ebook
Ebook Finanças (s)em Crise
Um guia para tempos complicados
Afonso Aguiar
Afonso Aguiar
30 Mar, 2021 - 16:33

O Lexus LF-Z Concept foi mostrado ao mundo e promete eletrificar o futuro

Afonso Aguiar

A marca converteu-se à eletrificação automóvel e, para celebrar a sua nova visão, mostrou ao mundo o Lexus LF-Z Concept. Saiba mais.

Lexus LF-Z Concept

A 30 de março de 2021, a marca japonesa anunciou o seu Lexus LF-Z Concept, um modelo SUV que promete “eletrificar o futuro”.

Este projeto reflete a proposta da marca, que abraça agora a eletrificação automóvel com inovação e até revolução, sendo a base para um futuro ainda mais incrível, pelo menos entre os seus modelos.

Segundo a Lexus, este é um modelo completamente diferente daquilo que vimos anteriormente. Pretende revolucionar não apenas o mercado dos SUVs, mas também a experiência de condução, controlo e interatividade em todos os modelos.

Quais as características do Lexus LF-Z Concept?

Durante o anúncio, a marca referiu novidades relativas aos veículos 100% elétricos, mas também híbridos, plug-in, movidos a hidrogénio e com combustíveis fósseis tradicionais. No entanto, o foco principal foi, obviamente, o LF-Z, cujo lançamento é esperado apenas até 2025.

A marca japonesa não tem pudor em afirmar que, segundo o seu conceito, este puro EV (100% elétrico) será capaz de ter 600 km de autonomia, com capacidade de aceleração dos 0 aos 100 km/h em apenas três segundos. Assim, rivaliza e ultrapassa ou iguala os melhores modelos atuais da Tesla.

A velocidade máxima será limitada a 200 km/h com um torque ou binário entre os 400 e os 700 Nm.

Em termos de comprimento, parece mais pequeno que a maioria dos SUVS compactos ou de segmento B, com apenas 4.8 metros de comprimento, 1.9 metros de largura e uma altura de 1.6 metros. No entanto, tratando-se meramente de um conceito, a realidade poderá não ser tão diferente dos SUVs que vemos atualmente.

Condução autónoma

Além disso, a condução autónoma não foi esquecida. Apesar de não desenvolver muito esta matéria, a Lexus faz efetivamente referência ao facto de no seu tópico sobre a sensação de condução, também podermos ter a sensação de sermos conduzidos.

Resumidamente, o LF-Z Concept baseia-se na sensação única que a Lexus permite dar ao condutor. Não só ao nível de conforto e controlo, mas também na capacidade de se conectar com o exterior e criar o ambiente perfeito para cada cenário.

Lexus LF-Z Concept

O que distingue o Lexus LF-Z Concept

Para atingir o objetivo de melhorar a experiência de condução em toda a sua plenitude, a Lexus criou, pelo menos em teoria (uma vez que falamos de um protótipo conceptual), uma série de inovações.

Entre elas destacam-se as seguintes:

Direct4 Technology

A nova plataforma e o sistema elétrico proporcionam que a energia chegue diretamente às rodas, garantindo que todos os sistemas estão interligados. Assim, aumenta a capacidade de aceleração e resposta do carro e facilita a alteração entre tração frontal e AWD (tração integral).

Segundo a marca, esta inovação garante um inigualável controlo sobre o carro e uma experiência única de estabilidade durante a aceleração e a fazer as curvas.

À primeira vista, o Direct4 Technology assemelha-se ao 4ORCE da Nissan, que vai ser lançado no Arya EV. No entanto, e à falta de mais pormenores é impossível, para já, estabelecer qualquer tipo de comparação.

Tazuna cockpit

A palavra Tazuna, em português, significa “usar rédeas para controlar o cavalo”. Foi baseado no controlo absoluto que, segundo a Lexus, todos os pormenores no interior do cockpit foram redesenhados para melhorar a experiência de condução.

Entre esses pormenores encontra-se um volante sem parte superior ou inferior, lembrando a experiência de condução de um Fórmula 1. No entanto, as inovações no interior não se ficam por aqui.

Para melhorar o interior, colocou-se um interface inovador em forma de uma borboleta preta. Graças a dois ecrãs, um de cada lado do volante, emana praticidade, modernismo e evolução por todos os lados.

Esta solução permite, em teoria, ao condutor entrar em contacto com a Inteligência Artifical embutida através de um pequeno toque no ecrã ou da voz. Pode, inclusive, interagir com o sistema AI das casas inteligentes.

Posteriormente, a Inteligência Artificial vai aprender as preferências do condutor, para ajustar novas rotas, assim que achar necessário.

Tejadilho electrocrómico e interior fácil de ambientar

Com um tejadilho panorâmico, feito de vidro capaz de controlar a luz, convida o exterior a interagir com o interior. Ao mesmo tempo, as luzes LED no interior permitem criar vários ambientes diferentes, consoante o humor ou vontade do condutor ou passageiros.

Lexus LF-Z Concept: E-latch e digital Key

Já conhecemos o conceito de chave digital. Esta permite partilhar a chave do automóvel sem ter de o fazer fisicamente. Permite, também, controlar vários aspetos e funções do carro remotamente, através do smartphone.

No entanto, a grande inovação do Lexus LF-Z Concept prende-se com a introdução o sistema e-latch no lugar dos tradicionais puxadores. Este facilita e aumenta a segurança ao abrir e fechar as portas.

Resumidamente, as pegas estão embutidas no interior do carro e têm sensores. Assim, ou sentem o aproximar da chave de segurança e saem automaticamente, ou no sentido inverso, bloqueam a abertura das mesmas quando sentem que o condutor não consegue sair em segurança.

Todas estas introduções fazem parte da Lexus Driving Signature Phylosophy, cujo objetivo principal se prende com a preocupação com o que o condutor “sente”, utilizando as máquinas não como inimigos, por vezes vistos no cinema, mas antes como extensores dos objetivos humanos.

O objetivo da Lexus é que até 2025 toda a sua frota tenha pelo menos uma versão eletrificada. No mesmo ano, a marca pretende que 50% dos seus veículos vendidos sejam efetivamente elétricos, sejam eles puros EV, híbridos ou Plug-in.

Parece que a Lexus finalmente se converteu à eletrificação automóvel e, como forma de celebrar as suas conquistas, em 2025 pretende lançar o Lexus LF-Z, o carro que segundo, a marca, será a base para garantir “um futuro elétrico”.

Veja também

Aviso Legal

O Ekonomista disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento fiscal, jurídico ou financeiro. O Ekonomista não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral e abstrata, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui qualquer garantia nem dispensa a assistência profissional qualificada. Se pretender sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].