Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Patrick Antunes
Patrick Antunes
01 Ago, 2018 - 12:24

i5 vs i7: saiba se a diferença vale a pena

Patrick Antunes

Quer comprar um portátil ou construir uma torre e não sabe qual é o melhor processador para si? Será que há um vencedor no confronto i5 vs i7?

i5 vs i7: saiba se a diferença vale a pena

Apesar de no mercado haver imensos tipos de processadores, o Intel Core i5 e o Intel Core i7 são, sem dúvida, os mais populares. Todos os portáteis e torres de gama alta vêm equipados com um i5 ou i7 (salvo exceções de computadores equipados com um processador AMD). Na hora de investir, a maior parte dos consumidores quer ter o melhor possível por menos dinheiro. E qual é o melhor processador nesta guerra de i5 vs i7?

É importante notar que vamos apenas discutir os processadores mais recentes da 7ª e 8ª geração da Intel por terem especificações e características bem melhores que os anteriores.

i5 vs i7: qual o melhor?

i5 vs i7

Fonte: Intel/ Divulgação

Antes de avançarmos para a escolha do melhor processador, temos de perceber o que significam os números que a Intel utiliza para dar o nome aos chips.

O nome é, normalmente, composto pela gama do processador e 4 números, por exemplo, Intel Core iX-YZ00:

  • – Gama do processador: i3 /i5 / i7 / i9
  • Y – Geração do processador: um Intel Core i7-8700 é da 8ª geração
  • – Modelo do processador (dentro da gama) – Intel Core i7-8700

Esta nomenclatura é utilizada pela Intel já há vários anos e as próprias gerações de processadores têm uma “alcunha”, por exemplo, os de 7ª geração chamam-se Kaby Lake e os da 8ª geração são os Coffee Lake.

O que precisa de perceber é que o modelo do processador – indicado pela letra – quanto maior for o número, mais rápido e melhor será, dentro da mesmo geração.

Memória Cache

Cache é a memória de acesso rápido dos processadores. Imaginemos que está a fazer um trabalho e está a utilizar 2 programas em simultâneo. Ao minimizar um programa, o processador guarda a informação para que, quando volte a abrir a janela, seja muito mais rápido. Desta forma o processador não precisa de calcular tudo de novo.

Caches maiores significam que são melhores em multitasking e em trabalhos que exijam muito cálculo como renderizar imagens 3D ou filmes.

Hoje em dia, grande parte dos i5 têm 9MB de cache e os i7 têm 12MB. Isto significa que, para trabalhos mais exigentes, o i7 é melhor.

Hyper-Threading

Os processadores i5i7 trabalham de maneira diferente na forma como gerem a informação que processam. Este tecnologia dos processador da Intel é como uma “mentira” para os sistemas operativos e aplicações. Hyper-Threading faz com o que o software “pense” que o processador tem mais núcleos que aqueles que realmente tem e assim fazer mais cálculos em simultâneo.

Estes threads são utilizados pelos softwares para gerir várias tarefas ao mesmo tempo em vez de as meter em “lista de espera” e executá-las uma a uma.

Vários processos utilizam este tipo de tecnologia como, por exemplo, renderização de vídeos/imagens e navegar na Internet. Normalmente, os i5 tem menos núcleos e por isso têm menos threads, logo são piores em multitasking.

Hyper-threading é mais comum nos processadores i7, que duplica o número de threads que o CPU pode executar. Nesta batalha de i5 vs i7, o i7 ganha outra vez.

Qual deve comprar?

Esta é a pergunta que realmente deve ser feita. Já concluímos que o i7 é melhor em vários aspetos, mas será mesmo a melhor opção?

Se olharmos para o preço dos processadores para computadores fixos, o Intel Core i7 8700K custa cerca de 400€ enquanto que o i5 quase do mesmo nível (8600K) custa 250€. Nos portáteis, a diferença de preços é ainda maior.

Para a maior parte das pessoas, um Core i5 é a escolha mais acertada, especialmente porque os i5 de última geração são equiparáveis aos i7 da geração anterior. Mesmo depois de vermos que este perde em vários fatores, os processadores i5 não o vão atrapalhar nas tarefas do dia, mesmo para gamers que querem jogar sem quebras.

Um i7 faz sentido para quem não se importa de pagar um preço premium para ter mais rapidez ou para o consumidor que vai utilizar software de edição de vídeo ou renderização 3D.

Realmente, a gama i7 é das melhores do mercado e é melhor (mas pouco) que os i5. Para o consumidor comum, os i7 podem ter ganho todas as batalhas, mas nesta guerra de i5 vs i7, é o i5 que leva a taça.

Veja também: