Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Teresa Campos
Teresa Campos
01 Jul, 2019 - 10:24

A pele e a menopausa. Tudo o que precisa saber

Teresa Campos

Entenda melhor a relação entre a pele e a menopausa e aprenda a cuidar da sua tez e a mantê-la com um aspeto jovem por mais tempo. Desvende o segredo!

A pele e a menopausa. Tudo o que precisa saber

A pele e a menopausa têm uma relação estreita e pode dizer-se que, muitas vezes, é na pele que se evidenciam os primeiros sintomas da menopausa. Porém, há que encarar esta fase com naturalidade e perceber que tudo faz parte de um processo orgânico e hormonal perfeitamente normal.

Porém, esta proximidade entre a pele e a menopausa faz com que seja pertinente falar em cuidados especiais com a tez, especialmente neste período da vida das mulheres. Saiba quais os produtos certos e o que deve fazer e o que também não deve fazer para manter a sua pele com um aspeto jovem e, principalmente, saudável.

Perceba a relação entre a pele e a menopausa

pele e a menopausa

De um modo geral, pode definir-se a menopausa como a fase em que a mulher deixa de menstruar mensalmente. A partir desse momento, são várias as alterações hormonais que têm lugar.

O envelhecimento da pele é uma dessas mudanças, a qual se relaciona com os níveis baixos de DHEA, a “hormona da juventude”. Além disso, a produção de colágeneo também diminui e há uma redução progressiva de ácido hialurónico e outros componentes que ajudam a preencher a pele. Tudo isso abre caminho à flacidez, às rugas e a uma série de efeitos indesejados que vão sendo espelhados na pele. Fique, agora, a conhecer alguns deles e saiba como evitá-los ou suavizar a sua presença.

Durante esta fase, é comum a pele apresentar-se:

  • Ressequida;
  • Sem elasticidade;
  • Mais fina;
  • Com manchas;
  • Rugas mais profundas e mais numerosas;
  • Mais sensível e sujeita a lesões;
  • Pele desidratada;
  • Tónus desigual;
  • Maior dificuldade em cicatrizar;
  • Manchas escuras pigmentadas;
  • Muito seca ou muito oleosa.

Como cuidar da pele na menopausa

Expostos os principais sinais da menopausa, no que à pele diz respeito, há que sublinhar o que pode fazer para eliminar ou atenuar todos estes efeitos indesejados. De uma maneira geral, podemos dizer que, além de rotinas de higiene e beleza diárias, há produtos que podem ser especialmente importantes nesta fase, nomeadamente cremes com:

  • Vitamina C;
  • Resveratrol;
  • Retinol;
  • Pro-Xylane;
  • Ácidos como o LHA, derivado do ácido salicílico;
  • AHA, complexo de ácido glicólico e cítrico;
  • Ácido anísico.

Se quiser ir um pouco mais além ou se sentir que o seu caso carece de outro tipo de intervenção, então pode equacionar submeter-se a alguns tratamentos estéticos mais específicos, como por exemplo:

  • Toxina botulínica: reduz as rugas dinâmicas;
  • Preenchimento com ácido hialurónico: devolve a firmeza ao rosto e minimiza os sulcos, olheiras e perda de contorno;
  • Estimuladores de colágeneo: contraria a flacidez da pele;
  • Laser e luz pulsada: melhoram a textura, a aparência dos vasos e manchas e estimulam a produção de colágeneo;
  • Radiofrequência e ultrassom microfocado: combatem a flacidez.

Para além de cremes e tratamentos estéticos, a alimentação e a hidratação são fundamentais e uma dieta equilibrada é essencial. Nesta fase da sua vida, aposte essencialmente em ingredientes ricos em cálcio, soja, vitaminas A, C ou E, antioxidantes e aumente o consumo de água para melhorar a textura e aparência da pele. É, também, desaconselhado o consumo em excesso de bebidas alcoólicas, refrigerantes, sal, açúcares e gorduras.

Além disso, a prática regular de exercício físico é vital para manter o corpo oxigenado, melhorar a circulação sanguínea e limpar os poros. Já para não falar que é uma belíssima forma de combater a osteoporose, tão temida nesta fase da vida.

Outros cuidados diários

  • Usar um creme hidratante depois do banho, enquanto a pele está húmida.
  • Aplicar um filtro solar com fator mínimo 15, para proteger a pele dos raios solares;
  • Utilizar uma loção tónica, e manhã e à noite, para retirar o excesso de gordura e equilibrar o pH;
  • Fazer esfoliação duas vezes por mês com óleo de amêndoas doces e açúcar, para remover as células mortas da pele.
Veja também