ebook
Ebook Finanças (s)em Crise
Um guia para tempos complicados
Teresa Campos
Teresa Campos
21 Abr, 2021 - 17:06

COVID-19: Portugal prestes a vacinar 100 mil pessoas por dia

Teresa Campos

O coordenador da ‘task force’ anunciou que, dentro de semanas, Portugal vai vacinar 100 mil pessoas por dia contra a COVID-19.

Médico a vacinar utente contra a COVID-19

Henrique Gouveia e Melo, coordenador da ‘task force’ para a vacinação contra a COVID-19, estima que, nas próximas duas a três semanas, Portugal vai começar a vacinar a um ritmo mais acelerado, uma média de 100 mil pessoas por dia.

A razão para isso está na chegada ao nosso país de 31 mil doses da vacina da Johnson & Johnson e na previsão de recebermos mais 1,25 milhões de vacinas até ao final do segundo trimestre. Saiba o que pode esperar.

A estimativa foi partilhada esta terça-feira, dia 20 de abril, num debate online, em que o Vice Almirante explicou que o país está a entrar numa nova fase, com mais vacinas disponíveis, o que permite acelerar o plano de vacinação.

Apesar do desafio que representa a aceleração do plano de vacinação, o coordenador da ‘task force’ acredita que Portugal vai ser bem sucedido nesta tarefa. Para isso, Henrique Gouveia e Melo diz que a vacinação vai ser feita principalmente por funcionários do Ministério da Saúde, ma que, se for necessário, serão contratados mais profissionais de saúde.

Agendamento

Também para agilizar o processo, está previsto um sistema de autogendamento da vacinação. Para o Vice Almirante, esta segunda fase do plano de vacinação “tem como objetivo libertar a economia e libertar os portugueses deste vírus.”

Quanto às perspetivas mais imediatas, a Ministra da Saúde, Marta Temido, declarou que, antes do final do mês de maio, prevê-se que a totalidade ou grande parte da população com mais de 60 anos de idade já esteja vacinada, o que confere uma proteção essencial a uma das faixas etárias mais suscetível a quadros severos de COVID-19 e mesmo à morte por esta doença.

Neste momento, 7% da população portuguesa já tem a vacinação completa contra a COVID-19, enquanto 20% dos portugueses já receberam a primeira dose da vacina.

Veja também