Ana Mota
Ana Mota
13 Ago, 2013 - 00:00
Empréstimo pessoal: Evite fraudes

Empréstimo pessoal: Evite fraudes

Ana Mota

O empréstimo pessoal é um excelente produto quando utilizado com responsabilidade mas também é uma óptima forma de enganar pessoas com dificuldades. Proteja-se!

O artigo continua após o anúncio

Existem muitas entidades financeiras de confiança que lhe podem conceder um empréstimo pessoal, mas infelizmente existem também algumas que funcionam de maneira pouco clara e que podem burla-lo.

Mesmo que nos achemos informados, há sempre uma altura da nossa vida em que estamos mais suscetíveis a sofrer uma fraude e, normalmente, essas alturas estão relacionadas com falta de dinheiro.

Quando está numa situação de aperto e alguém lhe oferece dinheiro, a probabilidade de cair na tentação é muito grande, mas saiba que ninguém oferece um empréstimo pessoal… quem está no mercado de boa-fé, vende empréstimo pessoal.

Como evitar uma fraude de empréstimo pessoal?

1 – Quando alguém lhe oferece um empréstimo pessoal por telefone, deve ser colocar algumas dúvidas. Mesmo que a instituição seja de confiança, não compre um empréstimo pessoal sem que o tenha solicitado.

2 – Nunca forneça informações pessoais por telefone, email ou carta. Todas essas informações são solicitada por uma entidade financeira aquando da assinatura do contrato do empréstimo pessoal e nunca através destes meios.

3 – Uma vez na internet, para sempre na internet. Antes de contratar um empréstimo pessoal, faça uma pesquisa na internet com o nome da empresa que lhe irá conceder o empréstimo pessoal. Muitas empresas fraudulentas têm na net imensas queixas de burla.

4 – Peça sempre para incluir no valor do empréstimo pessoal os custos associados ao mesmo. Desta forma evita cair na fraude mais comum, pagar as despesas e o dinheiro do empréstimo pessoal nunca chegar à sua conta.

5 – Se não está convencido da boa-fé da empresa que lhe oferece o crédito, visite as suas instalações e perceba se aquilo funciona como uma empresa efectivamente. Pode retirar muitas dúvidas ai.

O artigo continua após o anúncio

6 – O Banco de Portugal é sempre uma boa ajuda no que toca a reconhecer a credibilidade das instituições de crédito. Peça informações a este organismo e logo perceberá se pode confiar na empresa.

7 – Acima de tudo, na hora de pedir um empréstimo pessoal, faça-o de forma responsável e consciente. Não perca a cabeça, não se iluda e, principalmente, não cai no conto do vigário.

Faça em segurança a simulação para o seu crédito pessoal. »
Poupe até 48€ / mês no Crédito Pessoal com o E-Konomista, clique aqui.

Veja também: