Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Luana Freire
Luana Freire
01 Out, 2020 - 13:10

Há uma idade ideal para ser mãe?

Luana Freire

Afinal há a idade ideal para ser mãe? As conclusões de um estudo mostram que a maternidade mais tardia pode ser a melhor amiga da maturidade.

Qual a idade ideal para ser mãe

O relógio biológico pode ter passado a bater com mais calma – e quem o diz é a ciência. Sabe qual é a idade ideal para ser mãe? A resposta é “depende”, mas um estudo realizado por especialistas da Universidade do Sul da Califórnia revelou que ser mãe depois dos 35 anos pode ser benéfico para as mulheres.

A idade ideal para ser mãe

Os anos passam e cada vez mais mulheres optam por adiar a maternidade. Os motivos podem variar, mas sabe-se que isso não é apenas uma mera tendência. A presença feminina no mercado de trabalho, as alterações na conjuntura socioeconómica e a mudança trazida pelas novas aspirações da mulher perante a sociedade têm contribuído, e muito, para este resultado.

Já todos ouvimos dizer que uma gravidez após os 35 anos é considerada de risco, certo? Historicamente, uma gestação a partir desta idade está associada a contrapartidas importantes para mãe e bebé. No entanto, cada vez mais estudos científicos têm concluído que há benefícios associados a uma gravidez em idade mais avançada.

Não existe uma idade ideal para ser mãe. O que existe é a correta união de fatores para viver a experiência da melhor forma, independente dos números marcados no Cartão do Cidadão.

Mulher a amamentar bebé

Mãe depois dos 35? Sim, sem problemas.

De acordo com os cientistas da Califórnia, foi comprovado que ser mãe a partir dos 35 anos pode trazer vantagens para as mulheres. Após esta idade, a maternidade pode ajudar a aumentar a expectativa de vida e contribuir para melhorar as habilidades mentais da mulher.

O estudo feito na Califórnia analisou testes realizados com 830 mulheres em idade pós-menopausa (após os 74 anos). Os cientistas compararam os resultados daquelas que foram mães jovens, entre os 15 e os 24 anos, com os das mulheres que viveram a maternidade mais tardiamente. Estas mulheres tiveram os melhores resultados na resolução de problemas, para além de uma mostrar uma maior habilidade verbal.

Os cientistas afirmam que os resultados são explicados através do aumento hormonal que acontece durante a gestação, uma vez que ele interfere nas funções cerebrais. Quando este “bombardeamento” acontece depois dos 35 anos, o organismo entende a alteração como benéfica e vê a mudança de forma positiva. Em síntese, uma mulher mais velha que decida ser mãe, vai apresentar funções cognitivas mais eficazes.

É importante reter que este estudo simplesmente comprova que a maternidade depois dos 35 anos não é tão perigosa quando se diz. O fundamental para saber a idade ideal para ser mãe é pensar caso a caso, considerar o momento adequado e procurar acompanhamento médico especializado.

Veja também