ebook
GUIA DO IRS
Patrocinado por Reorganiza
Afonso Aguiar
Afonso Aguiar
22 Fev, 2022 - 12:45

O que é e para que serve a descarbonização do motor?

Afonso Aguiar

Se o carro não tem a mesma potência, faz barulhos estranhos ou está a consumir muito, possivelmente terá de fazer a descarbonização do motor.

descarbonização do motor

Se o carro não tem a mesma potência, faz barulhos estranhos ou está a consumir mais do que deviam, possivelmente terá de fazer a descarbonização do motor.

Para um motor funcionar, o mesmo faz uma série de pequenas explosões em que mistura ar e combustível. Como consequência, junto da zona de ignição é comum haver um armazenamento indesejável de carvão. O ato de retirar esse mineral é apelidado de descarbonização do motor.

No entanto, não é só a mistura de combustível com ar que origina o acumular de carvão. Como o óleo do motor não trabalha a menos de 100º, produz pequenos e incontáveis depósitos de carvão. Para evitar complicações a solução passa por fazer a limpeza, a descarbonização do motor.

Descarbonização do motor: dois tipos diferentes

Porém, a descarbonização do motor não se reduz a retirar o mesmo do local, limpá-lo e voltar a colocá-lo no local. A maior parte dos elementos próximos ou interligado com o sistema de injeção costumam ser afetados (depreenda-se ganhar resíduos de carvão). Ou seja ,será necessário limpar e tratar dos injetores, das válvulas, das câmaras de combustão, dos coletores, da válvula EGR, do turbo, da linha de escape, entre outros possíveis.

Para melhor entender, a este ato pode-se apelidar a descarbonização do motor física e, como deve ter percebido, implicará à partida o recurso a mão de obra qualificada o que, por sua vez, não sai barato, chegando facilmente aos 100€, uma vez que além da limpeza, também será necessário o tratamento das peças, utilizando produtos químicos específicos.

Para evitar esse custo, muitos condutores costumam fazer a descarbonização recorrendo à injeção de alguns produtos caseiros ou mais baratos sem ter de recorrer a especialista e sem ser necessário retirar o motor e limpá-lo. Para ser mais fácil de interiorizar e decorar, diga-se que este ato será uma descarbonização química. Estes produtos podem custar entre 10 e 30 euros e, embora não sejam tão eficazes como retirar todas as peças, limpar, tratar e voltar a colocar, têm também grandes vantagens.

Como fazer a descarbonização?

Se quiser optar por fazer apenas o segundo estilo, apenas colocando o produto quimíco, então deve seguir o seguinte passo a passo:

  • procurar um lugar bem ventilado e ligar o motor;
  • com o motor quente colocar o produto escolhido no recipiente onde se coloca o óleo
  • aguarde um pouco para que o produto misture-se com o óleo, percorrendo todas as áreas necessárias para fazer a limpeza, a descarbonização do motor
  • durante cerca de cinco minutos acelere o carro de forma gradual, até às 1200 rpm num Diesel ou 1800 num automóvel a gasolina e, posteriormente, outros cinco minutos até às 1800 rpm ou 2800 rpm, respetivamente.
  • desacelere o carro novamente gradualmente, até deixar de carregar novamente no acelerador
  • mantenha-o “ao ralenti” uns cinco minutos
  • repita o processo
  • assim que terminar, troque o óleo do motor. Uma vez misturado com os produtos químicos de limpeza do motor, o mesmo vai perder as suas características.
válvula egr nos carros

Sinais que deve fazer a descarbonização do motor

É importante que saiba como identificar se o automóvel precisa de descarbonizar o motor. Para conseguir perceber se o seu carro precisa de recorrer a essa solução esteja atento aos seguintes sintomas:

  • O escape estoirar (fazer barulhos que se assemelham a disparos);
  • Marcha lenta irregular;
  • Pouca potência em subidas ou nas ultrapassagens, isto é, o motor solicita com frequência redução das velocidades, o que não acontecia antes;
  • Aumento do consumo de combustível;
  • As válvulas travam;
  • Ouvem-se barulhos estranhos;
  • Formação pastosa no cárter e obstrução da bomba de óleo.

Ainda assim, uma vez que estes sintomas podem ser sinónimo de outras problemas, em caso de dúvida, vá ao mecânico. Poderá ter de desembolsar mais dinheiro da carteira, mas não correrá o risco de pensar que estar a corrigir um problema e o mesmo continuar.

Como prevenir

Não há, efetivamente, um número de quilómetros estipulado pelas marcas que indique quando se deve efetuar a descarbonização do motor, assim como também os especialistas não falam num prazo de vida útil ao fim de tantos quilómetros. O processo de carbonização decorre do desgaste das peças móveis do motor, ou seja, devido ao óleo queimado ou ao tipo de combustível usado. É inevitável. Existem, no entanto, alguns cuidados que pode ter e que ajudam a evitar a carbonização do motor do automóvel.

Opte por trocar o óleo do motor e filtro do sistema de lubrificação no prazo determinado pelo seu fabricante. Se, no seu caso, tem um veículo que percorre trajetos curtos e, por causa disso, não aqueça o suficiente para circular à temperatura normal, é aconselhável substituir o óleo do motor antes do automóvel atingir a quilometragem recomendada pelo fabricante. Isto porque, os veículos usados nestas circunstâncias, costumam ter uma contaminação do óleo pelo combustível mais elevada.

Além disso, é também aconselhável que se faça a limpeza das válvulas de admissão e cabeça do pistão. Por último, recomenda-se que utilize combustível de boa qualidade, preferencialmente aditivado. Assim, garante que se concentrem menos impurezas no motor.

Vantagens em fazer a descarbonização do motor

A maior parte das vantagens em fazer a descarbonização do motor estão relacionadas com a perda dos sintomas provocados pela acumulação do carvão.

Ainda assim, para se poder referir outras e facilitar a perceção das beneces da descarbonização do motor, enumerou-se as seguintes vantagens:

  • O automóvel consome menos combustível;
  • Redução até 70% das emissões de gases poluentes;
  • Aumento do desempenho do motor o que, consequentemente, significa o aumento da potência;
  • Permite o aumento de duração de vida do automóvel como um todo;
  • Não necessita de desmontar o motor;
  • Aumenta a longevidade do motor.
Veja também