Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Helena Peixoto
Helena Peixoto
23 Jan, 2020 - 10:55

Botox: conheça os prós e os contras deste tratamento

Helena Peixoto

A utilização de botox está cada vez mais popular. Por isso, revelamos-lhe tudo o que sempre quis saber, desde os benefícios aos riscos.

Mulher a aplicar botox

Certamente, já ouviu falar que esta ou aquela estrela de cinema colocou botox no rosto para disfarçar as rugas de expressão, ou até mesmo pare rejuvenescer o ar envelhecido da tez.

A verdade é que este tratamento, inicialmente inacessível ao comum dos mortais, sendo um exclusivo entre famosos, ricos e it girls, tem vindo a democratizar-se e a ganhar popularidade também entre as massas.

Aliás, são muitas as pessoas comuns que, atualmente, recorrem com frequência ao botox , para disfarçar rugas e imperfeições.

Mas, se tem dúvidas sobre o tema e gostava de saber mais sobre o que é realmente o botox e quais as suas consequências a nível estético, continue a ler.

Botox: 5 coisas que deve mesmo saber

Tratamento de botox

1. O que é?

Na verdade, botox é o nome da marca mais utilizada de toxina botulínica, uma neurotoxina que é produzida por uma bactéria chamada Clostridium Botulinum.

Ela foi descoberta pela primeira vez em 1810, mas só em 1895 um pesquisador belga conseguiu isolá-la pela primeira vez.

O que esta neurotoxina faz é bloquear a transmissão do impulso nervoso nos músculos especificamente selecionados e, desta forma, levar ao seu “relaxamento”. Como efeito secundário, dá-se a eliminação das rugas e a aparência de uma pele mais bonita e lisa.

Contudo, a aplicação de neurotoxina botulínica não nasceu, num primeiro momento, com fins estéticos. Sim, ao início ela era usada para fins terapêuticos, nomeadamente em casos de blefaroespasmos ou até como tratamento para o estrabismo.

Foi o relato dos pacientes, que diziam que o botox fazia com que a pele ficasse também mais bonita, desaparecendo com as rugas, que levou os dermatologistas a começar a aplicar a substância para fins estéticos.

Hoje, contudo, o botox assume-se como uma das mais conhecidas técnicas para eliminar as rugas dinâmicas e dar à pele um aspeto jovem.

2. Para que serve o o botox?

Na sequência do que lhe estávamos a dizer, o botox é aplicado maioritariamente por questões estéticas, nos dias que correm, para redução das rugas ou preenchimento dos lábios.

Mas, pode também ser utilizado para tratar um problema de saúde bem conhecido por muitas pessoas: a hiperidrose, isto é, o suor excessivo. Isto acontece porque a toxina botulínica bloqueia o impulso nervoso que é levado às glândulas sudoríparas, impedindo, assim, a sudação em excesso, especialmente nas axilas, face, mãos e pés.

3. Em que locais do corpo se pode aplicar?

A aplicação de botox é indicada sobretudo para a face, especialmente para rugas dinâmicas como são as de expressão: rugas frontais da testa, entre sobrancelhas, periorbitais (os famosos “pés-de-galinha”), infraorbitais (por baixo dos olhos) ou ainda na depressão da boca.

Além disso, algumas pessoas recorrem ao botox para ganhar algum volume nos lábios, preenchendo-os com esta substância.

Nos casos de tratamento de hiperidrose, o botox é injetado nas axilas, rosto, mãos e pés.

Mesoterapia: o que é e para que serve
Não perca Mesoterapia: o que é e para que serve

4. Que cuidados requer?

Após a aplicação do botox, podem ocorrer pequenas nódoas negras e algum inchaço provisório. Por norma, cerca de 3 a 5 dias depois, a pele já está totalmente recuperada. É raro haver uma reação alérgica, mas não está totalmente excluída esta possibilidade, pelo que as quantidades injetadas não devem ser elevadas.

Se estiver grávida ou a amamentar, deve também evitar o tratamento à base de botox, apesar de não estarem provados efeitos indesejáveis.

Além disso, os resultados não são permanentes. É necessário voltar a colocar botox cerca de 3 meses após o tratamento anterior, sendo que a substância atinge o seu resultado ótimo cerca de duas semanas após a primeira aplicação.

5. Quanto custa?

Os preços variam de clínica para clínica e de tratamento para tratamento, mas uma sessão de colocação de botox ronda os 250€.

6. Onde fazer?

O mais aconselhado é que antes de fazer qualquer procedimento estético mais invasivo, como é a aplicação de botox (que é, como sabe, injetado na pele), procure um dermatologista que avaliará o seu caso em concreto.

É que para além de ser muito importante fazer este tipo de procedimento com profissionais certificados, nem sempre o botox é a melhor solução para toda a gente, no que toca à eliminação de rugas.

Com efeito, hoje em dia há já outras técnicas que resultam muito bem, dependendo do tipo de pele. Por isso, antes de pensar em aplicar botox, marque uma consulta com o dermatologista.

7. Resulta mesmo?

Sim. De facto, o botox tem uma eficácia comprovada na eliminação das rugas. Após o quarto dia de aplicação já consegue ver diferenças. E, após duas semanas ele atinge todo o seu potencial, e a pele revela-se lisa e perfeita.

Agora que já sabe o essencial sobre o botox, se está a pensar colocar esta substância no rosto, consulte um dermatologista e vá em frente.

Nunca como agora, a medicina foi tão amiga da beleza.

Veja também