Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Helena Peixoto
Helena Peixoto
27 Mai, 2020 - 10:17

Como pintar azulejos: conheça o passo a passo e renove a sua casa

Helena Peixoto

Aprenda como pintar azulejos pode ser uma arma poderosa no que toca a renovar o seu cantinho. Conheça algumas técnicas DYI e renda-se a este material!

pincel, tintas e azulejos para pintar

Esta dica vai valer ouro: ao aprender como pintar azulejos vai conseguir dar uma nova cara à sua casa e não vai ter de gastar rios de dinheiro em material e mão de obra.

Afinal, se conseguir reunir o material que lhe vamos indicar e se se dedicar com vontade e tempo à tarefa, vai ficar verdadeiramente surpreendido com o resultado final.

Saiba como pintar azulejos e torne a sua casa única, diferenciadora e carregada de estilo! 

UM POUCO DE HISTÓRIA

Se há coisa que caracteriza a cultura portuguesa é o azulejo. Passeando pelas ruas de Portugal damos de caras com este material porta sim, porta sim. E cada azulejo em Portugal conta uma história! 

O nome azulejo surge do árabe mas foi em terras lusas que ganhou força. O azulejo tem 500 anos de produção nacional e é caso único em Portugal enquanto elemento decorativo e arquitetónico. Temos até um museu dedicado a estas peças! 

Com o passar dos anos, a variedade foi sendo cada vez maior e hoje há azulejos para todos os gostos, estilos e divisões. 

pessoa a perceber como pintar azulejos com tinta azul bebé

TIPOS DE AZULEJO E SUAS ESPECIFICIDADES

Antes de partilharmos consigo o passo a passo para pintar azulejos, deixamos um pequeno guia que o vai ajudar a perceber os principais tipos deste material, bem como onde melhor os aplicar.

Azulejos de cerâmica

Este é um dos tipos de azulejo mais comum e tem uma enorme variedade de formas, tamanhos, estampados e padrões. Grande parte destes azulejos é quadrada, mas hoje em dia já existem muitas outras formas.

As versões com uma camada de vidrado, que confere propriedades impermeáveis e mais duráveis, são habitualmente escolhidas para casa de banho e cozinha. Já os azulejos sem vidrado, com acabamento mais baço e matizado, são utilizados para reduzir a porosidade.

Azulejos industriais

De grossura mais fina do que os habituais, estes azulejos são mais fáceis de cortar. Além disso, por serem mais uniformes, são também mais fáceis para se encontrar unidades de substituição.

Azulejos artesanais

Tal como o nome indica, são peças feitas à mão e por isso mais difíceis de igualar. Mais irregulares e mais espessos, são facilmente encontrados em feirinhas e mercados.

Mosaicos ou pastilha

Com dimensões muito pequeninas, estas peças acabam por ser vendidas como várias pequenas peças juntas sobre uma tela. Muito usado em pequenas áreas da cozinha, casa de banho e lavandaria, estas peças servem para dar alguma cor aos espaços.

Azulejos para frisos

Estes azulejos são geralmente peças retangulares, com diferentes padrões e desenhos, e servem para dividir a parede de uma divisão.

COMO PINTAR AZULEJOS E DAR UMA NOVA CARA À SUA CASA

Pintar azulejos decorativos pode ser aquele apontamento que faltava para renovar um pouco as diferentes divisões de sua casa. E não falamos apenas da cozinha ou casa de banho!

Apesar destes dois espaços serem os mais comuns em termos de lugar onde se aplicam azulejos, há quem goste de criar, por exemplo, um padrão à entrada de casa, na varanda, ou até mesmo no quarto, fazendo um cantinho romântico.

Tudo vai do estilo e cores que escolhe para cada divisão, sendo que uma coisa é garantida: os azulejos vão dar um novo charme às suas paredes!

Como alternativa às paredes, pode também pintar azulejos isoladamente e fazer pequenos quadros, tabuleiros ou outra peça decorativa!

O passo a passo

Com os materiais necessários e um pouco de paciência, é possível transformar o piso e as paredes tanto da cozinha como da casa de banho. Pintar os azulejos é uma alternativa barata para dar uma refrescadela na casa, gastando pouco dinheiro.

Material necessário para pintar azulejos e respetivos custos aproximados

  • Tinta (esmalte aquoso) – 25€;
  • Quantidade de tinta – em média 1 litro para cada 10 metros quadrados (se for preciso 2 demãos, dobre a quantidade);
  • Primário de aderência – 18€;
  • Fita de pintor – 1,60€;
  • 3 trinchas – 1,99€;
  • Rolo de pelo curto para tinta de esmalte – 5,30€;
  • Detergente – 1,50€;
  • Panos de limpeza – 1,50€;
  • Jornais velhos.

Guia para pintar azulejos: siga estes passos

Os próximos passos podem ser aplicados em paredes com azulejos que queira transformar, sem ter que deitar tudo abaixo, ou em azulejos avulsos, para pintar motivos variados, ou mesmo para escrever pequenas mensagens. Para decorar os azulejos, use pincéis mais finos.

Dê asas à imaginação e crie novos ambientes em sua casa ou faça presentes personalizados e inesquecíveis.

  1. Lave muito bem os azulejos que quer pintar com um detergente e água quente.
  2. Lave novamente os azulejos apenas com água e deixe secar muito bem.
  3. No caso de estar a pintar azulejos já colocados na parede (ex: quadrados brancos), isole muito bem a área que pretende pintar, cobrindo com a fita de pintor tudo o que estiver em redor dos azulejos, como as torneiras, ou portas, ou espelhos.
  4. Cubra o chão com jornais velhos.
  5. Aplique uma demão do primário próprio para promover a aderência do esmalte. Deixe secar. Se os azulejos que estiver a pintar tiverem decorações com várias cores, o melhor será passar uma segunda demão para garantir que fica tudo coberto. Deixe secar novamente muito bem.
  6. Aplique duas ou três demãos da tinta esmalte para azulejos, deixando secar muito bem entre demãos. Se gostar e tiver jeito pode pintar os motivos que quiser ou terminar com a aplicação de autocolantes.

Se os azulejos estiverem danificados, o aconselhável é usar massa de enchimento. Aplique-a com uma espátula, deixe secar e use uma lixa para tornar a superfície homogénea. Lave novamente, aplique o primário e siga os passos seguintes.

Agora que já sabe como pintar azulejos, dê asas à imaginação e liberte o espírito decorador que há em si. Seja para compor um mural ou para decorar um móvel com azulejos decorados por si, ou ainda para renovar os azulejos antigos de uma divisão, dando-lhes uma cor nova, inspire-se.

Veja também