Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Catarina Reis
Catarina Reis
24 Set, 2018 - 09:00

Dicas para encontrar a luz certa para trabalhar

Catarina Reis

São diversos os fatores que afetam – positiva e negativamente – a produtividade e a iluminação é um deles. Saiba encontrar a luz certa para trabalhar.

Dicas para encontrar a luz certa para trabalhar

Encontre a luz certa para trabalhar e aumente a sua capacidade de concentração.

Escolher a luz certa para trabalhar aumenta a sua produtividade

Talvez seja mais do conhecimento comum o modo como o som afeta o processo de trabalho. Por exemplo, o tema da influência da música enquanto se trabalha ou estuda já foi muitas vezes debatido, e há inúmeros estudos que a comprovam.

Outros fatores que afetam a produtividade são a hidratação e nutrição do organismo, a disponibilidade de todo o material necessário para trabalhar e a ausência de distrações. No topo de todos estes, no entanto, está a iluminação, absolutamente indispensável para a realização do trabalho com conforto e sem prejudicar a saúde, nomeadamente a saúde ocular.

organizar a secretaria

A luz certa para trabalhar é fundamental para fazer bem e mais depressa

Uma boa iluminação cria condições de trabalho confortáveis e mais propícias à concentração. Como é do senso comum, a luz natural tem um efeito regulador sobre o organismo, nomeadamente sobre os estados de vigília e de sonolência.

Assim, os resultados do trabalho poderão melhorar se se certificar de que há luz natural suficiente; depois de garantir que tem luz natural em quantidade suficiente, deve passar para a busca de luz artificial. A luz certa para trabalhar inclui a combinação de fontes de luz naturais e artificiais com a intensidade e orientação corretas.

Algumas dicas para aumentar a sua produtividade simplesmente mudando a iluminação do seu local de trabalho

Invista algum tempo na preparação das condições de luz do seu espaço de trabalho. Tome nota das nossas sugestões.

  • Selecionar a cor da luz: é recomendável usar uma luz branca fria (frequência entre 3500K – 4000K) para melhorar o conforto visual, a acuidade e o contraste na sua secretária. No entanto, se tiver olhos mais sensíveis, deve escolher uma luz amarela suave (frequência entre 2500 K – 3000 K).
  • Ajustar a posição da fonte de luz – este fator também é importante, especialmente se trabalha em frente a um ecrã de computador. Idealmente, a fonte de luz deve estar atrás de si (de cima ou de lado); ter uma luz a incidir de frente é má ideia, pois tem o efeito de o ofuscar e fazer piscar os olhos. A posição da fonte de luz varia também consoante a pessoa seja destra ou canhota: se for destro, deve colocar a lâmpada à sua esquerda para limitar as áreas sombreadas quando estiver a escrever, enquanto que para um canhoto, a situação se inverte. Aponte o feixe de luz para o meio do espaço de trabalho sem que atravesse o seu campo visual.
  • Se trabalha com um computador, configure uma lâmpada de baixa intensidade perto de um dos lados ou na parte de trás do mesmo para evitar esforçar os olhos. A luz que vem do teto deve ser dispersa de forma uniforme por todo o espaço. É de evitar colocar o computador sob luz natural ou artificial direta; em vez disso, posicione-o em ângulo perpendicular à fonte de luz, mesmo que isso signifique rodar o ecrã do computador quando a luz natural se deslocar.

7 coisas que não deve ter na secretária

  • 7 dicas para melhorar o ambiente de trabalho
  • Plantas no escritório: as 5 mais adequadas
  • 12 dicas para aumentar a produtividade no trabalho
  • Ideias de arrumação para o quarto que vai querer ter já