Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Mónica Carvalho
Mónica Carvalho
18 Set, 2020 - 08:46

Coisas para deitar fora este outono: dicas à prova de desorganizados

Mónica Carvalho

Nova estação, novos hábitos: dê uma reviravolta à sua vida e, consequentemente, à sua casa. Confira a lista de coisas para deitar fora este outono.

Coisas para deitar fora este outono

Ter consciência das coisas para deitar fora este outono, de modo a entrar num novo período de alma lavada é, de facto, uma tarefa que lhe exige tempo e dedicação, mas que vai permitir livrar-se de materiais que já não precisa, que já não lhe fazem falta e que, estando ainda em boas condições, poderá até vender a alguém que possa dar uma nova vida e, assim, entrar num ciclo de sustentabilidade que o ambiente também agradece.

Por isso, veja as nossas dicas e disponha-se de algum tempo para fazer o que realmente necessita. Vai sentir uma leveza quase inexplicável e até verá a sua casa com outros olhos.

Lista de coisas para deitar fora este outono: tome nota

Se a entrada no outono pode já ser uma altura complicada, à qual muitas vezes se associa uma depressão sazonal, dar uma nova limpeza à casa e, com isso, ter em conta as coisas para deitar fora este outono, é algo que vai fazê-lo sentir-se bem melhor.

Assim, vai estar a livrar-se de itens que já não precisa e, como tal, a libertar energia pesada para criar espaço para uma energia retemperadora e verdadeiramente necessária.

organizar armário

Quarto

Roupa e acessórios

Não adie novamente esta tarefa. É mesmo importante fazer uma seleção apurada ao guarda roupa! Há quantos anos tem aquelas calças de ganga que não usa? E aquela camisa que guardou para o caso de “pode ser que um dia sirva”? Ou aquele casaco para “ocasiões especiais” que chegam é certo, mas usar o casaco é coisa que nem lhe passa pela cabeça?

São essas as peças a colocar de lado e, estando em bom estado, aproveite para dar a instituições de solidariedade, a pessoas que precisam mesmo e podem dar-lhe o devido usufruto.  

Calçado

O mesmo deve fazer com o calçado. Analise par a par, veja aqueles que precisam de fazer uma visita ao sapateiro, aqueles que não usa e pode doar e aqueles que já não têm mesmo conserto possível. Nesses casos, a dica é só uma: deve mesmo deitá-los fora.

Quarto das crianças

Os miúdos crescem e quando damos por ela, há imensa roupa que já não serve, calçado que já não cabe nos pezinhos em rápido crescimento e brinquedos que já não usam ou estão estragados.

Assim, recicle e reaproveite tudo o que for possível – no caso da roupa e calçado em bom estado poderá até guardar as melhores peças se estiver a pensar em aumentar a família.

Cozinha

Utensílios e acessórios

As gavetas dos utensílios de cozinha são uma espécie de caixa da Pandora onde vão parar coisas que nem se lembra como e, mais do que isso, que nem sabe bem para que servem. Pois bem, esta é a altura perfeita para pegar nessas coisas e deitar fora este outono!

Faça uma revisão item a item e analise bem se o utiliza e se tem verdadeiramente utilidade. Na dúvida, descarte.

organizar cozinha

Esponja da louça

Na cozinha encontrará imensas coisas prontinhas a irem para o lixo e às quais nem sempre dá a melhor atenção. Falamos, mais propriamente, das esponjas de louça. É certo que os modelos atuais aguentam muito mais tempo do que há uns anos, não só pela maior durabilidade dos materiais constituintes, mas também porque muitas casas possuem máquina de lavar louça, o que aumente a sobrevida desta peça.

Mas se a sua já viu melhor dias, então, lixo com ela. Caso contrário tem uma esponja que poderá estar a desfazer-se e deixar bocadinhos pelos canos, bem como a acumular bactérias e fungos que poderão colocar a sua saúde em causa.

Despensa, frigorífico e congelador

É muito importante que faça esta revisão mais frequentemente do que apenas quando se iniciar uma nova estação, porque é normal que vamos acumulando coisas que acabam por ficar fora de prazo ou já não estão em condições de serem consumidas.

Além disso, aproveite para organizar o que mantiver e, assim, ficar com a vida facilitada para os próximos tempos. Por exemplo, no caso da despensa, pode armazenar e acondicionar corretamente todos os alimentos que se encontrem nas suas embalagens originais, abertas, para caixas e recipientes fechados preferencialmente de vidro, para ser mais simples de ver o que tem e em que quantidades.

Escritório

Equipamentos eletrónicos

Cabos atrás de cabos, telemóveis do século passado, cartões de memória de 32MB… Para que está a acumular todas essas coisas? Sabia que pode vender os telemóveis em lojas de usados e ainda fazer uns euros com isso? Verifique também se todos os cabos estão a funcionar.

Se estiverem em bom estado, seja um bom samaritano e partilhe com amigos e familiares a quem essas peças possam dar jeito.

Computador

Ainda que esta seja mais uma limpeza virtual do que física, ter um computador organizado, só com as pastas, documentos e programas de que realmente precisa vai facilitar-lhe a vida e antecipar eventuais problemas.

Os computadores não duram para sempre e não são imunes a ataques externos, ainda que existem vários mecanismos de proteção a que deve mesmo recorrer, salvaguarde toda a informação importante num disco externo.

Papelada

O armário da papelada é outro dos locais a destralhar em qualquer casa… Como tal, arregace as mangas e atire-se de cabeça a estas resmas. Não precisa de fazer tudo de uma vez, porque é uma tarefa desgastante, admitimos. Por isso, dedique um dia para rever os papeis de uma determinada gaveta ou pasta e vá progredindo dia após dia.

Tudo que são faturas e que já confirmou que estão no portal e-fatura pode deitar fora, o mesmo com documentos com mais de 5 anos e outros papéis de publicidade e afins que guardamos e nem sabemos bem porquê.

Quarto de banho

Também nesta divisão há muito a rever e a analisar em termos de necessidade: medicamentos, maquilhagem e cremes fora de prazo; escovas de dentes com mais de 3 meses de utilização; esponjas e puffs de banho também com mais de 3 meses de utilização e toalhas em mau estado.

Livrar-se do mau, do que está estragado, do que já não tem utilidade irá permite deixar espaço na sua vida e na sua casa para coisas novas e úteis ou simplesmente para o nada. Afinal, também é importante ter a consciência de que temos a tendência para acumular coisas desnecessárias e que nunca iremos precisar.

Veja também

Aviso Legal

O Ekonomista disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento fiscal, jurídico ou financeiro. O Ekonomista não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral e abstrata, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui qualquer garantia nem dispensa a assistência profissional qualificada. Se pretender sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].