ebook
Ebook Finanças (s)em Crise
Um guia para tempos complicados
Afonso Aguiar
Afonso Aguiar
11 Fev, 2021 - 18:14

7 carros híbridos com menor consumo à venda em Portugal

Afonso Aguiar

Comprar um automóvel pode significar um investimento no futuro, principalmente se estivermos a falar de carros híbridos com menor consumo.

close-up na designação híbrido de um carro

A mobilidade elétrica é cada vez mais uma realidade em Portugal e no mundo. No entanto, há ainda quem prefira uma modalidade híbrida, antes de se render, por completo, aos carros 100% elétricos. Por isso, reunimos uma lista dos carros híbridos com menor consumo, para o ajudar no momento da decisão.

Apesar de, como referido, a eletrificação do mundo automóvel ser já um assunto presente no dia-a-dia de muitas pessoas, a realidade é que também ainda há muita desconfiança relativamente aos veículos elétricos.

Por outro lado, os seus “primos” mais próximos, os híbridos, apesar de também sofrerem alguma discriminação, têm tido maior sucesso. A razão é simples: de entre todos os automóveis com motor a combustão, os híbridos são os que apresentam menor consumo.

Assim, reunimos numa lista os veículos híbridos de menor consumo à venda, atualmente, em Portugal.

Plug-in superam híbridos e gasolina ou diesel

É, desde logo, evidente que um automóvel híbrido, com um motor a combustão (gasóleo ou gasolina), auxiliado por um outro elétrico, ajuda claramente a diminuir os consumos do primeiro. No entanto, nesta lista em específico, enumeramos, essencialmente, modelos plug-in.

Para contextualizar, há três tipos de automóveis híbridos: mild-hybrid, híbrido e plug-in. Embora os três tenham, pelo menos, dois motores diferentes (combustão e elétrico), a forma como o elétrico atua, coloca-o em categorias diferentes.

No caso dos mild-hybrid, o motor elétrico simplesmente auxilia o motor a combustão, sendo incapaz de ter autonomia sozinho. Ou seja, nunca está unicamente dependente da parte elétrica.

Por outro lado, os veículos híbridos têm um motor elétrico com menos potência e com pouca capacidade de autonomia isolada. Normalmente, não ultrapassa os 30 km sendo que quanto maior for a velocidade, deixa de ser autónomo e a grandes velocidades deixa inclusive de auxiliar o motor a combustão.

Já no caso dos plug-in, essa mesma autonomia costuma ser de mais de meia centena de quilómetros. O motor também costuma ser mais potente para poder ser utilizado em velocidades maiores.

Antes de avançarmos para a lista em si, importa também referir que poucas são as opções consideradas de híbridos a diesel. Isto porque a combinação da tecnologia elétrica com o combustível gasóleo pode acabar por não ser o melhor investimento.

Ainda que o gasóleo apresente um consumo menor e tenha um bom desempenho a baixas rotações, este mesmo propósito é atingido pela energia elétrica. Para além disso, um motor a diesel é sempre mais dispendioso, pela sua mecânica mais complexa.

Sem mais demoras, apresentamos, então, a lista dos sete carros híbridos com menor consumos. Alertamos, no entanto, que tivemos em consideração o preço da compra e excluímos hipóteses com um valor demasiado exorbitante.

botão a dizer hybrid power a representar carros híbridos com menor consumo

7 carros com menores consumos à venda em Portugal

1

Mini Cooper SE All 4 Plug-in

Para começar a lista de carros híbridos com menor consumo, destaca-se a inclusão de um veículo com tração integral já incluída (o único da lista). A grande desvantagem é a baixa autonomia elétrica, de apenas cerca de meia centena de quilómetros.

No entanto, tem um motor plug-in 1.5 a gasolina, potência combinada de 220 cv, capacidade de ir dos 0 aos 100 km em 6.2 segundos e um consumo estimado de 1.7 litros a cada 100 quilómetros (dados WLTP – procedimento de teste global harmonizado para veículos ligeiros).

Preço: 42.650 euros
Ver carro

2

Renault Captur E-tech 160 plug-in

Este modelo é um sucesso em Portugal. É, a par do Peugeot 2008, uma das grandes referência no mercado dos B-SUV.

O Captur junta um motor 1.600 a gasolina com 98 cv e um outro de 85 kw (69cv), perfazendo um total de 158 cv. Além disso, tem um segundo motor elétrico, que, na prática, é um Alternador Gerador de Alta-Voltagem (HSG), para garantir os arranques e a alimentação em modo elétrico.

A autonomia é ligeiramente superior ao do Cooper, entre 50 e 65 km, e consome apenas 1.5 litros a cada 100 quilómetros (WLTP).

Preço inicial: 37.500 euros
Ver carro

3

Citroen C5 Aircross Plug-in

Este SUV combina um motor a gasolina PureTech 180 S&S, com 1.6L de cilindrada e 180 cv, com um outro elétrico de 80 kW incorporado entre o motor de combustão e a caixa de velocidades. No total, tem cerca de 225 cv.

Em termos de consumo, a Citroen anuncia 1.4/1.5 litros a cada 100 quilómetros (WLTP) e uma autonomia elétrica a rondar os 55km.

Preço inicial: 39.000 euros
Ver carro

4

Kia Niro Plug-in

Apesar de menos conhecida, a marca sul coreana também começa a marcar pontos em Portugal.

Com um motor idêntico ao do compatriota Hyundai Ioniq, 1.6 a gasolina com 105 cv, mais outro elétrico com o equivalente a 43.5 cv (148.5 cv no total), tem nos pneus de baixa resistência ao rolamento a razão para conseguir consumos ainda menores do que os modelos anteriores: 1.4 litros a cada 100 quilómetros (WLTP).

A autonomia encontra-se ligeiramente acima dos 50 quilómetros.

Preço: 34.650 euros
Ver carro

5

Peugeot 3008 Plug-in

Bastante em voga, os SUV são claramente alvo de uma aposta também das versões Plug-in. Neste caso, encontramos uma marca referenciada em Portugal que tem no seu lote ainda outra modelo com baixos consumos.

O líder de mercado dos SUV em Portugal, o Peugeot 3008, não é exceção. Por isso, entra na lista dos carros híbridos com menor consumo. Com um motor 1.5 a gasolina, mais um ou dois elétricos (um à frente e outro atrás, dependendo da versão que escolhe, tudo junto perfaz um total 225 ou 300 cv, ao qual se inclui uma caixa automática e-EAT8.

Qualquer um dos modelos anuncia consumos WLTP na ordem dos 1.3 litros a cada 100 quilómetros, e uma autonomia de cerca de 60 quilómetros.

Preço inicial: 43.000 euros
Ver carro

6

Peugeot 508 Plug-in

O motor é o mesmo da versão de 225 cv do 3008, os consumos e autonomia são exatamente iguais -1.3 litros a cada 100 quilómetros e cerca de 60 quilómetros. Para além disso, até a caixa de velocidades é uma cópia um do outro.

Qual é a diferença? Neste caso trata-se de um sedan, sem a possibilidade de colocar um motor mais potente e o valor é muito ligeiramente mais barato.

Preço inicial: 42.900 euros
Ver carro

7

Hyundai Ioniq Plug-in

Para finalizar a lista dos carros híbridos com menor consumo, aparece o já badalado Ioniq da marca Hyundai, cada vez mais centrada em impor-se no mercado automóvel dos veículos elétricos.

Além de ser o que menores consumos apresenta, também é o que tem mais autonomia e é o mais barato. Os valores são: 1.1 litros a casa 100 quilómetros, 63 quilómetros em modo exclusivamente elétrico.

O motor 1.6 a gasolina com 105 cv, idêntico ao do KIA Niro, mistura-se de forma perfeita com um elétrico de 45 kW. Tudo junto dá uma máquina de 141 cv e 178 km/h de velocidade limitada. Não e o mais potente, mas é o mais poupado.

Preço: 31.900 euros
Ver carro

Veja também

Aviso Legal

O Ekonomista disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento fiscal, jurídico ou financeiro. O Ekonomista não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral e abstrata, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui qualquer garantia nem dispensa a assistência profissional qualificada. Se pretender sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].