ebook
Ebook Finanças (s)em Crise
Um guia para tempos complicados
Ekonomista
Ekonomista
25 Nov, 2020 - 13:18

Pontes: pais têm faltas justificadas, mas não são remunerados

Ekonomista

Pais com crianças em idade escolar têm faltas justificadas nos dias 30 de novembro e 7 de dezembro, mas não serão pagos.

Pai em casa com os filhos

A ministra de Estado e da Presidência confirmou esta quarta-feira que os pais que fiquem em casa com os filhos, durante as pontes dos dias 30 e 7 de dezembro, vão ter falta justificada. Porém, não terão direito a remuneração.

À Renascença, Mariana Vieira da Silva foi peremptória: “Têm direito a falta justificada, mas não remunerada. Neste momento, não existe uma prestação desenhada para estes dois dias”.

Recorde-se que, nestes dois dias que antecedem os feriados da Restauração da Independência e Imaculada Conceição, as escolas estarão encerradas. No âmbito das medidas anunciadas pelo Governo para o Estado de Emergência, as atividades letivas foram suspensas nestas datas.

Assim sendo, os pais cuja profissão não lhes permita ficar em teletrabalho, ver-se-ão obrigados a faltar. Apesar de terem falta justificada, não receberão qualquer compensação nesses dias.

Veja também