Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Luísa Santos
Luísa Santos
24 Out, 2018 - 15:53

Encriptar ficheiros: como e porquê?

Luísa Santos

Pode ter vários motivos para encriptar ficheiros, mas a sua finalidade é só uma: proteger informação pessoal à qual não quer que ninguém tenha acesso.

Encriptar ficheiros: como e porquê?

Pode querer manter o mais privado possível qualquer tipo de ficheiros: desde documentos, fotografias, informações bancárias… Encriptar ficheiros mantém-nos mais protegidos e seguros, já que, para o fazer, precisa de, pelo menos, uma password e um software próprio.

Porquê e como encriptar ficheiros

ficheiros

Porquê

Infelizmente, é cada vez mais comum assistirmos a notícias relacionadas com falhas de segurança online e apropriação de informações privadas e dados pessoais. Por esse motivo, todo o cuidado chega a ser pouco e quanto mais medidas tomar para ajudar a manter segura a sua privacidade, melhor.

Uma dessas medidas pode passar por encriptar ficheiros, de forma a mantê-los privados e, sobretudo, muito difíceis e aceder. Não falamos, neste caso, de ficheiros comuns que estão simplesmente guardados num computador e que não contenham informações pessoais. Falamos, isso sim, de documentos que incluam informações pessoais.

Nesse caso, o mais seguro é, sem dúvida, encriptar esses ficheiros de forma a os manter seguros e, acima de tudo, impenetráveis. Podem ser documentos escritos (com informações bancárias, dados pessoais ou até a sua morada), fotografias, vídeos… Aquilo que entender. O processo para encriptar ficheiros é relativamente simples e baseia-se no mesmo princípio, independentemente do programa que utilizar.

Como

Pode encriptar até mesmo a hard drive do seu computador, mas não o aconselhamos a fazê-lo se não estiver por dentro do assunto e não o dominar a 100%. Como tal, para encriptar ficheiros específicos, tudo o que precisa de fazer é instalar um software que suporte a encriptação de ficheiros, como, por exemplo, o AxCrypt e o 7-Zip – dois dos mais conhecidos.

Ambos são gratuitos e ideais para quem ainda é principiante nestas andanças e que tudo o que quer é manter a sua informação privada e segura. Existem, contudo, softwares pagos se estiver disposto a gastar determinada quantia por eles. O princípio é o mesmo, mas estes oferecem mais funcionalidades.

No caso do AxCrypt, aquilo que acontece é que a extensão do ficheiro é alterada para AXX, o que significa que só o poderá voltar a abrir utilizando esse mesmo programa, bem como a password definida. Para além de o poder utilizar no computador, pode também fazer o download da respetiva app e recorrer ao mesmo através de um smartphone ou tablet.

No caso do 7-Zip, a lógica mantém-se, ainda que este utilize tecnologia e extensões próprias para encriptar ficheiros. Contudo, a forma de funcionamento mantém-se inalterável e acaba por ser igualmente simples de utilizar.

Veja também: