Miguel Pinto
Miguel Pinto
12 Abr, 2022 - 17:17

Aljezur: passeio pela magnífica paisagem da costa vicentina

Miguel Pinto

Aljezur é o destino ideal para uns dias de descanso. Um paraíso natural, repleto de praias de sonho, com comida excelente e muito para ver.

Praia da Arrifana em Aljezur

Aljezur continua a ser um segredo muito bem guardado quando falamos da costa alentejana. Parte substancial desse estatuto deve-se, obviamente, ao facto de o concelho estar, quase na sua totalidade, integrado no Parque Natural da Costa Vicentina, o que inviabiliza muitos dos atentados urbanísticos que vão surgindo noutras zonas do país.

Mas a verdade é que toda a paisagem é de cortar a respiração. Se no centro da cidade não se escapa às casas caiadas e ao castelo altaneiro (de construção anterior à nacionalidade, mas muito danificado pelo brutal terramoto de 1755), são as monumentais praias, guardadas por estonteantes falésias, que fazem parte substancial da sua fama.

Para ter uma noção mais exata de tudo o que há para descobrir e fazer neste lugar encantado, espreite as 7 boas razões que lhe deixamos para ir até Aljezur e usufruir de todos os encantos da costa vicentina.

7 boas razões para ir até Aljezur

Praia da Amoreira em Aljezur
As praias de Aljezur são procuradas praticamente todo o ano
1

Vila de Aljezur

Esta vila foi fundada pelos árabes no século X. A sua urbanização apresenta um traçado mourisco-medieval. Parte substancial das suas casas ainda evidenciam influência árabe, em construções em taipa e caiada de branco. Durante a presença islâmica, a vila era conhecida pelo seu peixe e marisco, sapais e terras férteis, que explicam a existência de um povoado de camponeses e pescadores. Muito deste passado ainda se encontra evidenciado na vila e nas suas caraterísticas.

Outros locais para visitar:

  • Pinhal do Bordalete
  • Aldeia da Bordeira
  • Aldeia da Carrapateira
  • Portinho do Forno
  • Vila de Odeceixe
  • Portinho da Zimbreirinha
2

Museus

O Museu Municipal de Aljezur fica no antigo edifício da Câmara Municipal de Aljezur e possui um espólio vasto, dividido em três espaços: o Núcleo Arqueológico, o Núcleo Etnográfico e a Sala Islâmica do “Legado Andalusino”.

Outros museus e núcleos para visitar:

  • Museu do Mar e da Terra da Carrapateira
  • Museu Arte Sacra Mons. Manuel Francisco Pardal
  • Casa-Museu Pintor José Cercas
  • Adega – Museu de Odeceixe
  • Museu Antoniano
  • Moinho de Odeceixe
3

Igrejas

A Igreja da Misericórdia tem um portal renascentista datado de 1577. O seu interior conta apenas com uma nave, púlpito, tributa com cadeiral em madeira, pequeno arco triunfal e retábulo-mor feito em madeira, enriquecido com decorações em talha barroca de transição para o rococó. Após o terramoto de 1755, esta igreja foi reconstruída, sofrendo intervenções durante os séculos XVIII e XIX.

Além das imagens em roca veneradas – Nossa Senhora da Soledade, Santa Isabel e Santa Maria Madalena –, existem alfaias de culto como um cálice em prata com patena e dois paramentos de casula damasco, dos séculos XVII e XVIII.

Outras igrejas a visitar:

  • Igreja Paroquial de Carrapateira
  • Igreja Paroquial de Bordeira
  • Igreja Paroquial de Odeceixe
  • Igreja Matriz de Nossa Senhora da Alva
4

Fonte das Mentiras

Este é um sítio interessante de visitar, não só pelo seu valor arqueológico e histórico, mas também pelas várias lendas associadas a este local. Um desses contos diz que existe uma passagem subterrânea que liga a fonte ao castelo e aí se terá escondido, aquando da conquista da vila, uma bela moura enamorada por um cristão.

Outros monumentos a conhecer:

  • Fortaleza e Igreja da Carrapateira
  • Fortaleza da Arrifana
  • Castelo de Aljezur
5

Património arqueológico

A Necrópole de Vale da Telha corresponde a um espaço funerário da Idade do Bronze (c. 1500-1300/1200 a.C.). É composto por 18 sepulturas, em câmaras funerárias revestidas por lajes, do tipo cista, cobertas por tumuli, com dimensões variáveis, de pedras e terra. As plantas exibem formas retangulares, ovais ou circulares.

Outros achados arqueológicos:

  • Povoado Islâmico de Pescadores
  • Silos da Barrada – Aljezur
  • Rîbat da Arrifana
Vista aérea da praia de Odeceixe
Odeceixe é um dos spots mais procurados na região
6

Praias

A Praia de Odeceixe foi classificada como uma das 7 Maravilhas – Praias de Portugal e fica no extremo norte do concelho de Aljezur. Graças à sua praia fluvial, aqui é possível tomar banhos de mar e de rio. Outra caraterística são as suas altaneiras arribas de xisto e grauvaques, próprios desta região.

Além da paisagem belíssima, a sua biodiversidade e condições para a observação de aves, como a cegonha branca, o falcão-peregrino ou a gralha-de-bico-vermelho são magníficas. Aqui fica mesmo o único Parque Natural em todo o mundo onde é possível observar-se as cegonhas que nidificam nos rochedos marítimos.

Outras praias para conhecer:

  • Praia do Canal
  • Praia da Carriagem
  • Praia da Samoqueira e da Barradinha
  • Praia das Adegas
  • Praia da Bordeira
  • Praia de Vale dos Homens
  • Praia do Amado
  • Praia de Vale Figueiras
  • Praia da Amoreira
  • Praia de Monte Clérigo
  • Praia da Arrifana
7

Gastronomia

A gastronomia de Aljezur é rica e diversificada. Por estas terras, não deixe de provar peixe (sargos, douradas, robalos) e marisco (ouriços, lapas, mexilhão e perceves), caça (coelho e javali), produtos da terra (batata-doce e feijão) e as comidas da morte-de-porco.

No campo da doçaria, há que experimentar os pastéis, o bolo, o pudim de batata-doce e os fritos, cobertos com calda de açúcar ou mel.

Veja também