ebook
GUIA DO IRS
Patrocinado por Reorganiza
Valdemar Jorge
Valdemar Jorge
10 Mar, 2022 - 14:49

Skoda Fabia está de regresso com novo modelo mais crescido

Valdemar Jorge

O novo Skoda Fabia de quarta geração está mais maduro. Conheça a nova proposta checa que reclama uma imagem mais moderna e jovem.

Novo Skoda Fabia

Com o recente lançamento da variante Monte Carlo, a Skoda completou a nova linha Fabia de quarta geração. O nome da marca checa está associado, através do Fabia àquela prova desportiva desde 2011. O modelo Monte Carlo comemora, como reforça a Skoda “as muitas vitórias da marca no lendário rally”. Por isso os detalhes em preto na carroçaria salientam o dinamismo do novo Fabia, enquanto no interior os pormenores em vermelho e os apontamentos em carbono sublimam o carácter desportivo do modelo.

Mas, da versão comemorativa Monte Carlo voltemos ao novo Fabia, o pequeno/grande citadino checo que conta com 4,5 milhões de unidades vendidas e, nesta quarta geração reclama mais espaço e tecnologia que o tornam uma proposta muito apetecível.

Skoda Fabia, com design moderno e mais emocionante

O Skoda Fabia estreou-se há 22 anos posicionando-se como modelo de entrada na gama da marca checa detida pelo Grupo Volkswagen.

Atualmente é construído sob a plataforma MTB A0 da Volkswagen (utilizada por outros modelos do grupo como Seat Ibiza, Audi A1, VW Polo e Skoda Kamiq), base de trabalho que impulsionou o tamanho do Fabia, aproximando-o dos principais rivais do segmento.

Deste modo, o pequeno/grande citadino cresceu 11 centímetros no comprimento (ultrapassa os quatro metros); 4,8 centímetros na largura e 9,4 centímetros na distância entre eixos. Na altura está mais baixo, 7 milímetros.

Todos estes centímetros acabam por refletir-se, numa melhor aparência, num visual mais agressivo, mas também num habitáculo mais espaçoso e bagageira generosa.

Novas ópticas e aerodinâmica irrepreensível

A secção frontal recebe novo conjunto de óticas, mais estreitas e em LED, seguindo o design dos modelos Otavia e Enyaq sendo acompanhada, de nova grelha.

Ainda na frente a aerodinâmica do Fabia está reforçada com a adoção de novas condutas de ar posicionadas na zona inferior do para-choques, enquanto a grelha recebe lâminas ativas que, podem abrir e fechar consoante a necessidade de arrefecimento do motor. O que constitui uma novidade no segmento dos citadinos.

Ao observarmos a traseira nota-se, imediatamente, a influência do design dos farolins do Otavia e ainda, que estes, pela primeira vez no Fabia são bipartidos. Uma das secções está colocada na porta de acesso à bagageira.

De destacar ainda o spoiler traseiro onde termina a linha de tejadilho, motivo que reforça a elegância do Fabia, e as jantes (das 15” às 18”) que apresentam, também, novo desenho.

Todo o trabalho realizado na aerodinâmica resulta num coeficiente aerodinâmico de 0.28, que coloca o Fabia na melhor posição do seu segmento. E mais, reflete-se na economia de utilização, principalmente, nos consumos com o modelo a reclamar 4,7 litros por cada 100 km percorridos (versão 1.0 litro de 110 cv).

Habitáculo espaçoso, sofisticado e mais tecnológico

Para o habitáculo do novo Fabia os engenheiros foram inspirar-se num outro modelo da casa checa, o Kamiq. Assim, o posto de condução carateriza-se pelo conforto que proporciona a quem vai ao volante. Este apresenta excelente pega e é multifunções concentrando, em comandos rotativos, a possibilidade de consultar algumas informações sobre a ação do automóvel.

Por detrás do volante encontramos quadrante de instrumentos que pode ser analógico ou digital com 10.25 polegadas (consoante as versões do Fabia). A encimar a secção central do tablier está um segundo ecrã digital cujo tamanho maior é de 9,2 polegadas (também consoante o modelo). A partir deste é possível ter acesso aos comandos de navegação e todas as informações sobre o automóvel.

Assim será possível aceder a atualizações de trânsito em tempo real, ouvir rádio via Internet ou utilizar a conectividade sem fios para telemóvel – Android Auto ou Apple CarPlay.

Os comandos do ar condicionado estão colocados logo abaixo e são operados a partir de botões físicos. Encontra-se ainda um espaço dedicado à colocação do telemóvel que disponibiliza carregamento por indução. Para maior agradabilidade a bordo o Fabia recebe iluminação ambiente em LED.

As soluções Simply Clever, uma caraterística dos modelos da marca checa, anunciam um total de 16 opções de arrumação no habitáculo perfazendo 108 litros de capacidade; bem como porta-copos removível e prateleira amovível que assenta sobre o túnel de transmissão nos lugares traseiros.

Na bagageira existe a possibilidade de acoplar rede nas costas dos bancos traseiros para arrumação de objetos.

Traseira do novo Skoda

Skoda Fabia: conforto em todos os lugares

Quanto ao espaço disponibilizado de reforçar que este é bom nos bancos da frente e muito bom no banco traseiro que recebem três ocupantes com conforto.

Quem viajar no banco traseiro, além de se sentar confortavelmente pode usufruir ainda de apoio de braço, e de duas portas usb para carregamento de equipamentos eletrónicos.

Por seu lado a bagageira do Fabia reclama 380 litros de capacidade. Se se rebater as costas do banco traseiro (proporção 60:40) aquele espaço pode crescer até ao 1190 litros possibilitando o transporte de objetos de maior dimensão.

Ainda no habitáculo de destacar a qualidade da montagem e a utilização de materiais agradáveis ao toque, ainda que em alguns locais se encontrem alguns plásticos mais rijos. Os bancos confortáveis, têm design desportivo e bom suporte lateral.

Diversos sistemas de segurança e ajuda à condução

O novo Fabia recebe conjunto de sistemas de segurança e de ajuda à condução. A saber:

  • Auxiliar de estacionamento – o sistema roda automaticamente a direção de modo a efetuar a melhor manobra para estacionar o automóvel dentro do espaço de estacionamento delimitado, com o condutor a ter apenas de acelerar ou travar;
  • Auxiliar de estacionamento com função de travagem nas manobras com direção assistida – o sistema alerta para o potencial de colisão com obstáculos durante o estacionamento, com base nos dados transmitidos pelos sensores. O sistema pode mesmo travar o veículo para evitar uma colisão;
  • Assistente de saída de estacionamento – Ao sair de lugares de estacionamento de marcha-atrás, o Rear Traffic Allert deteta a aproximação lateral de veículos;
  • Faróis LED – faróis LED de ajuste standard que integram díodo para todas as funções;
  • Faróis Full LED – faróis LED para todas as funções, mas quando comparados com faróis padrão são mais fortes e apresentam luz de presença e uma luz direcional;
  • Luzes traseiras com LED – equipamento de série com novo design que integra díodos para as luzes de marcha atrás e de nevoeiro;
  • Luzes traseiras Full LED – integram díodos para desempenhar todas as funções de iluminação;
  • Auto Light Assist – Regulação dos Máximos Automática (Auto Light Assist desliga automaticamente as luzes máximos, dependendo da situação de tráfego);
  • Travel Assist – Integra vários sistemas e funções contribuindo para o conforto de condução;
  • Cruise Control Adaptativo – mantém a distância de segurança do veículo da frente a uma velocidade predefinida, controlando o motor e acionando os travões para acelerar ou abrandar automaticamente, conforme necessário. Funciona em velocidades até 210 km/h;
  • Reconhecimento dos sinais de trânsito – O sistema processa os sinais de limite de velocidade, os sinais de não ultrapassar e qualquer outra instrução, apresentando-os ao condutor;
  • Assistente de manutenção de faixa adaptativo – A variante ‘adaptativa’ aperfeiçoada significa que o sistema intervém na tentativa de manter o automóvel na via selecionada dentro da faixa de rodagem.

Motorizações apenas a gasolina de 3 e 4 cilindros

A quarta geração do Skoda Fabia abandona as motorizações diesel que faziam parte do leque de oferta de motores desde o seu lançamento há 22 anos.

Na fase de lançamento do novo Skoda Fabia a marca disponibiliza apenas 4 motorizações, todas de 1.0 litro e 3 cilindros. Duas são atmosféricas com 65 cv e 80 cv e duas são turbo, a debitarem 95 cv e 110 cv.

Os motores de 65 cv e 80 cv estão associados a caixas manuais de 5 velocidades; o mesmo acontecendo com o bloco de 95 cv; enquanto o motor turbo de 110 cv pode receber caixa manual de 6 velocidades ou caixa DSG automática de 7 velocidades.

Está também prevista uma versão mais potente animada por bloco 1.5 Turbo de 4 cilindros a debitar 150 cv de potência, associado a caixa automática DSG de 7 velocidades.

Diversos modos de condução

Como é timbre das marcas, atualmente, às mecânicas, estão associados diversos modos de condução. Em alguns casos quase não notamos diferenças entre eles, isto é em termos de condução, mas a verdade é que tecnologicamente, as diferenças existem e, no caso do Skoda Fabia a marca disponibiliza quatro opções de condução:

  • Eco (com foco na eficiência do motor e de consumos);
  • Normal (pré-definido sempre que o automóvel arranca);
  • Individual (permite ao utilizador alterar diversas configurações de modo a colocar o funcionamento da viatura ao seu gosto);
  • Sport (com foco na extração do máximo rendimento do motor e da dinâmica do automóvel).

Apenas dois níveis de acabamento

O Skoda Fabia será comercializado nos dois níveis atuais – Ambition e Style, com substancial reforço de equipamento de série, e com valores a partir de 18.500 euros.

Entretanto, para os fãs da marca existe uma certeza: a quarta geração Fabia não contará com a tradicional versão carrinha. Controlo de custos oblige.

Veja também