Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Isabel Barbosa
Isabel Barbosa
28 Ago, 2017 - 11:00

Sabe o que é e quanto custa um spinner?

Isabel Barbosa

Os spinners tornaram-se tendência entre os mais novos, mas há adultos que já aderiram a esta moda. Conheça alguns tipos e saiba quanto custa um spinner.

Sabe o que é e quanto custa um spinner?

Tem um spinner ou já ouviu falar neles? Sabe quanto custa um spinner? Para quem não sabe, o spinner aparenta ser um daqueles brinquedos que se torna moda num dado período de tempo. Os fidget spinners mais comuns são como os da imagem deste artigo, com três pontas e um círculo giratório no centro, mas há-os com várias cores, porém com um objetivo semelhante: fazê-los girar.

Há spinners de vários tipos, assim como formas de “brincar” com eles. Basta pesquisar no youtube para encontrar dicas, truques e formas originais de utilizar os spinners:

Como referido acima, aparenta ser um brinquedo e é maioritariamente usado como tal, mas na sua origem estiveram intenções bem diferentes. Conheça a sua história, os tipos existentes e saiba quanto custa um spinner.

O que é e quanto custa um spinner

Origem do fidget spinner

O spinner foi criado nos anos 1990, por Catherine Hettinger, que passara um péssimo verão devido a uma doença neuromuscular e estava preocupada com a filha por não conseguir pegar nos seus brinquedos. Juntou, então, diversos objetos, uniu-os com fita-cola e envolveu-os num jornal. Depois de algumas experiências, nasceu o fidget spinner.

Embora algumas escolas e professores o considerem uma distração, a autora do spinner refere que muitos professores o têm usado com o intuito de reduzir a ansiedade em crianças com autismo ou com deficit de atenção e hiperatividade. Apesar de ser a inventora do spinner, Catherine não conseguiu renovar a sua patente por falta de recursos.

Tipos de fidget spinner

Há spinners para todos os gostos: com várias cores, com luzes, com três ou duas pontas, portanto, com configurações muito diferentes. Os spinners são feitos em materiais como o latão, aço inoxidável, titânio, cobre, alumínio e plástico 3D. Os rolamentos usados são geralmente em cerâmica ou metal (aço inoxidável ou cromo). Os rolamentos podem ser diferentes para definir a rapidez com que gira.

A diversidade é tal que selecionamos apenas 5 para ilustrar.

1. Spinner clássico

placeholder-1x1

Este é o modelo mais comum, do tamanho da palma da mão, assenta num plástico de três pontas.

2. Spinner cromado

placeholder-1x1

Idênticos aos clássicos, mas cromados e disponíveis em várias cores.

3. Spinner led

placeholder-1x1

Um elemento extra para dar um colorido diferente, principalmente no escuro.

4. Spinner Batman

placeholder-1x1

Há spinners com inspiração para todos os gostos, em filmes e personagens, como Batman e Super Homem, por exemplo.

5. Spinner de dois lados

placeholder-1x1

Uma variação da versão clássica do spinner, este apenas com dois lados.

Quanto custa um spinner

A oferta é tão variada quanto os preços, mas é claro que os valores têm de ser analisados em conformidade com a qualidade e características do spinner.

No OLX vai encontrar spinners clássicos a partir de 70 cêntimos e spinners led para revenda por 1,50€. Já na Worten, os spinners clássicos, de diferentes cores, custam 3,99€, porém terá de pagar 5€, preço de revenda, na AGstore  ou 6,5€ na Fnac.

No entanto, em sites dedicados aos spinners vai adquirir spinners por valores diferentes, como 9,99€ para um spinner cromado e para o spinner com leds. Aqui vai ficar surpreendido com uma infinidade de spinners: dos skates, aos pandas, às mandalas, ao Batman e Super Homem, entre tantos outros.

Agora, basta apenas escolher um spinner, começar a girar e, quem sabe, o stress aliviar!

Veja também: