Helena Peixoto
Helena Peixoto
27 Jun, 2017 - 08:00
Competências relacionadas com o trabalho

Competências relacionadas com o trabalho indispensáveis

Helena Peixoto

Nem só de formação académica se faz um profissional. Conheça as competências relacionadas com o trabalho em que deve investir.

O artigo continua após o anúncio

Se pensa que um curso superior é sinónimo de sucesso garantido quando se candidata a uma vaga que lhe agrade então esqueça essa ideia.

A verdade é que terminar a faculdade e arranjar de imediato um emprego não é uma tarefa assim tão simples. A concorrência é cada vez maior e, talvez por isso, os recrutadores valorizem muito as competências relacionadas com o trabalho, de modo a escolher o melhor candidato.

Para que possa destacar-se entre todos os candidatos e consiga encontrar um emprego de que goste, é fundamental saber aquilo que a empresa procura nos novos funcionários. Falamos de características que vão além da formação académica ou da experiência profissional e que, atualmente, são tão valorizadas como estes fatores.

Ter um currículo atrativo e com características que o valorizem é meio caminho andado, mas um conjunto de conhecimentos e aptidões extra podem fazer uma real diferença. Fique agora a conhecer o conjunto de competências transversais em que deve investir para conseguir o seu emprego de sonho.

6 COMPETÊNCIAS RELACIONADAS COM O TRABALHO QUE TEM MESMO DE TER PARA O SUCESSO

Num mercado de trabalho tão exigente, competitivo e em constante e evolução, destacar-se pode parecer uma tarefa hercúlea – mas não é impossível. O segredo está em desenvolver as competências profissionais mais disputadas pelas empresas. São transversais a todas as áreas de atuação e podem alavancar uma carreira de sucesso.

E o que são, afinal, estas competências relacionadas com o trabalho? Tratam-se de características pessoais e profissionais que se traduzem na aptidão para realizar uma determinada atividade ou função. Embora possam ser hard skills, o mais comum é refletirem-se nas soft skills, sendo que são cruciais para qualquer bom profissional e qualquer emprego.

Estas habilidades podem mesmo determinar o seu grau de proficiência numa atividade profissional específica. Além de serem essenciais, as competências transversais estão intrinsecamente relacionadas com o perfil pessoal de cada candidato e podem ser aperfeiçoadas.

team work

Capacidade de trabalhar sob pressão

A sobrecarga de tarefas e de horários pode levar a um nível de stress tão alto que leva à diminuição da sua produtividade e capacidade de decisão. Infelizmente, este é um daqueles casos em que só depois de passar por algumas situações semelhantes conseguirá aprender a lidar com o problema.

O artigo continua após o anúncio

Se ainda não tem experiência neste tipo de situações, perca alguns minutos para fazer uma auto-análise. É importante que perceba como se comporta em situações de stress muito alto e procure mecanismos para disfarçar o excesso de nervosismo.

Deve transmitir segurança, sorrir e tentar manter contacto visual. Uma atitude proativa e a vontade de resolver problemas por iniciativa própria e de forma autónoma são também uma mais valia.

Contudo, não deve esquecer o seu estado de espírito: em momentos de maior angústia concentre-se nas suas mais valias, nos aspetos positivos da sua carreira, e no seu real valor.

Adaptabilidade

A adaptabilidade passa pela capacidade que uma pessoa tem de se conseguir ajustar a uma situação nova. Trata-se da aptidão para ter sucesso em condições diferentes daquelas às quais se está habituado, sem prejudicar a performance profissional.

Muitas são as pessoas que sentem dificuldade em lidar com mudanças, mas todos podem desenvolver e fortalecer essa habilidade. Seja flexível. As pessoas mais adaptáveis são capazes de elaborar estratégias para os desafios colocados por um mercado de trabalho que também está em constante mudança.

Inovação e criatividade

Resolução de problemas e brainstorming são uma constante em qualquer empresa. Regra geral, as chefias incentivam todos os funcionários a partilhar as suas ideias e a fazer propostas que possam de alguma forma melhorar a atuação de todos e a estimular a inovação.

Nesse sentido, não deve ter medo de expor as suas sugestões. O importante é contribuir para que a empresa tenha melhores resultados.

Multitasking

A capacidade de se dedicar a várias atividades em simultâneo é uma característica muito necessária a qualquer empresa e, certamente, uma das competências relacionadas com o trabalho mais valorizadas. Os gestores acreditam que a capacidade de distribuir a sua atenção por várias tarefas ao mesmo tempo permite poupar tempo e dinheiro.

O artigo continua após o anúncio

Resolução de conflitos

É muito importante saber lidar com os conflitos em ambiente de trabalho e resolver qualquer situação com a maior diplomacia possível. Esta regra aplica-se à relação com todos: desde colegas a superiores, passando por clientes e fornecedores. Por isso mesmo, é uma das competências relacionadas com o trabalho mais importantes no mundo laboral.

Trabalho em equipa

Que a maior parte das pessoas trabalha melhor sozinho já não é novidade. No entanto, a capacidade de trabalhar em equipa deve ser uma das suas principais competências profissionais.

Saber ouvir e respeitar ideias divergentes, bem como desenvolver soluções em parceria pode ser verdadeiramente enriquecedor para todos. Não é, aliás, por acaso que esta é uma das características mais valorizadas.

Veja também