ebook
Ebook Finanças (s)em Crise
Um guia para tempos complicados
Teresa Campos
Teresa Campos
21 Jun, 2021 - 10:13

37 anos ou mais? Agendamento da vacina disponível hoje

Teresa Campos

A partir de segunda-feira, 21 de junho, o auto-agendamento da vacina contra a COVID-19 passa a estar disponível para as pessoas com 37 ou mais anos.

Médico a vacinar utente contra a COVID-19

A partir de segunda-feira, dia 21 de junho, os indivíduos com 37 ou mais anos poderão auto-agendar a sua vacina contra a COVID-19, através da plataforma de auto-agendamento da Direção-Geral da Saúde, disponível aqui.

Este é mais um passo no sentido de acelerar o processo de vacinação em Portugal, sobretudo entre os mais jovens, processo que se revela fundamental para atingir a ambicionada imunidade de grupo e travar a disseminação do novo coronavírus e das novas variantes, como a variante Delta, por exemplo. Saiba tudo.

Balanço do auto-agendamento da vacina contra a COVID-19, até ao momento

O portal de auto-agendamento da vacina contra a COVID-19 entrou em funcionamento há quase dois meses, a 23 de abril. Inicialmente, apenas estava disponível para pessoas com 65 ou mais anos de idade. Desde aí, a idade mínima foi descendo, de acordo com  a seguinte ordem: 60, 55, 50, 45, 43, 40 e, agora, 37.

Recorde-se, ainda, que foi há menos de uma semana (15 de junho) que o auto-agendamento ficou disponível para os indivíduos com 40 ou mais anos de idade, o que é motivo de grande expectativa relativamente à data em que também ficará disponível o auto-agendamento para as pessoas com 30 ou mais anos de idade.

Contudo, neste momento, o foco é nos indivíduos com 37 ou mais anos de idade, que ainda não tenham sido vacinados, nem tenham tido COVID-19 ou, no caso de terem tido, já tenham sido dados como recuperados há mais de 6 meses.

Médico a vacinar utente contra a COVID-19
Veja também COVID-19: Portugal prestes a vacinar 100 mil pessoas por dia

Como auto-agendar?

O procedimento de auto-agendamento mantém-se idêntico. Depois de aceder ao portal de auto-agendamento, irá precisar de disponibilizar alguns dados, tais como:

  • Nome completo;
  • Data de nascimento;
  • Número de utente;
  • Número de identificação fiscal;
  • Número de telemóvel;
  • Distrito, concelho, centro de vacinação e data em que deseja ser vacinado.
Médico a segurar frasco com vacina contra a COVID-19

Mas há mais! A modalidade “casa aberta” já abriu para os maiores de 55 anos

Também há novidades para os indivíduos com 55 ou mais anos de idade. Se, para estes, o auto-agendamento já estava disponível desde o passado dia 13 de maio; neste momento, as pessoas nesta faixa etária, que ainda não foram vacinadas contra a COVID-19, mas reúnem condições para tal, podem, desde o dia 17 de junho, usufruir da modalidade “casa aberta” (até então só disponível para indivíduos com 60 ou mais anos de idade).

Assim, neste momento, quem tem 55 ou mais anos de idade, ainda não recebeu qualquer dose da vacina contra a COVID-19, nunca teve COVID-19 ou, tendo tido, já está recuperado há mais de 6 meses, deve dirigir-se (sem necessidade de marcação prévia) ao centro de vacinação associado à zona do centro de saúde onde se encontra inscrito.

Atualmente, cerca de 42% da população portuguesa já recebeu uma dose da vacina contra a COVID-19, enquanto aproximadamente 25% já tem o esquema vacinal completo.

Veja também