agressividade, ao mesmo tempo que aumenta a produção de serotonina, a hormona que promove o bem-estar no corpo. Consequentemente, os gelados ajudam a combater o stress, a relaxar e a dormir melhor.

Portanto, se consumidos com moderação, os benefícios do gelado podem ser determinantes para a melhoria da sua saúde e, também, para o seu bem-estar e bom humor.

Veja também