Publicidade:

8 truques surpreendentes para inibir o apetite

Esta é uma variável muito importante no processo de emagrecimento e, também, na manutenção do peso, mas sabe o que fazer para inibir o apetite em excesso?

8 truques surpreendentes para inibir o apetite
Aprenda a controlar a vontade de comer com as nossas dicas

Para os seguidores das mais conhecidas dietas e para aqueles que vivem em busca de fazer as pazes com a balança, há uma pergunta frequente: o que fazer para inibir o apetite? Se esta é uma questão importante para si, vai gostar de ler este artigo.

O prazer de comer é, provavelmente, o mais privilegiado no mundo dos prazeres. Não representa apenas a satisfação de uma necessidade básica para a autossobrevivência, mas é também fonte de recompensa e bem-estar. A boa mesa anima o estado da alma, certo? Acalma o stress gerado pela fome, dá uma sensação de conforto global, estimula todos os nossos sentidos – especialmente a visão, o paladar, o olfato e o tato.

O instinto humano, naturalmente, impele para a amplificação do prazer de comer, obtendo cada vez mais satisfação. Como consequência, cometem-se excessos. Os excessos pontuais são inofensivos, mas os excessos diários e rotineiros traduzem-se em desequilíbrios para a saúde e aumento de peso.

O apetite vai para além da necessidade de comer, nasce da resposta cerebral perante um doce, uma delícia ou uma comida que nos faz salivar e a crescente vontade de comer. Visto assim, de forma quase científica, é fácil perceber que há truques para o travar. Vamos descobrir oito deles!

Os truques mais surpreendentes para inibir o apetite


1. Consumir alfarroba

alfarroba

A farinha de alfarroba faz diminuir o volume disponível no estômago, produzindo a sensação de saciedade.

Como consumir a farinha de alfarroba: 20 a 30 minutos antes das refeições, 3 a 4 colheres de sopa misturada com água, leite ou outra bebida a gosto.

2. Ingerir beterraba, cenoura e maçã

inibir o apetite

Estes são alimentos muito nutritivos que diminuem o apetite para doces. Podem ser consumidos em conjunto – numa salada ou num sumo, por exemplo – ou no início da refeição. Esta combinação também tem um efeito inibidor do apetite se for ingerida 30 minutos antes das refeições.

3. Juntar aveia, levedura de cerveja e mel

papas de aveia

Em conjunto ou separados, estes alimentos são muito ricos em nutrientes e são uma excelente alternativa para o pequeno-almoço ou lanche – com leite, iogurte natural ou fruta. Uma refeição baseada nestes ingredientes promove a saciedade por mais tempo, afastando a fome fora de horas.

4. Levar o feijão ao prato

feijão

O feijão pode ser consumido diariamente, contém proteínas, minerais, vitaminas e fibras, sendo um alimento muito rico. Reduz a absorção dos hidratos de carbono, ajuda a controlar a diabetes (por ser ligeiramente hipoglicemiante) e reduz os níveis de triglicerídeos.

O diversos tipos de feijão ajudam a reduzir o apetite e a combater a obesidade, bem como a acumulação de líquidos.

5. Aproveitar os benefícios da spirulina

spirulina

A spirulina é uma alga com alto teor de proteínas, muito usada para reduzir o apetite e complementar estados de desnutrição, anemia ou, ainda, em casos de grande atividade física.

Coadjuvante nos tratamentos para emagrecer, a spirulina pode ser consumida em cápsulas ou em pó (uma colher de chá), misturada em sumos de fruta, na sopa ou batidos.

6. Consumir garcínia

inibir o apetite

Esta planta, originária do Camboja, é reguladora do apetite, sendo muito usada nos regimes de emagrecimento. Promove a produção de seretonina, aumentando a sensação de bem-estar com redução do apetite. Pode ser consumida sob a forma de chá, suplemento alimentar ou extrato líquido.

7. Comer de 3 em 3 horas

inibir o apetite

Está dica é básica e já uma velha conhecida, mas ainda há quem não a respeite e veja os maus resultados deste hábito. Comer de 3 em 3 horas evita os picos de fome, diminuindo o apetite.

8. Praticar exercício físico

atividade física

A atividade física ajuda a manter uma boa disposição porque regula o humor, para além de promover tantos outros benefícios para a saúde. Com o humor devidamente equilibrado, há menos hipóteses de cair na tentação da gula. Aposte nesta dica para inibir o apetite e manter a forma.

9. Dormir bem

dormir bem

Dormir 8 horas por noite é essencial. O descanso e o sono reparador são fundamentais para manter a boa forma física e psicológica. Durma bem para que haja maior estabilidade do humor e, consequentemente, menos fome e apetite.

Siga as nossas dicas para inibir o apetite e, sem grandes esforços, faça as pazes com a balança, mantendo uma rotina saudável e equilibrada.

Veja também:

Ana Luisa Santo Ana Luisa Santo

Enfermeira especializada em acupuntura e medicina tradicional chinesa. É uma apaixonada pela saúde natural e terapias alternativas, explorando ativamente formas seguras de cuidar a saúde e o bem-estar. Trabalhou no Serviço de Cuidados Intensivos do Hospital Geral Santo António, Porto. Atualmente trabalha na consulta de acupuntura do Hospital da Lapa. Docente no Instituto Jean Piaget. Enfermeira voluntária na AMI.