Assunção Duarte
Assunção Duarte
04 Jan, 2019 - 11:22
As 25 palavras passe mais usadas em 2018 (para evitar em 2019)

As 25 palavras passe mais usadas em 2018 (para evitar em 2019)

Assunção Duarte

Uma medida de cibersegurança básica: evitar as palavras passe mais usadas, para que os seus dados pessoais e as informações da sua empresa não fiquem comprometidos.

O artigo continua após o anúncio

As palavras passe mais usadas pelos utilizadores de Internet ainda continuam a ser pouco seguras e previsíveis, o que permite aos hackers utilizá-las em beneficio próprio.

Apesar dos alertas para que os internautas utilizem passwords mais complexas nos serviços que requerem credenciais de identificação, os utilizadores continuam a preferir as mais simples, que memorizam facilmente, tentando evitar o mais possível o processo maçador de recuperação das passwords esquecidas.

O resultado está à vista na lista divulgada recentemente pela SplashData com as piores passwords utilizadas no ano de 2018. Há 7 anos que esta empresa norte americana, especializada em segurança na Internet, divulga uma lista anual com as piores passwords, roubadas em diversos serviços online nos Estados Unidos e na Europa Ocidental. O objetivo é chamar a atenção dos utilizadores e sensibilizá-los para a necessidade de perder algum tempo quando criam uma password de identificação online.

O top 25 das palavras passe mais usadas em 2018

palavras passe mais usadas

Depois de uma análise de cerca de 5 milhões de passwords roubadas, esta foi a lista divulgada no final de 2018. As passwords que aparecem primeiro conquistaram esse lugar há já alguns anos e, segundo a SplashData, certa de 10% dos utilizadores globais da Internet continuam a escolher uma delas para se identificar numa das suas contas.

O resultado não é bom, já que muitas destas senhas acabam por ser a porta de entrada para roubos de identidade que são, muitas vezes, vendidos na chamada darknet para todo o tipo de negócios escuros. A situação pode ser particularmente preocupante no contexto empresarial, na medida em que expõe as empresas aos mais variados riscos cibernéticos e compromete dados de funcionários, clientes, fornecedores, parceiros, etc.

Verifique a lista, confirme se não é um desses utilizadores e, se for, saiba quais são as boas práticas para criar uma palavra passe que em 2019 vai proteger melhor os seus dados pessoais e as informações da sua empresa.

As palavras passe mais usadas

  • 123456
  • password
  • 123456789
  • 12345678
  • 12345
  • 111111
  • 1234567
  • sunshine
  • qwerty
  • iloveyou
  • princess
  • admin
  • welcome
  • 666666
  • abc123
  • football
  • 123123
  • monkey
  • 654321
  • [email protected]#$%^&*
  • charlie
  • aa123456
  • donald
  • password1
  • qwerty123

Boas práticas para criar uma palavra passe

1. Utilize no mínimo 11 caracteres com letras, em maiúscula e minúscula, números e sinais;

2. Utilize uma palavra passe diferente para cada serviço ou conta online;

O artigo continua após o anúncio

3. Mude frequentemente as suas palavras passe para fazer o login no mesmo serviço. O mais fácil é recorrer a um serviço gratuitos online, como o LastPass ou o Dashlane, para criar senhas diferentes para as suas contas sem ter de as memorizar. Basta memorizar apenas a senha de acesso ao serviço. Estas aplicações encriptam todas as passwords que criam por isso, se forem atacadas, não irão colocar a sua identidade em risco;

4. Se quiser ser ainda mais cauteloso, especialmente se tiver uma empresa, invista num autenticação de dois fatores (de duas etapas) ou num protocolo de identificação multifator.

Um exemplo destes protocolos é os já criados para homebanking, em que é necessário uma reconfirmação da identificação via e-mail ou SMS.

Veja também