Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Catarine Martins
Catarine Martins
25 Out, 2019 - 14:54

Descubra 5 procedimentos estéticos para perder barriga

Catarine Martins

Para muitas mulheres a barriga saliente é um incómodo que afeta até a auto-estima. Por isso, reunimos os melhores procedimentos para perder barriga.

Mulher em tratamento estético

São muitas as mulheres que, apesar de serem magras têm uma barriguinha saliente e sofrem com isso. Se é o seu caso e já aposta numa alimentação saudável e em exercício diário, saiba que os procedimentos estéticos para perder barriga podem ser uma grande ajuda.

Sim, a verdade é que mais vezes do que gostaríamos de admitir, a gordura localizada instala-se no nosso corpo de forma quase permanente, e por mais ginásio que façamos ela simplesmente recusa-se a desaparecer.

Nesse caso, há apenas duas soluções: aceitar e ser feliz ou, no caso disso estar a ser um incómodo que afeta a sua auto-estima e a forma como se vê, experimentar um procedimento estético adequado.

Mas, não se preocupe. Há várias técnicas não invasivas que lhe permitem ficar com o corpo que sempre sonhou em pouco tempo. Contudo, não se esqueça que elas são apenas aliadas e não substituem uma alimentação saudável, a ingestão de muita água e o exercício físico.

Afinal, tão importante como nos sentirmos bonitas é estarmos saudáveis. Confira abaixo e experimente o mais indicado para o seu caso ( tenha em mente que deve sempre ter em conta a opinião dos profissionais onde for realizar o tratamento).

Procedimentos estéticos para perder barriga: avalie

Mulher que quer perder barriga

1. Lipocavitação

Uma das técnicas mais conhecidas para perder barriga é a lipocavitação. Com efeito, ela consiste num ultrassom que ao produzir ondas de baixa frequência produz cavitações, originando assim cavidades dentro das células de gordura. Consequentemente, essas células rompem-se, sendo eliminadas pelo sistema linfático.

Ao fim de algumas semanas de tratamento os resultados são visíveis, mas há certas condições de saúde que não permitem fazê-lo.

Entre elas encontra-se a diabetes, doenças cardíacas, próteses metálicas, dermatites, etc. Por isso, é necessária uma avaliação prévia em que a terapeuta analisa se este é um tratamento efetivamente indicado para o seu caso ou não.

2. Carboxiterapia

A carboxiterapia consiste num tratamento à base de injeções de gás (CO2), nas áreas onde a gordura localizada se encontra. Nesse sentido, o gás provoca um aumento da circulação do sangue no local, o que se traduz numa mobilização da gordura e num aumento do colagénio.

Contudo, como esta é uma técnica onde é necessário usar agulhas, se tem pavor delas é melhor não arriscar este tratamento para perder barriga.

3. Criolipólise

Igualmente indicada quando o objetivo é eliminar a gordura da barriga, é a criolipólise. Este procedimento estético consiste em utilizar baixas temperaturas para eliminar de forma eficaz a gordura localizada.

Assim, coloca-se o aparelho que realiza a criolipólise sobre a área a tratar e, assim que começa a trabalhar congela as células de gordura, utilizando temperaturas negativas, o que provoca a sua eliminação.

Após dez dias já é possível ver resultados e é um procedimento relativamente simples e não invasivo.

4. Radiofrequência

A radiofrequência é um dos procedimentos estéticos mais utilizados no combate à gordura localizada, mas pode também ser usado no rosto.

Com efeito, consiste no uso de um laser especial que provoca um aumento da temperatura da pele, atingindo as camadas de colagénio e as fibras musculares. Assim, queima as gorduras localizadas, enquanto confere à pele um aspeto mais bonito e saudável.

Contudo, embora seja um tratamento muito eficaz, ele é proibido para mulheres que usem o DIU de cobre.

5. Aplicação de enzimas

Também conhecido como mesoterapia, este procedimento consiste em aplicar várias injeções que contêm entre 4 a 6 elementos diferentes, na área afetada pela gordura localizada. E pode ser um bom aliado para perder barriga.

Assim, o tratamento é feito com agulhas finas que ao entrarem em contato com a gordura provocam a sua eliminação, uma vez que as enzimas utilizadas induzem à quebra das moléculas de gordura, que serão depois eliminadas pelo suor e pela urina.

Como está bom de ver, este tratamento não é indicado para todas aquelas que temem agulhas, mas se não é o seu caso vale a pena experimentar. Afinal, os resultados são visíveis em poucas semanas.

Velashape: conheça este tratamento revolucionário e saiba onde fazer
Veja também Velashape: conheça este tratamento revolucionário e saiba onde fazer

É claro que antes de optar por qualquer um destes procedimentos é muito importante que faça uma consulta de avaliação, na clínica onde for fazê-lo, de forma a perceber qual o mais indicado para o seu caso.

Diga adeus à barriga saliente e seja ainda mais feliz.

Veja também