Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Luísa Santos
Luísa Santos
12 Nov, 2018 - 18:08

Telemóvel dobrável da Samsung: é oficial e vai ser revolucionário

Luísa Santos

Já existiam alguns rumores e a empresa sul-coreana veio confirmá-los. A Samsung prepara-se para lançar um smartphone com ecrã dobrável.

Telemóvel dobrável da Samsung: é oficial e vai ser revolucionário

A Samsung anunciou, na Samsung Developer Conference 2018, no dia 7 de novembro de 2018, um smartphone com ecrã dobrável, que vem confirmar os rumores mais recentes, que a colocavam a par da Huawei nesta corrida. Não foram avançados pormenores acerca do lançamento, nem tão pouco se estará ou não para breve. Os espectadores só puderam ver um protótipo (ao longe). Eis o que se sabe sobre telemóvel dobrável da Samsung.

Telemóvel dobrável da Samsung: o que já se sabe

Não foram avançados grandes pormenores, mas apenas apresentada uma nova possibilidade no mundo dos smartphones. Por outras palavras, foi oficializada a intenção de comercializar telemóveis com ecrãs dobráveis muito em breve.

No protótipo apresentado percebeu-se que, à partida, este modelo terá, aproximadamente, 7.3” e poderá abrir e fechar, assumindo um tamanho maior/menor (como se de um livro se tratasse). Este novo ecrã dobrável chama-se Samsung Infinity Flex.

No fundo, é quase como se tivesse um telemóvel e um tablet num só, pelo menos segundo a ideia da Samsung. Ao contrário daquilo que acontece noutros eventos, em que os produtos anunciados estão disponíveis para testes por parte dos utilizadores, com este protótipo tal não aconteceu.

Tendo em conta essa limitação, os jornalistas e especialistas em tecnologia não tiveram acesso ao protótipo, o que não deixa espaço a grandes antecipações. No entanto, a Samsung já pediu aos developers de aplicações Android para começarem a desenvolver software com vista a dispositivos com ecrã dobrável.

Na verdade, Dave Burke, vice-presidente da plataforma de desenvolvimento de software Android da Google, confirmou que se esperam, para muito breve, que mais marcas adotem este conceito. Ainda assim, a Samsung adiantou estar pronta para começar uma produção em massa nos próximos meses.

Ainda assim, a marca continua em competição próxima com a Huawei, que também já confirmou estar a trabalhar num smartphone com o mesmo conceito, e ainda 5G. A previsão, de acordo com a empresa, é que seja lançado a meio de 2019, o que acelera bastante a corrida e coloca no topo ambas as marcas.

No entanto, e apesar de todos os rumores e possíveis confirmações, irá existir, a partir de dezembro, um smartphone com ecrã dobrável no mercado. Quem se antecipou foi a Royale, uma empresa chinesa de produção de displays. Tudo indica que esse telemóvel (com ecrã maior) será vendido a partir de 1.300,00$.

O futuro parece estar mais próximo do que se julgava, apresentando novos produtos que nunca se pensaram poder existir. O facto de um material como o vidro poder ser dobrável e, para além disso, ser incluído num smartphone, acaba por ser realmente surpreendente e irá, certamente, ganhar muitos fãs a nível mundial.

Veja também: