Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Nuno Margarido
Nuno Margarido
22 Dez, 2015 - 08:30

iPad Pro vs Surface Pro

Nuno Margarido

iPad Pro vs Surface Pro – as novas coqueluches dos dois gigantes tecnológicos prometem criar rivalidades.

iPad Pro vs Surface Pro

Há uma nova “guerra” entre duas das maiores empresas de criação e produção de tecnologia: iPad Pro vs Surface Pro. Dois novos tablets que pretendem revolucionar o mundo dos dispositivos eletrónicos e a forma como trabalhamos e vivemos o nosso dia-a-dia. Quem ir á sair vencedor desta guerra? Estarão estes dois dispositivos prontos para substituir os computadores pessoais e os portáteis? Talvez…

iPad Pro vs Surface Pro

Revolucionário (ou nem tanto)

Apresentado há cerca de um mês, o iPad Pro é um tablet com um ecrã bastante grande. São 12,9 polegadas de ecrã de fazer inveja a muitos portáteis. O objetivo? Segundo Tim Cook, CEO da Apple, o objetivo passa por acabar com o reinado dos computadores e dos portáteis possibilitando o acesso a um tablet com dimensões consideráveis e capaz de executar as mais variadas tarefas. É aqui que surge um grande senão na nova coqueluche da Apple. O ecrã de 12,9 polegadas, segundo algumas críticas, parece ser demasiado grande para qualquer utilização banal.

Para além disso, o iPad Pro trouxe duas grandes novidades. Um teclado e um lápis para que a experiência seja cada vez mais envolvente e para que a utilização do mesmo seja cada vez mais fácil e acessível. Se os lápis aliados à tecnologia não são uma grande novidade, o teclado é algo que já foi inventado há muito tempo e tem feito parte do… grande rival Surface Pro.

Brilhante… até certo ponto

O Microsoft Surface Pro 4 surge plenamente renovado e com seis versões diferentes – varia o processador, a RAM, o espaço em disco. Assume-se como um tablet que pode substituir o computador portátil mas, à semelhança do iPad Pro, oferece um ecrã de grandes dimensões – 12,3 polegadas para sermos mais precisos. Se a crítica não poupou o produtor da Apple, também não faz sentido que poupe o da Microsoft por umas míseras 0,6 polegadas.

O Surface Pro 4 tem recebido imensas críticas positivas mas que se ficam apenas pelo hardware oferecido. O Windows 10 parece ainda não ter conquistado o seu espaço e há bastantes críticas ao software desenvolvido e às apps disponíveis para esta plataforma.

Sistema operativo

Apesar de ser um sistema operativo direcionado para dispositivos móveis, o iOS, da Apple, oferece vários recursos apetecíveis. Contudo, o Windows 10 foi pensado de forma a responder às necessidades do utilizador tanto a nível de dispositivos móveis como de computadores portáteis.

Visualmente, o sistema operativo da Microsoft acaba por nos sobrecarregar um pouco mais mas também acaba por oferecer mais soluções e facilidades de uso.

Performance

A Apple apresentou o novíssimo processador A9X capaz de obter resultados bastante gratificantes e até de editar vídeos em 4K. A Microsoft, por outro lado, oferece imensas opções de 6ª geração desde o M3 ao i7. Procurámos várias críticas e várias comparações entre os processadores oferecidos pelos dois produtos e descobrimos que o Surface Pro 4 saiu a ganhar desta intensa luta.

Bateria

Como já seria de esperar, o iPad Pro vence esta batalha com uma autonomia bastante superior à do Microsoft Surface. Pense no uso que quer dar a cada um e o quanto precisa para trabalhar.

Preço

O iPad Pro pode ser encontrado à venda desde os 939€ com o preço a ascender consideravelmente tendo em conta a capacidade de armazenamento e a conectividade.

Já o Microsoft Surface Pro 4 surge à venda por 1,029€ no mínimo. O preço máximo? Cerca de 2,500€… um preço absurdo por um aparelho que ainda não provou ser o futuro dos dispositivos móveis.

Veja também: