Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Inês Pereira
Inês Pereira
30 Abr, 2018 - 09:29

6 incríveis benefícios do pilates que precisa de conhecer

Inês Pereira

Nem só de corridas e ginásio se faz a prática desportiva. O pilates tem vindo a ganhar muita popularidade e não é por acaso. Conheça os benefícios do pilates.

6 incríveis benefícios do pilates que precisa de conhecer

Já todos ouvimos falar, alguns experimentaram, outros tantos aderiram à modalidade e é certo que proliferam espaços especializados no assunto. Mas será que entende bem em que consiste a prática e conhece todos os benefícios do pilates? Tome nota de tudo e comece já a praticar esta atividade desportiva menos convencional e indicada para todas as faixa etárias.

É unânime: ser saudável e ter cuidados acrescidos com o corpo tornaram-se preocupações do dia a dia dos portugueses. Porém, a verdade é que nem todos gostam de passar uma hora num ginásio, rodeados de máquinas e pesos. Por isso mesmo, a existência de modalidades alternativas, como é o caso do pilates, tem feito as delícias de muita gente.

Benefícios do pilates: 6 motivos para praticar esta atividade

Esta modalidade tem incontáveis vantagens, como a recuperação muscular, articular e de ligamentos, especialmente na zona lombar. É um método que fomenta o desenvolvimento equilibrado do corpo e da postura, aumenta a flexibilidade e fortalece os músculos. São muitos benefícios, certo? Por isso mesmo, parece que está na altura de conhecer bem as maravilhas do pilates.

pilates

1. Alivia dores nas costas

Sabia que o pilates é um grande aliado dos fisioterapeutas? Esta prática traz grandes benefícios para o tratamento de lesões nas costas, como desvios posturais ou hérnias de disco.

Também as pessoas com dores no corpo, motivadas por um estilo de vida mais sedentário ou problemas musculares, podem recorrer ao pilates para melhorar a sua situação. Aconselhe-se junto de um especialista e verá que a opinião quanto a esta prática é mesmo unânime.

2. Melhora a postura

Um dos aspetos mais importantes do pilates é o alinhamento adequado do corpo durante o exercício. Isto faz com que o praticante seja obrigado a manter-se numa posição correta, tomando consciência da sua postura.

3. Melhora a flexibilidade

Grande parte dos exercícios de pilates focam-se na flexibilidade do corpo, pelo que a sua prática resulta numa melhoria deste aspeto. Assim, as atividades físicas causarão cada vez menos lesões ou problemas musculares.

4. Ajuda a controlar a ansiedade e o stress

A verdade é que este método promove uma maior ligação entre corpo e mente. Deste modo, um dos benefícios do pilates é precisamente o controlo da ansiedade e do equilíbrio interior, muito graças ao investimento no equilíbrio do próprio corpo.

Por outro lado, os exercícios de respiração, que promovem a concentração e a calma, ajudam a lidar melhor com o stress e o nervosismo.

5. Melhora o desempenho na corrida

Correr parece uma atividade bastante simples e inata. O problema é que, contrariamente à crença comum, é um exercício que requer alguma técnica se não quiser correr o risco de contrair lesões ou outros problemas.

Neste sentido, um dos benefícios do pilates é ajudar os corredores a ter um melhor desempenho, na medida em que é um método que trabalha a respiração e a postura. Assim, a corrida terá melhores resultados.

6. Trabalha os músculos

Surpreendido? É verdade, o pilates é um ótimo exercício para os músculos. Ao contrário de outras modalidades, no pilates todos os músculos são trabalhados de forma global. Isto acontece porque, durante os exercícios, vários músculos são ativados e estimulados.

pilates

Origem do pilates

Foi no século XX que esta técnica surgiu, pelas mãos de Joseph Pilates – um alemão que se interessou pelo estudo da anatomia humana e que desenvolveu uma nova prática, com o intuito de melhorar a saúde.

Assim, o que começou com cerca de 500 exercícios tornou-se uma modalidade muito apreciada e com cada vez mais praticantes. Contudo, ao longo dos tempos foi sofrendo a influência de outras práticas, como o yoga e as artes marciais.

O pilates consiste num conjunto de exercícios para alongar, equilibrar e fortalecer o corpo. São aplicadas as mais importantes noções no que se refere aos ossos e aos músculos do corpo, de modo a compreender verdadeiramente todos os movimentos e consequentes efeitos. Neste sentido, o pilates assenta em alguns princípios: concentração, respiração, precisão, fluidez e controlo.

Posto isto, esta é uma ótima opção para pessoas que preferem atividades mais tranquilas e que valorizam uma maior ligação entre o corpo e a mente. Parece o mote perfeito para planear uma aula experimental, certo?

Veja também: