ebook
Ebook Finanças (s)em Crise
Um guia para tempos complicados
David Afonso
David Afonso
21 Mai, 2021 - 12:24

Os 7 pilotos mais marcantes do rali de Portugal

David Afonso

Naquela que é a mais antiga modalidade de automobilismo em Portugal, descubra quem são os 7 pilotos mais marcantes do rali da prova portuguesa.

Lancia Delta Integrale, um dos melhores carros do rali de Portugal

Quem é que são os pilotos mais marcantes do rali de Portugal? Quem são os heróis que aceleram dos fãs portugueses? Naquela que é a mais antiga modalidade de automobilismo em Portugal, muitos são aqueles que ficaram na história.

Neste artigo vamos destacar alguns dos mais marcantes e que fizeram de Portugal uma estrada para o seu sucesso.

Rali de Portugal: uma história com mais de 50 anos

Antes de apresentarmos os pilotos mais marcantes, façamos uma pequena introdução sobre a prova rainha do automobilismo em Portugal.

Com a edição de 2021 do Rali de Portugal, já são 54 edições de muita poeira, velocidade, curvas e contra-curvas. É verdade a prova mais cotada do automobilismo no nosso país já tem mais de 50 anos.

A primeira edição foi disputada em 1967 e desde aí contou para diversos campeonatos internacionais.

O Rali Internacional TAP, assim se designou a primeira edição internacional da prova, foi a continuação de uma prova criada no início da década de 60 pelo Grupo Cultural e Desportivo da TAP, quando a Transportadora Aérea Portuguesa decide criar uma prova de estrada para os seus funcionários.

Depois de uma edição inicial coroada pelo sucesso, o rali de 1968 registou o recorde de inscritos que ainda dura até agora (190 inscritos). Três anos após a criação, a prova vê os seus méritos reconhecidos na Europa com a integração no Campeonato Europeu de Ralis, ao que se seguiu a integração no Campeonato do Mundo de Ralis em 1973.

O resto é e tem sido história. Atualmente, a organização da prova está a cargo do Automóvel Clube de Portugal e já contou com figuras que deixaram marcas na modalidade e em Portugal. Vejamos agora quais e os seus feitos no nosso país.

7 pilotos mais marcantes do rali de Portugal

Markku Alén (Finlândia)

Markku Alén
Foto: Jim Culp

Quando se fala do Rali de Portugal, há um nome que vem sempre à cabeça: Markku Alén, o único a vencer a prova por cinco vezes (até ao final do Séc XX).

Assim, este é um dos nomes mais apreciados e reconhecidos no nosso país, onde goza de imensa popularidade, devido ao seu carisma e personalidade ao conduzir.

Em Portugal, o primeiro triunfo (e da sua carreira) foi em 1975 com um Fiat 124 Spyder. Depois, voltou a ganhar em 1977, 1978 e 1981, sempre aos comandos do 131 Abarth.

Por fim, em 1987, Markku ao volante do Lancia Delta HF 4WD, conquista o penta.

Miki Biasion (Itália)

Miki Biasion, um dos pilotos mais marcantes do rali de Portugal
Foto: Jim Culp

O início da “era Biasion” dá-se em 1988, numa edição que foi quase um “passeio” para o futuro Campeão do Mundo. Aliás, é o único piloto a impor-se por três vezes consecutivas no Rali de Portugal, todas ao serviço da Lancia. Até 1990, a Lancia monopolizou as terras lusitanas.

Apesar da qualidade da época, de Alen, Didier Auriol ou Kankkunen, Miki esteve sempre no lugar mais alto do pódio.

Nestes 3 anos, não houve motores para bater o italiano nas estradas portuguesas.

Hannu Mikkola (Finlândia)

Hannu Mikkola
Foto: FIA

Tal como Biasion, também Mikkola somou três vitórias em Portugal, ainda que mais espaçadas no tempo e ao serviço de duas marcas diferentes.

Ao volante de um Ford Escort 1800, dominou a edição de 1979. Nesta edição venceu 19 especiais, liderou desde a oitava e deixou o segundo lugar a 2m44s de diferença.

Após jejum de quatro anos, voltou à carga em 1983, impondo agora o Audi Quattro à concorrência da Lancia.

E, como se costuma dizer: não há duas sem três. Em 1984, novo triunfo. Num rali decidido na demolidora passagem por Arganil.

Carlos Sainz (Espanha)

Carlos Sainz, um dos pilotos mais marcantes do rali de Portugal

Foi no Rali de Portugal de 1987 que Carlos Sainz fez a sua estreia no Mundial e que também venceu a sua primeira classificativa, logo na PEC 1.

Mas foi só em 1991, na sua terceira participação que o “El Matador”, como era conhecido, conduziu o Celica GT-Four ao triunfo, numa prova em que o seu grande opositor foi Didier Auriol (Delta Integrale).

O regresso ao lugar mais alto do pódio foi em 1995, após cerrado duelo com Kankkunen. De resto, uma nota para os seus pódios em Portugal: segundo em 1998, 1999 e 2001 e terceiro em 2000. Na época, Sainz ficou sempre “quase” à porta da glória.

Colin McRae (Escócia)

Colin Mc Rae, um dos pilotos mais marcantes do rali de Portugal
Foto: Simon Greig

Provavelmente, das maiores lendas do rali mundial. Um ídolo, um dos mais espetaculares e amados pilotos de ralis de todos os tempos, a cara dos melhores videojogos sobre a modalidade, um império de cultura automobilística… tudo, McRae era tudo isto.

Foi sem dúvidas um dos pilotos mais marcantes do rali de Portugal, ganhando por duas vezes. A primeira, em 1998, entrou diretamente para a história por registar, então, a mais curta vantagem de um vencedor em provas do Mundial (2,1s). Esta vitória foi com o mítico Subaru Impreza.

Em 1999, McRae repetiria a vitória no ano seguinte, vencendo a primeira PEC ao volante de um Ford Focus WRC.

Sebastién Ogier (França)

Sébastien Ogier
Foto: Martin Hlinka

Em 2021, o piloto do Toyota Yaris chega a Portugal como líder do campeonato e também como recordista de vitórias no nosso país: cinco (um estatuto que partilha com o histórico Markku Alén).

Sim, cinco vitórias. Foi preciso esperar até 2017 para que um recorde com vinte anos fosse igualado. O atual campeão do mundo, Sébastien Ogier, venceu a prova portuguesa em 2017 ao volante de um Ford Fiesta.

Para 2021, além do favoritismo, Ogier traz consigo também o desejo do recorde absoluto de triunfos na prova.

Michèle Mouton (França)

Michèle Mouton

Em 1982, o Rali de Portugal, na altura Rali Vinho do Porto, fica na história do Mundial como palco da segunda vitória da carreira de Michèle Mouton, a única mulher a vencer nesta disciplina do automobilismo.

Nesse ano, Mouton terminou ainda como vice-campeã mundial, o melhor lugar da história de uma mulher na modalidade.

Armindo Araújo (Portugal)

Armindo Araújo, um dos pilotos mais marcantes do rali de Portugal
Foto: portugalmotorsport

Entre os pilotos mais marcantes do rali de Portugal também temos de fazer referência a um nome português. Armindo Araújo venceu por três vezes o Rali de Portugal e foi o melhor português em mais nove ocasiões.

Para a edição de 2021, traçou o objetivo de ser o melhor corredor português no final. Um desafio, admitiu o próprio, mas que pode ser concretizável. Veremos o comportamento do seu Skoda Fabia R5 Evo.

Com efeito, do asfalto ao carisma, estes foram alguns dos pilotos mais marcantes do rali de Portugal. Uma prova cheia de história e, para muitos, o melhor rali do mundo.

Veja também

Aviso Legal

O Ekonomista disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento fiscal, jurídico ou financeiro. O Ekonomista não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral e abstrata, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui qualquer garantia nem dispensa a assistência profissional qualificada. Se pretender sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].