Miguel Pinto
Miguel Pinto
06 Jun, 2024 - 11:53

Viagem Medieval de Santa Maria da Feira revisita o rei D. Duarte

Miguel Pinto

Santa Maria da Feira recebe de 31 de julho a 11 de agosto mais uma Viagem Medieval. Nesta edição, o destaque é o reinado de D. Duarte.

viagem medieval

A Viagem Medieval em Terra de Santa Maria está de volta, de 31 de julho a 11 de agosto, para mais uma edição que tem atraído milhares de pessoas às cercanias do Castelo da Feira e às ruas da cidade.

Este ano o destaque vai para o reinado de D. Duarte, sendo de esperar por uma série de iniciativas e recriações históricas pensadas ao pormenor e que são sempre uma garantia de sucesso.

Um dos integrantes da chamada Ínclita Geração (os filhos de D. João I e Filipa de Lencastre, entre os quais se contava, por exemplo, o infante D. Henrique). D. Duarte é um dos monarcas mais desconhecidos da história de Portugal.

Daí que com esta Viagem Medieval em Terra de Santa Maria se possa fazer luz sobre um reinado curto, mas importante, já que foi um dos pontapés de saída para a idade de ouro portuguesa: a época dos Descobrimentos.

Viagem Medieval 2024: contexto histórico

Apesar da coroa não lhe estar destinada, por morte de seu irmão Afonso, D. Duarte foi aclamado rei de Portugal em 1433, após as exéquias fúnebres, muito choradas, de seu pai, D. João I. Tornou-se no 11º rei de Portugal e o segundo da Dinastia de Avis.

Desde a tomada de Ceuta que o Infante tomara conta dos assuntos do reino, tal como seu pai lhe ordenara. Por isso, esta nova etapa era uma absoluta continuida- de na governação e administração do reino.

Reinando apenas cinco anos (morreu em 1438, vitimado pela peste), deixou em testamento que seria sua mulher, D. Leonor de Aragão, a regente do reino, enquanto o filho Afonso fosse menor. Mas era mulher, e além disso estrangeira, atributos que não agradaram a grande parte da sociedade portuguesa.

E vemos os irmãos de D. Duarte – cada um protagonista do seu tempo, uma geração cantada pelos poetas – a decidirem e a tomarem conta do reino, até o Infante sobrinho atingir a maioridade.

Criadores de uma Nova Era para Portugal, os Infantes, cada um à sua maneira, desempenharam um papel decisivo na afirmação de Portugal no seio dos reinos europeus e da Santa Sé.

É este rei e este reinado que nos incitam para mais uma memorável viagem no tempo na 27ª edição da Viagem Medieval em Terra de Santa Maria, entre os dias 31 de julho e 11 de agosto de 2024.

Castelo da Viagem Medieval da Feira
O Castelo da Feira é um dos centros da Viagem Medieval

Como chegar

De carro:

  • A1 (Porto/Lisboa/Porto) -> Saída “Feira”
  • A29 (Aveiro/Porto/Aveiro) -> Saída “Feira”
  • A32 (Oliveira de Azeméis/Porto/Oliveira de Azeméis) -> Saída “Feira” 

De autocarro:

  • Porto (Batalha) – Santa Maria da Feira (centro – rotunda hospital): Transdev / UTC – União Transportes Carvalhos / Auto Viação Feirense
Veja também