Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Clara Cardoso Barreiros
Clara Cardoso Barreiros
21 Jan, 2019 - 14:38

Conheça os livros mais vendidos em Portugal, em 2018

Clara Cardoso Barreiros

Fique a saber quais os livros mais vendidos em Portugal em 2018 e escolha a sua próxima leitura. Há romances, livros de culinária, melhoramento pessoal, thrillers…!

Conheça os livros mais vendidos em Portugal, em 2018

Tendo em conta a informação do Portal da Literatura e, batendo a informação com os sites da Fnac, Wook e Bertrand, chegámos a uma lista muito completa dos livros mais vendidos em 2018, no nosso país. O que é que ainda lhe falta ler?

2018: top 11 dos livros mais vendidos Portugal

1. A Arte Subtil de Saber Dizer que se F*da, Mark Manson

Se pensa que este é um livro comum de auto-ajuda, está redondamente enganado. Ter uma abordagem constante e forçadamente positiva perante a vida, é uma treta, não funciona e é um ponto de frustração para muitos de nós. O que realmente nos ajuda a sermos mais felizes, é aceitar e lidar com as agruras e focar naquilo que realmente interessa. A tudo o resto que não contribui para a nossa felicidade e bem-estar, temos de saber A Arte Subtil de Dizer que se F*da.

Por ser uma leitura tão fácil, com um sentido de humor tão mordaz e num registo nada politicamente correto, este foi, merecidamente, dos livros mais vendidos em 2018.

 

Preço: 15,50€. Ver produto >>

2. Cozinha Paleo XXI, Ana Ruivo, Francisco Silva, Pala Ruivo

A preocupação com a saúde e o bem estar, ao mesmo tempo que se procura uma cozinha saborosa, tem levado a uma proliferação de experiências alimentares em regimes alternativos.

O core do Paleo (paleolítico) é como que um regresso às raízes, em que se corta (ou pelo menos evita-se) o consumo de alimentos com aditivos, farinhas, açúcares refinados e processados e em que a origem do que comemos e de como chegou até nós importa. Ou seja, é alimentar o corpo com o tipo de elementos que ele está preparado para digerir, de forma moderada e equilibrada.

Ora, a Cozinha Paleo XXI vem explicar isto de forma muito mais clara e dar um monte de receitas para fazer esta transição de forma fácil, saciável e deliciosa. Desde pratos de carne a bolachas e bebidas, este é um livro que vai querer ter na sua cozinha.

 

Preço: 16,19€. Ver produto >>

3. Becoming: A minha História, Michelle Obama

Michelle Obama é uma das mulheres mais interessantes e icónicas dos nossos tempos. Todos a conhecemos pelo seu papel como primeira-dama dos Estados Unidos da América, a primeira de ascendência negra; pelo seu envolvimento em campanhas de defesa das mulheres; e pela cumplicidade que demonstra com o seu marido.

Nesta autobiografia, Michelle partilha as memórias e as experiências que a vêm moldando desde a infância, a vida em Chicago, o desafio de equilibrar carreira e maternidade, as suas vitórias e derrotas, a vida na casa mais mediática do mundo… E mais não dizemos! O resto fica para que descubra, quando tiver o livro na mão.

 

Preço: 20,61€. Ver produto >>

4. 12 Regras para a Vida, Jordan B. Peterson

Jordan Peterson é um psicólogo e professor universitário canadiano e o seu mais recente livro – 12 Regras para a Vida – é, sem dúvida, um dos livros mais vendidos em 2018. Há imenso zum zum acerca dele!

Nele – entenda-se no livro – são enumerados 12 princípios basilares, simples e práticos, para uma vida plena e com sentido. Se pretende uma leitura transformadora, não precisa procurar mais. Aqui, encontrará dicas muito valiosas.

 

Preço: 16,11€. Ver produto >>

5. Foi Sem Querer Que te Quis, Raul Minh’alma

Foi Sem Querer que te Quis está a ter um grande sucesso no mercado português, apesar de ter sido lançado já quase no final do ano.

Os protagonistas são Beatriz, uma terapeuta emocional com azar no amor; Leonardo, um tipo rico e empertigado; e Nicolau, o avô de Leonardo e paciente de Beatriz que, mesmo na morte, os vai tentar aproximar. É, no fundo, um livro sobre auto-descoberta.

 

Preço: 13,95€. Ver produto >>

6. Alegria! Guia Ilustrado da Arte de Arrumar a Sua Casa e a Sua Vida, Marie Kondo

A máxima de que a vida só começa assim que conseguirmos colocar a casa em ordem é defendida, acerrimamente, por Marie Kondo. Daí que ela se dedique a ajudar pessoas neste processo de arrumação. O objetivo não é deitar tudo o que possui fora. O objetivo é fazer um exercício consciente de tomada de decisão sobre que objetos, pelas memórias e sentimentos que evocam, queremos ter.

 

Preço: 16,60€. Ver produto >>

7. O Tatuador de Auschwitz, Heather Morris

Esta história inspira-se no relato real de Ludwig Sokolov, vítima do Holocausto e tatuador em Auschwitz.

No livro, Ludwig é Lale, um prisioneiro num campo de trabalhos, cuja tarefa é tatuar os seus companheiros com códigos que ditam a sua sobrevivência ou não.

Um dia, à espera na fila para ser tatuada, está Gita, por quem Lale se apaixona à primeira vista. A partir desse momento, ele ganha determinação para lutar, não só pela sua própria sobrevivência, mas pela de Gita também.

Sem querer revelar mais da história, fique sabendo que é uma leitura extraordinária e comovente, sobre superação e altruísmo, num contexto imbuído em violência. Merece, sem sombra de dúvida, estar entre os livros mais vendidos em 2018, em Portugal.

 

Preço: 16,50€. Ver produto >>

8. O Ano da Morte de Ricardo Reis, José Saramago

Editado pela primeira vez em 1984, este livro tem sido dos mais vendidos em Literatura de Ficção, segundo o site da Fnac!

Nesta obra, é-nos contada a vida imaginada de Ricardo Reis, um dos heterónimos do escritor Fernando Pessoa. A saber, Fernando Pessoa – o homem – morreu em 1936, mas os seus heterónimos não acompanharam necessariamente o seu percurso. Aliás, Alberto Caeiro já tinha morrido há muito e Ricardo Reis e Álvaro de Campos não tinham fim previsto.

Voltando ao enredo de Saramago, Reis, ao saber da morte de Pessoa, decide regressar a Portugal do seu exílio de década e meia no Brasil, para visitar a campa de Pessoa. Em conversas entre Reis e o fantasma de Pessoa, o leitor é colocado frente a frente com questões sobre a natureza da realidade, a natureza do Ser, a vida, a morte… Não é um livro fácil ou de leitura rápida, mas é um livro a que deve mesmo dedicar-se.

 

Preço: 17,70€. Ver produto >>

9. O Desaparecimento de Stephanie Mailer, Joël Dicker

Numa noite de 1994, assiste-se ao grande espetáculo de abertura do festival de teatro numa vila pacata dos EUA, para o qual o presidente da Câmara está atrasado. Ao mesmo tempo, Samuel Paladin percorre as ruas desertas da vila à procura da mulher, que saiu para correr e não voltou, acabando por deparar-se com o cadáver em frente à casa do presidente. Ao explorar a cena do crime, encontra toda a família do presidente morta. A investigação acaba por ser entregue a Jesse Rosenberg e Derek Scott, dois jovens polícias ambiciosos que rapidamente encontram o culpado, não se lhes poupando louvores ou condecorações.

Ora, volvidos 20 anos, numa cerimónia da polícia, a jornalista Stephanie Mailer confronta Rosenberg com uma revelação inesperada: o assassino não é quem eles pensavam e a jornalista reclama ter informações-chave para encontrar o verdadeiro culpado. Dias depois, Stephanie desaparece e o mistério adensa… E é por ser um livro de suspense tão bom, que agarra do início ao fim, que este foi um dos livros mais vendidos em 2018!

 

Preço: 19,80€. Ver produto >>

10. Sangue e Fogo: A História dos Reis Targaryen – Livro 1: Parte 1, George RR Martin

Fãs da saga Crónicas de Gelo e Fogo e da série televisiva Guerra dos Tronos: ainda não é desta que temos avanços no enredo. No entanto, não deixa de ser uma leitura interessante, uma vez que  contextualiza o domínio Targaryen nos Sete Reinos. A saber, em estilo e desenvolvimento de personagens, este livro nada tem a ver com os outros, porque aqui se escreve com o afastamento de um historiador; não é suposto conhecermos profundamente as personagens, antes, sim, perceber as dinâmicas do poder, as fações e os interesses em jogo nos bastidores do governo.

 

Preço: 16,92€. Ver produto >>

11. Fundação, Isaac Asimov

A Fundação é considerada por muitos a melhor obra de Asimov, um autor clássico de ficção científica, e foi re-editada recentemente pela Saída de Emergência, tendo chegado aos tops dos livros mais vendidos em 2018, neste género!

Há milhares de anos que o Império Galáctico reina de forma absoluta sobre todos os mundos habitados; agora, de forma lenta e quase imperceptível, o império entra em declínio. Hari Seldon, o criador de uma nova ciência, parece ser o único capaz de aceitar a inevitável chegada de uma era negra e turbulenta. Por isso, ele começa a fazer preparativos para os maus tempos que se avizinham, reunindo cientistas e eruditos de todos os mundos, de modo a preservarem o conhecimento da Humanidade e guiarem as futuras gerações, criando assim a Fundação. A Fundação, apesar da sua origem estar assente em princípios nobres, depressa fica à mercê da corrupção dos senhores feudais que se ergueram com a decadência do império e têm uma escolha difícil a tomar: submeter-se aos bárbaros e viver em escravatura ou lutar pela liberdade e arriscar perder tudo.

 

Preço: 15,93€. Ver produto >>

Os livros mais vendidos em Portugal desde sempre

“Dom Quixote de La Mancha”, de Miguel de Cervantes

Esta obra foi traduzida para mais de 140 idiomas, e crê-se que tenha vendido entre 500 e 600 milhões de exemplares mundialmente.

“O Conde de Monte Cristo”, de Alexandre Dumas

Ainda a conquistar leitores, esta obra vendeu cerca de 200 milhões de exemplares.

Um Conto de Duas Cidades”, de Charles Dickens

200 milhões é o número estimado de exemplares vendidos desta obra por todo o mundo.

“O Principezinho”, de Antoine de Saint-Exupéry

Traduzido para 300 idiomas, “O Principezinho” conta com mais de 140 milhões de exemplares vendidos.

“Harry Potter e a Pedra Filosofal”, de J.K. Rowling

Sucesso quase instantâneo, este livro vendeu cerca de 110 milhões de exemplares por todo o mundo até ao momento.

“O Hobbit”, de J.R.R. Tolkien

A história das aventuras de um grupo de hobbits já ultrapassou os 100 milhões de exemplares vendidos.

“O Código da Vinci”, Dan Brown

Os anos passaram a correr e esta obra completou já 15 anos e foi em 15 anos que atingiu também os 80 milhões de exemplares vendidos em todo o mundo.

Veja também: