Maria Graça
Maria Graça
26 Jan, 2024 - 14:29

Gomas para dormir: sim ou não?

Maria Graça

Tem problemas em adormecer ou sofre de insónias? As gomas para dormir são umas doces aliadas nesta batalha. Mas serão uma boa aposta?

O sono é um dos mais importantes componentes da nossa saúde física e mental. Mas de acordo com alguns estudos 1 em cada 3 adultos não tem um sono de qualidade. Os suplementos que hoje encontramos para ajudar nesta luta são muitos e as gomas para dormir têm vindo a ganhar um grande destaque.

Estas gomas contém ingredientes ativos para induzir o sono, nomeadamente a melatonina, e são uma alternativa mais doce aos suplementos em forma de comprimido.

Se pertence aos 35% da população que sofre de problemas de sono, possivelmente já considerou recorrer a um auxílio para melhorar a qualidade da sua noite.

Mas o que são estas gomas? E serão elas seguras?

Gomas para dormir: o que são?

A melatonina, mais conhecida como a hormona do sono, é uma substância produzida pelo cérebro quando anoitece, para que o nosso organismo comece a desacelerar. O pico da melatonina dá-se durante o sono e o nível é reduzido pela manhã.

Os níveis de melatonina começam a aumentar depois do pôr-do-sol e os picos da hormona são atingidos entre as 23 e as 3 horas da manhã. No entanto, a presença da luz irá diminuir a sua produção, fazendo com que despertemos de forma natural.

Com o objetivo de repor e equilibrar estes níveis, a suplementação de melatonina faz cada vez mais parte do dia a dia daqueles que têm dificuldade em adormecer ou em manter o sono.

Surgiu inicialmente através de bebidas à base de ervas, evoluiu naturalmente para cápsulas, sprays e comprimidos, e hoje estas gomas para dormir para dormir são uma alternativa conveniente e saborosa para quem procura estes aliados ao sono.

São eficazes?

Os estudos científicos sobre a eficácia da melatonina e sobre as gomas para dormir são ainda hoje escassos. Na realidade, médicos e especialistas não apresentam uma opinião unânime sobre a sua ingestão.

No entanto, os poucos estudos realizados foram positivos e comprovaram que os suplementos à base de melatonina ajudam com a insónia e o jet lag, melhoram a qualidade do sono e prolongam o seu tempo.

São indicadas para idosos, visto que o envelhecimento reduz de forma natural a produção de melatonina no organismo, contudo têm vindo a ser cada vez mais utilizadas por todas as faixas etárias.

Se procura saber se há riscos em dar estas gomas para dormir ao seu filho, é importante consultar o seu médico.

São prejudiciais para a saúde?

Em doses elevadas, a melatonina pode trazer algumas implicações. Dores de cabeça, tonturas, cólicas e náuseas são alguns dos seus efeitos secundários.

Pessoas com problemas renais, com epilepsia, que sofrem de doenças auto-imunes, grávidas ou mulher em amamentação, devem também consultar o seu médico e tomar este suplemento apenas se recomendado.

Segundo o Infarmed, os suplementos alimentares que ajudam a adormecer devem conter apenas até 2mg de melatonina. Por isso, na hora de escolher as gomas, tenha atenção à dosagem.

Confira também se contêm açucares adicionados e quaisquer outros conservantes na sua composição, porque podem afetar a bom funcionamento dos ingredientes promotores do sono.

Quando tomar?

Este suplemento deve ser tomado preferencialmente algumas horas antes de se deitar. Ao tomar pouco tempo antes de ir para a cama irá afetar o seu ritmo noturno e diurno.

Como acontece com a maioria dos suplementos, normalmente é preciso um pouco de tempo para as gomas “fazerem efeito” e para o seu corpo começar a responder.

Se as gomas tiverem ingredientes que atuam rapidamente no corpo, causando sonolência, o ideal é tomá-las o à noite ou imediatamente antes de dormir.

No entanto, na maioria dos casos, as gomas contêm ingredientes que funcionam durante todo o dia para ajudar o corpo numa melhor produção de todas as hormonas e outros intervenientes chave para um bom sono.

Dicas para dormir melhor

As gomas para dormir podem ser umas ótimas aliadas na qualidade do seu sono. No entanto, é importante ter em consideração alguns fatores:

  • a partir das 20 horas evite a luz proveniente de aparelhos eletrónicos – telemóveis, tablets, computadores e televisão;
  • tome um duche quente para relaxar o corpo antes de se deitar;
  • mantenha a temperatura do quarto entre os 15ºC e os 20ºC;
  • se gosta de ler, tente evitar as luzes mais fortes.

Já conhecia este aliado ao sono?

As gomas para dormir podem ajudá-lo a ter uma melhor noite de sono. No entanto, não deverão ser uma solução a longo prazo. Caso sofra de insónias, consulte o seu médico se procura determinar a raiz do seu problema.

Veja também

Artigos Relacionados