Publicidade:

Batalha de estilo: caro ou barato?

Cada vez mais as fast fashion oferecem-nos artigos inspirados nas peças de designer. A melhor parte? São mesmo parecidos e muito mais baratos.

Batalha de estilo: caro ou barato?
Encontrar peças baratas inspiradas nas de designer é muito fácil

Se gosta de moda provavelmente já se apaixonou por várias peças que nunca vai comprar. A última mala da Chloé, o blazer Balmain com botões dourados ou até o casaquinho de tweed Chanel. Apesar de imaginarmos as peças na nossa vida, o preço é (quase) sempre o maior impedimento para, de facto, as termos. É que, algumas peças atingem valores pornográficos que a maioria das comuns mortais simplesmente não pode pagar. E é então que surge a dualidade caro ou barato.

Uma vez que endividarmo-nos é sempre má ideia, a melhor opção para conseguirmos as peças que queremos é procurar alternativas inspiradas. As lojas de fast fashion estão cada vez mais atentas ao que ditam as passerelles e, por isso, há muitas peças tendência parecidas às originais.

Assim, todas as semanas vamos deixar-lhes as versões mais baratas das peças que andam nas bocas do mundo. E no corpo das fashionistas. Afinal, já diz o ditado: quem não tem cão caça com gato.

Vestido Lisa Marie Fernandez X Vestido Shein

batalha de estilo

Fonte: Divulgação Net-a-Porter e Shein

Lisa Marie Fernandez

A marca de luxo Lisa Marie Fernandez é conhecida pelas suas roupas estivais, com os vestidos, biquínis saias e calções a serem os protagonistas das colecções. Não é por isso de admirar que a marca invista em criar peças atemporais em bons materiais. Este vestido, às bolinhas, é exemplo disso mesmo. Super actual, vai poder continuar a usá-lo durante vários verões. O único senão é mesmo o preço.

Shein

Sediada na China, a Shein tem várias peças inspiradas em peças de designer. E, é exactamente isso que acontece com este vestido que além de ter o mesmo padrão, tem o mesmo corte feminino. A diferença prende-se unicamente com o tamanho das bolas e, claro, com o tecido com o qual é feito. Contudo, se gosta do da Lisa Marie Fernandez e simplesmente não pode dar tanto dinheiro por uma peça de roupa, este é mesmo uma boa escolha.

Preço vestido Lisa Marie Fernandez: 630€ Ver produto>>

Preço vestido Shein: 22,98€ Ver produto>>

Sandálias Alexandre Birman X Sandálias Minusey


batalha de estilo sandalias pretas alexandre birman lacinhos minusey

Fonte: Divulgação Net-a-Porter e Minusey

Alexandre Birman

O designer brasileiro de sapatos, Alexandre Birman, conquistou o seu lugar na moda depois de já ter calçado celebridades como Kate Hudson, Demi Moore, Jessica Alba ou Katy Perry. Por isso, não é de admirar que as comuns mortais desejem uns sapatos assinados por ele. Estas sandálias super bonitas e femininas, em pele, até estão em saldos, mas se não pode mesmo dar tanto dinheiro, encontrámos a versão alternativa.

Minusey

Esta é a loja perfeita para encontrar peças inspiradas nas de designer, incluindo, claro está, as sandálias Alexandre Birman. Bastante mais baratas, podem ser mesmo a opção ideal se não pode comprar as originais.

Preço sandálias Alexandre Birman: 208€ Ver produto>>

Preço sandálias Minusey: 67€ Ver produto>>

Macacão Balmain X Macacão Missguided


 batalha de estilo macacão balmain missguided branco

Fonte: Divulgação Net-a-Porter e Asos

Balmain

Já aqui (abaixo) lhe falámos da Balmain, a icónica marca de luxo francesa nascida em 1945 pela mão de Pierre Balmain. E, se é verdade que a marca sempre se assumiu como favorita de celebridades como Audrey Hepburn também o é que nunca, como agora, foi tão usada pelas estrelas mundiais. O mérito deve-se, claro, a Olivier Rousteing que comanda a direcção criativa da Balmain como um misto de criatividade e perícia em fazer com que todos queiram as peças que cria. De  Rihanna a Kim Kardashian, são poucas as divas que não têm uma peça da marca. Este macacão, por exemplo, tem a indiscutível assinatura Balmain – no corte feminino e nos botões dourados – e verá que em breve vai começar a vê-lo um pouco por toda a parte. No entanto, se gosta mas não pode mesmo pagar uma peça tão cara, arranjámos uma alternativa.

Missguided

A marca inglesa conhecida pelas roupas sensuais mas elegantes, criou um macacão claramente inspirado no da Balmain. É claro que é sempre melhor ter a peça original mas, caso não possa pagar um valor de quatro dígitos por uma peça de roupa, este é uma boa escolha.

Preço macacão Balmain: 3,950€ Ver produto>>

Preço macacão Missguided: 62,99€ Ver produto>>

Botas Chloé X Botas Asos


batalha de estilo botas chloe brancas susanah asos

Fonte: Divulgação Net-a-Porter e Asos

Chloé

Lançadas, inicialmente, em 2008, as botas Susanna da marca francesa Chloé (que nasceu em 1952 pelas mãos da parisiense Gabrielle Aghion) foram um sucesso de vendas, maioritariamente por culpa das influencers que não as tiravam dos pés. E, percebe-se porquê. Além de bonitas e confortáveis, o estilo com ares do Texas – à cowboy, portanto – dão-lhe uma irreverência única. Dez anos depois continuam a ser dos produtos mais vendidos da marca, numa prova inequívoca de que, às vezes, as pelas excêntricas também conseguem um lugar intemporal no palco da moda. Em branco, são perfeitas para os dias de primavera e, claro, para levar aos festivais de verão. Mas, se gostava de as ter e não pode dar quase mil euros por elas, não se preocupe. Arranjámos uma alternativa.

Asos

Ao contrário das míticas Susanna, da Chloé, as botas da Asos, apesar de muito semelhantes no modelo não são em pele. E, além disso, também não têm tantas tachas. Contudo, e uma vez que custam pouco mais de 60€ são uma boa escolha para quem não pode comprar as originais. Acresce que, as botas à cowboy são tendência esta estação, por isso, não vai mesmo querer ficar de fora, certo?

Preço botas Chloé: 975€ Ver produto>>

Preço botas Asos: 62,99€ Ver produto>>

   Carteira Hermès Birkin X Carteira Minusey


carteira hermes birkin castanha minusey replica pele original

Hermès

A carteira Birkin, da Hermès, mais do que um bem de consumo é um ícone histórico. A criação da Birkin foi inspirada na musa francesa Jane Birkin – que emprestou o nome à carteira – quando, em 1981 a estrela do cinema e it girl se sentou ao lado do chefe executivo da Hermès, Jean-Louis Dumas, num voo em que ambos viajavam. Na época, Jane costumava usar uma cesta de verga (uma das suas imagens de marca) e, durante o voo, o seu conteúdo esparramou-se várias vezes o que, a pedido da própria Jane, levou Jean-Louis a ter a ideia de criar uma carteira para mulheres bem sucedidas que precisassem de transportar muita coisa. Quatro anos depois nascia uma das carteiras mais vendidas em todo o mundo: a Hermès Birkin. Considerada um investimento seguro, estudos apontam que o valor de uma Birkin cresce 14% ao ano o que faz dela um melhor investimento do que o ouro. Ou seja, se puder comprar a verdadeira, não hesite.

Minusey

É claro que, nem todas podemos pagar um preço de cinco dígitos por uma carteira por mais que queiramos. Por isso, se adora o modelo da Birkin mas uma original é um sonho longínquo esta, da Minusey, em polipele é mesmo bastante parecida. E infinitamente mais barata.

Preço Birkin Hermès: A partir de 12000€ Ver produto>>

Preço carteira Minusey: 105€ Ver produto>> 

Carteira Staud X Carteira Mango


carteira staud castanha pele rede branca mango replica pega madeira

Staud

Nascida em 2015 pelas mãos de Sarah Staudinger e George Augusto, a Staud é uma marca californiana que já conquistou os corações das americanas e de muitas outras mulheres, além fronteiras. A proposta da marca está focada em peças que sejam modernas mas que se mantenham clássicas ao longo do tempo. Confusa? A Staud cria peças atemporais que, sendo verdadeiros objectos de desejo, permanecerão usáveis por mais anos que passem. É o caso desta carteira castanha, em pele, que alia um design arrojado a traços elegantes e estivais. Perfeita para combinar com todos os tipos de coordenado, do verão ao inverno, pode apostar que vai vê-la muito pelo braço das it girls, nas redes sociais e nas ruas. O único senão é mesmo o preço, que ascende a metade de um salário mínimo.

Mango

Ultimamente a Mango está bastante atenta às tendências e às peças desejo que toda a gente vai querer ter, o que significa que já há uma carteira super inspirada na Staud castanha. Por não ser em pele torna-se bastante mais acessível. Pelo que, se gostou da original mas não pode comprar em virtude do preço, aposte nesta. E corra, porque é possível que esgote.

Preço carteira Staud: 305€ Ver produto>> 

Preço carteira Mango: 39,99€ Ver produto>>

Sapatos Gucci X Sapatos Zara


sapatos pretos gucci pormenor dourado zara inspiracao
Fonte: Divulgação Net-a-Porter e Zara

Gucci

Os mocassins Gucci completaram 66 anos e foram introduzidos pelo filho do criador da Gucci, Aldo Gucci, quando decidiu que a marca deveria expandir-se também ao sector do calçado. Mas, Aldo, não queria que os mocassins Gucci fossem apenas mais um. Por isso, resgatou a herança equestre do seu pai (o fundador da Gucci antes de criar a marca tinha trabalhado em vários hotéis ingleses, relatando, mais tarde, que o que toda a aristocracia inglesa tinha em comum eram os cavalos) e introduziu o pormenor dourado – horsebit – (inspirado nas estribos dos cavalos) para tornar os mocassins Gucci únicos. Feitos à mão em pele macia os mocassins Gucci são um objecto de desejo eterno que faz felizes os pés que os calçam. Contudo, nem tudo é perfeito. O preço dos sapatos Gucci pode ser considerado exorbitante por alguns.

Zara

Se sempre sonhou ter os mocassins Gucci mas não pode despender de tanto dinheiro, a Zara arranjou uma solução. Criou uns mocassins inspiradissimos nos da Gucci, também em pele. Ou seja, igualmente bonitos e confortáveis, mas sem o peso da história dos Gucci. E com um preço bem mais em conta. Já diz o ditado “quem não tem cão, caça com gato”.

Preço mocassins Gucci: 595€ Ver produto>>

Preço mocassins Zara: 45,95€ Ver produto>>

Carteira Céline X Carteira Minusey


carteira celine preta fecho dourado minusey parecida

Fonte: Divulgação Céline e Minusey

Céline

A Céline, marca francesa de luxo nascida em 1945, destaca-se, maioritariamente pela qualidade e pelo design minimalista e elegante. Embora, inicialmente, fosse apenas uma marca dedicada a sapatos infantis sob medida, o sucesso foi tanto (sobretudo entre a Casa Real do Mónaco) que os fundadores, Céline Vipiana e o marido, decidiram começar a produzir outros produtos, entre os quais sapatos para mulher, carteiras, acessórios e roupa. Uma vez que o lema da marca é a aposta na qualidade, todos os produtos Céline são elegantes e atemporais. Talvez por isso esta carteira se tenha tornado um ícone e a escolha predilecta de mulheres sofisticadas, um pouco por todo o mundo. Recentemente a directora criativa, Phoebe Phile, deixou a marca, mas certo é que as carteiras Céline manter-se-ão em linha e, como qualquer outra carteira de luxo, são um investimento. Sobretudo a Classic Box, uma das mais emblemáticas da casa Céline.

Minusey

Se faz parte daquele grupo de mulheres que sempre desejou ter uma carteira Céline clássica e sofisticada como a Classic Box mas, simplesmente, não pode alargar o orçamento para investir 3500€ numa carteira, esta da Minusey pode ser uma boa escolha. É claro que não é exactamente a mesma coisa, mas é bastante parecida em termos de design e é feita a partir de pele vegetal. E, a melhor parte, é acessível à grande maioria das mulheres portuguesas.

Preço carteira Céline: 3517€ Ver produto>> 

Preço carteira Minusey: 72€ Ver produto>>

Sandálias Alexander Wang X Sandálias Mango


sandalias castanhas alexander wang pvc mango

Fonte: Divulgação Net-a-Porter e Mango

Alexander Wang

O criador norte-americano que já foi director criativo da Balenciaga, é, cada vez mais, um dos nomes grandes da moda para lá do oceano. E percebe-se porquê: as criações de Alexander são sempre muito urbanas e com um claro traço nova iorquino, o que faz delas um puro objecto de desejo. Os seus desfiles são dos mais concorridos, reunindo gigantes da indústria e celebridades. Para esta primavera, Wang brincou com a tendência do plástico e juntou-lhe pele, criando umas sandálias de salto altíssimo que prometem uma silhueta elegante e mais próxima do céu.

Mango

Por mais que, às vezes, queiramos investir em peças de designer a nossa carteira tende a não acompanhar os nossos desejos. Por isso, se gostou das sandálias Alexander Wang mas não pode dar mais do que um salário mínimo por elas, sugerimos as da Mango que, não sendo tão altas, são bastante parecidas e bonitas. E, o melhor de tudo: também são em pele.

Preço sandálias Alexander Wang: 620€ Ver produto>>

Preço sandálias Mango: 59,99€ Ver produto>>

Blazer Balmain X Blazer River Island


blazer balmain botoes dourados rivers insland inspirado

Fonte: Divulgação Net-a-Porter e River Island

Balmain

Criada em 1945 por Pierre Balmain, a casa de luxo francesa assumiu-se como uma das mais importantes e icónicas, herança que carrega até hoje. Pierre era arquitecto de formação pelo que, para ele, a moda era como “arquitectura em movimento”. Talvez por isso, em comum, todas as peças Balmain tenham o corte estruturado e irrepreensível que assenta no corpo na perfeição. Audrey Hepburn, Marlene Dietrich e Brigitte Bardot foram apenas algumas das musas que serviram de inspiração a Balmain e que adoravam a marca. Hoje, a liderança criativa da maison francesa é comandada por Olivier Rousteing que trouxe uma lufada de ar fresco à marca, tendo iniciado uma máquina de marketing gigantesca à volta da Balmain. Actrizes de Hollywood, cantores, modelos e it girls não resistem às suas criações que, estação após estação, brilham nas passerelles e nas ruas. Assim, uma das peças mais vendidas – e copiadas – da marca é o blazer com botões dourados que, além de muito elegante, se molda ao corpo.

River Island

Se sempre quis ter o famoso blazer Balmain mas pagar um valor de quatro dígitos por uma peça está completamente fora do seu alcance, este da River Island é bastante semelhante e muito mais acessível. É claro que o corte e, sobretudo, o tecido não é exactamente igual, mas o modelo aproxima-se bastante do original. Ou seja, é uma óptima opção para comprar já.

Preço blazer Balmain: 1990€ Ver produto>>

Preço blazer River Island: 95€ Ver produto>>

Óculos de sol Saint Laurent X Óculos de sol Shein


batalha estilo oculos sol saint laurent shein coracao

Fonte: Divulgação Net-a-Porter e Shein

Saint Laurent

Provavelmente já começou a ver os óculos em formato de coração nas ruas e nas redes sociais. Eles são, sem dúvida, uma das estrelas da estação quente e prometem fazer furor entre as fashionistas. O modelo original é uma criação Saint Laurent e existe em várias cores. Mas, se gosta e não pode simplesmente dar tanto dinheiro por uns óculos de sol, nós temos a solução.

Shein

A Shein é uma das lojas que mais artigos tem inspirados nos de high fashion e, os óculos de sol em formato de coração não são excepção. Se gosta aproveite porque são super baratos. E, provavelmente, vão mesmo esgotar, tamanha a procura por uns óculos de sol à Lolita, esta primavera.

Preço óculos de sol Saint Laurent: 355€ Ver produto>>

Preço óculos de sol Shein: 7,48€ Ver produto>>

Vestido Self Portrait X Vestido Topshop


batalha de estilo vestido self portrait topshop branco estrelas pretas

Fonte: Divulgação Self Portrait e Topshop

Self Portrait

O estampado de estrelas dos vestidos da marca britânica Self Portrait tem sido um dos mais cobiçados, não só por ser bonito mas porque casa maravilhosamente bem com os dias mais quentes e os consequentes festivais de verão. Se gosta mas dar mais de 300 euros por um vestido está fora de questão, não se preocupe. Arranjámos outra solução.

Topshop

A também britânica Topshop aproveitou que toda a gente quer um vestido com o estampado das estrelas e satisfez o desejo das consumidoras. O modelo não é exactamente igual ao da Self Portrait, mas o estampado é bastante semelhante. Ou seja, se não quer ficar a ver estrelas por ter pago aquilo que não podia por um vestido este é, decididamente, uma boa opção.

Preço vestido Self Portrait: 329€ Ver produto>>

Preço vestido Topshop: 57€ Ver produto>>

Veja também:

Catarine Martins Catarine Martins

Licenciada em Direito pela Universidade de Coimbra, trocou as leis pela escrita e a cidade dos estudantes pelo Porto. Pelo meio, transformou a eterna paixão pela moda num blog, o Le Fashionaire e assumiu, com orgulho, que o jogo das palavras é o seu preferido.