Mónica Carvalho
Mónica Carvalho
26 Dez, 2018 - 04:35
Escapadinhas na neve: férias de sonho pintadas de branco

Escapadinhas na neve: férias de sonho pintadas de branco

Mónica Carvalho

Temos 10 escapadinhas na neve para partilhar consigo, as quais vão revelar locais que são verdadeiros paraísos de inverno. Venha descobrir locais únicos!

O artigo continua após o anúncio

Tem algo de tranquilo e relaxante pensar nestas escapadinhas na neve, como se todos estes paraísos pintados de branco nos fizessem esquecer que o mundo como o conhecemos existe e que tudo se transformou para nos proporcionar uma incomparável sensação de bem-estar, conforto e tranquilidade.

O inverno na Europa tem duas caras diferentes: nos países do norte encontramos destinos para escapadinhas na neve e nos países do sul, há semanas de um sol demorado que convidam a passeios na rua. Mas é precisamente nos países pintados de branco que podemos ter férias verdadeiramente paradisíacas, pintadas com a magia que só a neve permite.

10 escapadinhas na neve para ficar a conhecer

O inverno é a altura perfeita para conhecer grandes cidades e aldeias charmosas e, como tal, estas sugestões de escapadinhas na neve vão surpreender qualquer um e deixá-lo a pensar que deve parar imediatamente o que está a fazer e começar a planear os próximos dias de descanso.

1. Abisko, Suécia

Abisko

 Fonte: Max Pixel

É um dos pontos mais a norte da Europa e é o destino a escolher para quem acha que deveria apenas existir uma única estação no ano: o inverno.

Por lá, o sol não aparece durante várias semanas, nos meses de dezembro e janeiro, mas a escuridão faz deste um dos melhores lugares do mundo para ver a incrível aurora boreal.

Outras atrações da região incluem a prática de esqui e cross-country, ao longo de trilhas do parque nacional.

2. Andorra

andorra

 Fonte: Max Pixel

O artigo continua após o anúncio

Este é um dos destinos mais óbvios para escapadinhas na neve, bem como para amantes de desportos de inverno e caminhadas pela natureza – mas sempre bem agasalhado, claro!

Andorra é um dos países mais pequenos da Europa e usufrui de uma localização única, escondida no topo das montanhas dos Pirenéus, entre França e Espanha.

É muito popular e, como tal, tem sempre multidões ansiosas por usufruir de todas as comodidades.

3. Budapeste, Hungria

budapeste

 Fonte: Max Pixel

Festa e romance: duas palavras que retratam bem esta cidade, conhecida pela sua excelente vida noturna, arquitetura elegante e inúmeros spas, espalhados por toda a cidade, que convidam a um tempo para dedicar só a si.

Os castelos e catedrais são motivos mais que suficientes para valer a pena a visita a Budapeste, naquela que é a época mais fria do ano. Até porque esta cidade é um verdadeiro tesouro à vista de todos, mas que poucos descobrem, com edifícios de estilos tão variados, como barroco, neoclássico ou eclético.

4. Copenhaga, Dinamarca

copenhaga

 Fonte: Max Pixel

Para o inverno europeu que tão bem retratam os contos de fadas, nada melhor que a cidade que viu nascer Hans Christian Andersen.

O artigo continua após o anúncio

A encantadora cidade de Copenhaga começa, finalmente, a ganhar a reputação tão merecida e que convida a desfrutar com tempo e calma, nomeadamente num qualquer bar ou café da cidade para observar a neve que cai lá fora.

E bem no pleno coração da cidade, há a visita obrigatória ao parque de diversões Tivoli do século XIX que se veste a rigor para o Natal.

5. Hallstätt, Áustria

Hallstätt

 Fonte: Max Pixel

Esta aldeia austríaca, localizada nas margens do Hallstätter See, a cerca de uma hora de carro a leste de Salzburgo, é um conto de fadas verdadeiro.

Por lá, encontra igrejas do século XII, restaurantes à luz de velas e a praça do mercado que fica ainda mais charmosa, durante os meses de inverno.

Tudo fica ainda mais bonito quando as Montanhas Dachstein ficam cobertas de neve e as pessoas procuram este destino para a prática de desportos de inverno.

6. Interlaken, Suíça

Interlaken

 Fonte: Max Pixel

Quer visite esta cidade suíça no inverno ou no verão, há sempre inúmeras atividades repletas de adrenalina, entre as quais se incluem caminhadas pela natureza, parapente, caiaque no lago, contemplar as belezas verdejantes pintadas de branco, snowboard, esqui, bungee jumping e caiaque – sim, mesmo no inverno!

O artigo continua após o anúncio

7. Jasná, Eslováquia

jasná

 Fonte: Max Pixel

A Eslováquia oferece opções de esqui de alta qualidade, a preços acessíveis e longe de outros destinos cheios de multidões, proporcionando períodos de calma e tranquilidade.

A acomodação e a comida também são bastante aprazíveis e há uma simpatia intrínseca em Jasná, considerada, aliás, como a melhor estância eslovaca, com longas descidas ladeadas por pinheiros cobertos de neve, situados nas montanhas Tatras.

8. Lapónia, Finlândia

lapónia

 Fonte: Max Pixel

E o que é uma viagem de inverno sem visitar a terra do Pai Natal? Por isso, nesta lista de escapadinhas de neve, não podia faltar uma visita à Lapónia para dias cheios de adrenalina, ou seja, passear em carros vistosos e potentes em cima de estradas de gelo. Sim, pode parecer muito perigoso. Porém, não há nada a temer, pois será sempre acompanhado de instrutores especializados, muitas deles campeões de rally.

9. Moscovo, Rússia

moscovo


Nada evoca romance de inverno como Moscovo coberto de neve, com as suas catedrais brancas e lagos congelados que se espalham pela capital e que representam um cenário imperdível e de absoluta beleza.
Prepare-se para abraçar as temperaturas abaixo de zero, sempre bem agasalhado e com muito estilo, para desfrutar de uma cidade que é mesmo tão incrível quanto promete.

10. Tromso, Noruega

tromso

 Fonte: Max Pixel

Nada pode prepará-lo para o incrivelmente belo fenómeno natural da aurora boreal – as famosas explosões de verdes, rosas, amarelos e azuis iridescentes que brilham e voam pelo céu noturno, numa incrível exibição de pirotecnia celestial e natural. Tromso também é um excelente destino de inverno para presenciar o fenómeno.

Boas viagens!

Veja também:

Partilhar Tweet Pin E-mail WhatsApp