Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Teresa Campos
Teresa Campos
02 Mar, 2020 - 13:36

Contraindicações do chá dente de leão

Teresa Campos

Há contraindicações do chá dente de leão que importa conhecer, assim como os benefícios desta excelente planta medicinal. Tome nota.

chá dente de leão

O dente-de-leão tem o nome científico de Taraxacum officinale. É uma planta medicinal que também pode ser conhecida como coroa-de-monge, quartilho e taráxaco. Pode ser descrita como um caule oco e ereto, com folhas divididas em segmentos profundos e flores douradas. Apesar das propriedades curativas do seu chá, há contraindicações do chá dente de leão.

Portanto, apesar desta infusão ser um ótimo auxiliar no tratamento de transtornos digestivos, problemas no fígado e pâncreas e doenças de pele, também há contraindicações do chá dente de leão que importa conhecer, de modo a prevenir-se de efeitos secundários indesejados.

benefícios do chá dente de leão

Contraindicações do chá de dente de leão

Problemas renais

Quem sofre de patologias ligadas aos rins, como cálculos renais, por exemplo, deve evitar o consumo deste chá. Uma infusão de dente de leaõ contém oxalatos, substâncias que dificultam a absorção de cálcio pelo organismo. Tal, favorece o aparecimento de pedras nos rins.

Problemas de estômago

Todos os que padecem de gastrites, úlceras e azia devem ter cautela com este chá. É que esta planta estimula a produção de sucos gástricos, o que vai irritar o estômago e piorar os sintomas das doenças anteriormente enumeradas.

Problemas de vesícula

Se este até pode ser um bom chá para quem tem problemas de fígado, o mesmo não se pode dizer para quem tem problemas de vesícula. Esta planta possui um ativo medicinal, os colagogos, que impulsiona a atividade da vesícula biliar. Essa atividade pode ser nociva para quem tem problemas de vesícula, pois pode resultar numa produção excessiva de bílis.

Gravidez

Não há nenhuma contraindicação específica em relação a este chá e a gravidez. Porém, há que lembrar que algumas infusões têm propriedades abortivas. Por isso, a nossa sugestão é que, se está grávida, pergunte primeiro ao seu médico quais os chás que pode beber, sem re

Anticoagulantes e antibióticos

Outra particularidade deste chá é que ele não deve ser consumido, se estiver a fazer medicação deste tipo, pois ele é capaz de interferir na eficácia desses fármacos.

Outros

Este chá também não deve ser consumido por indivíduos com hipersensibilidade a esta planta, que sofram de oclusão intestinal. Em alguns casos, esta infusão pode provocar reações alérgicas.

Os 10 melhores chás para beber no trabalho
Veja também Os 10 melhores chás para beber no trabalho

Benefícios do dente de leão

Se começámos por falar das contraindicações do chá dente de leão, seria injusto não apontar algumas das suas caraterísticas mais positivas. A raiz e as partes aéreas da planta ajudam no tratamento de problemas digestivos, falta de apetite, transtornos biliares, doenças hepáticas, hemorróidas, gota, reumatismo, eczemas, patologias renais e vesicais e diabetes.

Além disso, este chá também favorece a eliminação da urina e, por isso, contribui para combater a retenção de líquidos e a tensão alta. Já a raiz tem um efeito laxante. O dente de leão é, ainda, uma importante fonte de vitaminas A, B, C e D e de minerais, como o potássio.

fazer chá dente de leão

Como consumir dente de leão?

Além do já referido chá de dente de leão, pode também fazer um sumo de dente de leão. Tem dúvidas de como fazê-lo? Nós explicamos.

Chá de dente de leão

Ingredientes

150 mL de água

1 colher de sopa de raiz de dente-de-leão esmagada

Modo de Preparação

  1. Deite 150 mL de água fervente sobre uma colher de sopa de raiz esmagada e deixe repousar durante 10 minutos. Beba uma chávena deste chá 3 vezes por dia, antes das refeições.

Sumo de dente-de-leão

Ingredientes

Folhas novas de dente-de-leão

Água de coco

Modo de Preparação

  1. Bata as folhas num processador, juntamente com a água de coco e tome três vezes por dia. Pode misturar com outros sumos naturais, como os de maçã, hortelã ou gengibre, por exemplo.
Veja também