Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Ana Graça
Ana Graça
24 Abr, 2018 - 10:00

10 vantagens de falar sozinho

Ana Graça

Costuma falar sozinho? Claro que sim! E ainda bem. Para além de ser inofensivo, falar sozinho parece ajudar em determinadas tarefas do dia-a-dia. Saiba quais.

10 vantagens de falar sozinho

Muitas vezes dá por si a falar sozinho longamente acerca de diversos assuntos? Quando se apercebe sente-se um pouco envergonhado e pondera se falar sozinho será normal? Não se preocupe! Falar sozinho é absolutamente normal, comum e parece até ter bastantes vantagens.

Falar sozinho pode parecer um ato demasiado individual, que transparece solidão, mas a verdade é que estes momentos de introspeção não são sinónimo de infelicidade, mas sim de tranquilidade, descanso, e são uma oportunidade para refletir.

Falar sozinho pode ser feito de diferentes formas. Pode ser uma conversa interior na forma de pensamentos silenciosos, pode ser um sussurro ligeiro, ou pode ser feito em voz alta.

Falar sozinho: problema de saúde mental ou sinal de inteligência?

falar sozinho

Falar sozinho é, muitas vezes, associado a patologia mental mas, na realidade, quando feito de forma adequada e congruente é um comportamento bastante comum e inofensivo. Pouca investigação existe sobre o ato de falar sozinho, mas os estudos existentes apontam algumas vantagens.

1) Pode ser uma forma de obter conforto quando alguém se sente sozinho: ajuda a preencher o espaço vazio;

2) Verbalizar em voz alta ajuda a dar sentido e a organizar as ideias;

3) Pais que têm bebés em casa e falam sozinhos, ou seja, que verbalizam os seus pensamentos em voz alta, podem estar a contribuir para a estimulação da comunicação nos seus filhos, bem como para aumentar o seu vocabulário;

4) Verbalizar determinadas informações vai fazer com que se concentre nelas e evite distrações;

5) Ajuda a memorizar informações;

6) Por incrível que pareça, falar sozinho pode inclusive ajudar a encontrar um objeto perdido: dizer o nome do objeto em voz alta ajuda a ativar, mentalmente, determinadas características visuais do objeto em questão;

7) Se está tenso e tem pensamentos ansiosos ou depressivos, verbalizá-los e questioná-los pode ser uma boa estratégia: debata consigo mesmo os pensamentos ansiosos e depressivos e diminua os seus sintomas; se repetir este processo algumas vezes, vai sentir-se mais confiante quando tiver que partilhar os mesmos pensamentos perante outras pessoas;

8) Pessoas que falam sozinhas tendem a verbalizar em voz alta os pensamentos acerca da resolução de determinado problema que enfrentam: discutir verbalmente as vantagens e desvantagens de cada solução pode ser uma ótima estratégia de resolução de problemas;

9) Falar sozinho pode ser uma boa ferramenta para aumentar a autoconfiança: claro que é necessário escolher as palavras certas; elogie-se e reforce a sua autoestima;

10) Pode ser útil na vida profissional: antes de uma reunião de trabalho pode ajudar rever em voz alta aquilo que vai apresentar posteriormente diante de outras pessoas; ouvir-se ajuda a organizar melhor os pensamentos e a memorizar as apresentações.

Veja também: