Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Mónica Carvalho
Mónica Carvalho
29 Nov, 2019 - 12:37

ERTE: a equipa que faz a gestão das TIC em Portugal

Mónica Carvalho

A ERTE – Equipa de Recursos e Tecnologias Educativas tem como responsabilidade a gestão dos recursos e tecnologias educativas. Conheça os projetos criados.

erte

Consciente da importância das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) em Portugal, a Direção-Geral da Educação criou a ERTE – a Equipa de Recursos e Tecnologias Educativas que faz a gestão desta área.

O objetivo desta equipa multidisciplinar é propor modos e modalidades de integração das TIC em todos os níveis de educação e de ensino, além de definir algumas orientações para uma “utilização pedagógica e didática racional, eficaz e eficiente das infraestruturas, equipamentos e recursos educativos à disposição dos estabelecimentos de ensino e de educação.”

Missão da ERTE

aula de informática

Na prossecução dos objetivos que levaram à criação desta equipa de trabalho, existem linhas orientadoras e que resultam na missão da ERTE. Saiba quais são:

  • Sensibilizar para a educação digital e para a necessidade da integração curricular das novas tecnologias como forma de atingir o sucesso educativo;
  • Educar para a cidadania digital, o que significa promover o desenvolvimento das competências digitais em todos os níveis de educação;
  • Conceber, desenvolver, acompanhar e avaliar iniciativas inovadoras em ambientes digitais e que visem o sucesso educativo;
  • Propor orientações para uma utilização pedagógica e didática de qualidade dos espaços, equipamentos e recursos educativos digitais e que estejam disponíveis nos estabelecimentos de ensino;
  • Sensibilizar a comunidade escolar para o uso correto e adequado dos recursos educativos, de modo a garantir a igualdade no acesso de oportunidades;
  • Desenvolver, certificar, gerir e divulgar recursos educativos digitais adequados aos diferentes níveis de ensino, disciplinas, componentes do currículo e formação;
  • Promover a investigação e divulgar estudos sobre a utilização educativa das TIC em meio escolar;
  • Contribuir para a formação contínua de educadores e professores na área da integração curricular das TIC e das pedagogias digitais;
  • Assegurar a participação da Direção-Geral da Eucação junto de instâncias, organismos e instituições nacionais e internacionais em projetos e iniciativas que envolvam o estudo, a promoção, a avaliação e o uso educativo das TIC.

Projetos ERTE

A equipa ERTE criou uma série de projetos diferentes, para colocar em prática o plano do uso correto e adequado das TICs. Se tem filhos em idade escolar é provável que até já conheça alguns. Fique a par de tudo.

Laboratórios de Aprendizagem

Esta iniciativa é desenvolvida em parceria com a European Schoolnet e consiste na disseminação de metodologias para a integração curricular das TIC que foram validadas em pilotos de âmbito europeu.

As atividades destes laboratórios incluem a dinamização de workshops, de cursos e oficinas de formação, entre outras ações dedicadas a professores e formadores.

eTwinning

O eTwinning corresponde à maior comunidade de escolas da Europa, contando com mais de 333.000 professores inscritos.

O objetivo é criar redes de trabalho colaborativo entre as escolas europeias, com recurso às TIC, de forma a desenvolver o espírito de cidadania europeia.

Quer fazer parte? Aceda ao portal e faça o registo.

crianças e os computadores

Partilhas à Quarta

As “Partilhas à Quarta” são um conjunto de videoconferências de variadas temáticas, que visam ser um espaço de partilha e reflexão sobre práticas pedagógicas criativas e promotoras do desenvolvimento das competências enunciadas no Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória e entre as quais se incluem temas como Metodologia de Trabalho Colaborativo na Promoção do Sucesso Educativo, Educação para a Cidadania, Articulação Curricular, STEAM, Projetos de Inovação Pedagógica, entre outros.

Neste ano letivo, decorrem seis sessões, à quarta-feira, das 21h às 22h:

  • 1º período: 30 de outubro e 27 de novembro;
  • 2º período: 29 de janeiro e 11 de março;
  • 3º período: 29 de abril e 27 de maio.

Para assistir em direto, basta aceder ao portal da ERTE.

Ambientes Educativos Inovadores

A implementação do Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória e a sua articulação com as Aprendizagens Essenciais colocam novos desafios a todos os elementos da comunidade escolar.

Este projeto traduz-se, assim, em espaços de trabalho, pensados e desenhados para o desenvolvimento de situações de aprendizagem ativa, compatíveis com as exigências inerentes à evolução social e tecnológica.

Systemic

O projeto Europeu SYSTEMIC é uma iniciativa conjunta dos Ministérios da Educação e da Indústria, que visa aumentar o interesse dos jovens europeus nas carreiras Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática (CTEM) e proporcionar aos professores as ferramentas pedagógicas adequadas para ensinar temas CTEM de forma mais atraente.

Teach UP

Trata-se de um projeto experimental sobre políticas educativas, cujo objetivo é estudar a aquisição de competências no novo papel dos professores.

O projeto é coordenado pela European SchoolNet, organizado pelo Research Institute for the Evaluation of Public Policies e conta com a participação de 17 entidades públicas de 10 países europeus.

O TeachUP é financiado pela Comissão Europeia, através do programa Erasmus + e terá um fim previsto para fevereiro 2020.

INCoDe.2030

Portugal INCoDe.2030 é a “iniciativa nacional que pretende estimular e garantir o desenvolvimento de competências digitais como instrumento para a preparação de uma sociedade orientada para o futuro e para as novas oportunidades que surgem face à acelerada adoção das TIC.”

Até 2030, o INCoDe.2030 pretende dar resposta a 3 grandes desafios:

  • Garantir a literacia e a inclusão digitais para o exercício da cidadania;
  • Estimular a especialização em tecnologias e aplicações digitais para a qualificação do emprego e uma economia de maior valor acrescentado;
  • Produzir novos conhecimentos em cooperação internacional.

Centros de Competência TIC – ccTIC

Para levar a cabo todos os objetivos propostos e os projetos criados, a ERTE conta com o apoio de Centros de Competência TIC – ccTIC, que resultam de protocolos estabelecidos entre o Ministério da Educação e as entidades em que estão integrados, sendo estas, na sua maioria, instituições do ensino superior.

A sua missão é apoiar as escolas na integração curricular das TIC, contribuindo, desta forma, para o desenvolvimento das competências digitais na educação, dando respostas, mais adequadas e céleres, às necessidades específicas das escolas, nomeadamente, no que diz respeito à utilização pedagógica e didática dos recursos digitais, ao desenvolvimento de iniciativas inovadoras, na área das TIC e do currículo, bem como à formação de docentes.

Neste momento, existem 10 ccTIC:

Veja também