Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Catarina Milheiro
Catarina Milheiro
04 Dez, 2019 - 12:55

O que fazer depois de acabar os estudos: 7 dicas para começar

Catarina Milheiro

Não saber o que fazer depois de acabar os estudos é algo perfeitamente normal. Para lidar com esta indecisão, deixamos algumas dicas que o podem ajudar.

o que fazer depois de acabar os estudos

“O que fazer depois de acabar os estudos?”: esta é a questão com que muitas pessoas se deparam quando cumprem os objetivos académicos, e a verdade é que não é de todo uma questão completamente fora do normal.

A fase de transição dos estudos para o mercado de trabalho, é sempre complicada e exige bastante ponderação. Afinal, quando não se sabe o que fazer depois de acabar os estudos, poderá levar a sentimentos de indecisão e confusão sobre aquilo que se deve ou não fazer com a sua vida.

São inúmeras as dúvidas que surgem na cabeça dos jovens nesta fase: se devem ou não começar imediatamente à procura de trabalho na área em que se formaram, se prosseguem com os estudos, se param um ano para pensar bem naquilo que querem ou não fazer, ou até mesmo em que áreas podem atuar com a formação que adquiriram.

É importante ainda salientar o facto de que é perfeitamente normal sentir-se assim, sem grandes certezas e um pouco à deriva. No entanto, existem algumas dicas e estratégias que pode adotar para o ajudar a saber o que pode fazer com a sua vida depois de terminar os seus estudos.

7 DICAS QUE VÃO AJUDAR A SABER O QUE FAZER DEPOIS DE ACABAR OS ESTUDOS

jovem profissional

Se sente que assim como muitas outras pessoas, também não sabe muito bem o que fazer depois de acabar os estudos, então, estas dicas podem ajudá-lo e muito.

Lembre-se que é perfeitamente normal sentir-se indeciso e confuso nesta fase da vida e que todas as pessoas, em algum momento das suas vidas, também já se sentiram assim, com a necessidade de ponderar muito bem as suas carreiras, de descobrir a sua paixão e até mesmo aquilo que deveriam estar a fazer.

Não sabe o que fazer com a sua vida? Atente nas dicas e estratégias que temos para si.

1. Converse com pessoas sobre o que sente e o que pensa

Perca todos os seus medos e sinta-se confiante para conversar com diversas pessoas, sejam elas familiares, amigos ou qualquer outro tipo de referências.

O importante nesta fase é mesmo o facto de tentar perceber o que cada um deles está a fazer neste momento, por isso entre em contacto com eles de alguma forma: pode fazer uma chamada, marcar uma reunião ou até mesmo um simples café onde poderá trocar alguns pontos de vista.

Quando não se sabe muito bem o que fazer depois de acabar os estudos é essencial que se tente combater esta indecisão e confusão que se gera nas nossas cabeças de alguma forma. E nada como aprender ouvindo as experiências e percursos de outras pessoas.

2. Comece a fazer alguma coisa, seja o que for

Independentemente daquilo que ambiciona fazer ou de até nem saber muito bem qual o caminho certo, o importante é começar por algum lado.

Por isso, comece a fazer alguma coisa, nem que seja um projeto pessoal, a criação de um portfólio ou a aprender como funcionam algumas ferramentas da Google, por exemplo.

Agir de alguma forma é crucial quando não sabe muito bem o que fazer com a sua vida. E não há forma melhor para agir, do que começar por fazer alguma coisa que traga experiência ao seu percurso.

Esta é mesmo uma dica preciosa para que se comece a sentir mais confiante e menos angustiado. Porque, afinal, o facto de não saber muito bem o que fazer depois de acabar os estudos provoca algum stress e ansiedade ao seu dia a dia.

Invista em si e esteja confiante! Procure começar a fazer alguma coisa que o faça sentir satisfeito e completo no final do dia.

3. Leia e aprenda com aqueles que atingiram os seus objetivos

Todos queremos ter sucesso na vida, independentemente do que cada um faça. Uma maneira para aprender qual a melhor forma de atingir os seus objetivos, pode mesmo residir no facto de começar a ler sobre o percurso de algumas pessoas com carreiras de sucesso.

Pode optar por biografias que documentem a vida de pessoas que são hoje extremamente bem sucedidas, por exemplo. E lembre-se que, tal como qualquer um de nós, estas pessoas também começaram por ser ótimas antes de se tornarem excelentes.

Adote uma rotina saudável, leia livros, artigos e biografias à noite e acorde de manhã com o pensamento focado nas coisas que poderia fazer para melhorar o seu dia e anote-as num papel.

4. Prepare-se para um longo caminho

Algumas pessoas que se encontram nesta situação, sem saberem muito bem qual o próximo passo a dar, pensam que a descoberta sobre o que vão fazer com as suas vidas está num momento mágico que irão ter em alguma fase.

A verdade é que estes momentos mágicos que normalmente idealizamos em que as nossas ideias irão ficar totalmente claras da noite para o dia, não existem e é essencial que esteja alerto para a realidade.

As vidas estão constantemente a mudar e por isso mesmo é importante que esteja consciente disso; a qualquer momento, poderá ter que reconsiderar o seu percurso à medida que avança.

5. Faça um esforço para sair da sua zona de conforto

Já pensou que talvez não saiba ainda o que fazer porque simplesmente ainda não tentou o que deve fazer? E a verdade é que nunca saberá até que saia da sua zona de conforto e experimente.

Faça um esforço para perder todos os seus medos e vergonhas, saia da sua zona de conforto e experimente novas coisas de forma a que consiga ampliar os seus horizontes.

Tente fazer alguma coisa que sempre quis, mas que nunca fez porque não se sentia à vontade para tal e vai ver que ficará surpreendido com a sua atitude.

6. Não tenha medo do fracasso ou da rejeição

Não existe nada que o possa atrasar mais na procura para descobrir o que fazer com a sua vida, do que o medo de falhar e de ser rejeitado.

Não coloque nada de parte só porque algo parece difícil. Vá em frente, agarre novas experiências e oportunidades e não deixe que os seus medos o prendam.

Todos já falhamos, talvez alguns até mais do que outros, mas a verdade é que é realmente necessário fracassar para aprendermos com os erros. O pensamento é mesmo continuar a falhar, aprendendo e crescendo.

7. Aprecie o agora em vez de se focar no futuro

Quando não sabemos o que fazer com as nossas vidas, temos tendência para pensarmos demasiado no futuro e esquecemos-nos de viver o presente.

Lembre-se que quanto mais viver cada momento no presente, mais o futuro se tornará numa realidade fantástica; não seja duro consigo mesmo e não se pressione para estar no futuro.

Foque a sua mente para os assuntos menos urgentes e preocupantes (como os do dia a dia) e verá que a resposta que tanto deseja alcançar surgirá muito mais rápido do que imagina.

Veja também