Miguel Pinto
Miguel Pinto
17 Out, 2023 - 11:01

Volvo XC40 Recharge: o sucesso da revolução elétrica

Miguel Pinto

O Volvo XC40 Recharge confirma a marca sueca na vanguarda da revolução elétrica. Uma das melhores opções do mercado.

Volvo XC40 Recharge

A ascensão dos automóveis eléctricos é absolutamente imparável. Todas as marcas direcionam os seus investimentos tecnológicos e de produção neste mercado, criando viaturas cada vez mais autónomas e uma crescente sustentabilidade ambiental. É o que acontece com o Volvo XC40 Recharge que experimentamos e que confirmou estarmos perante uma das mais estimulantes propostas deste segmento de mercado.

A versão testada conta com uma potência de 408cv, o que lhe dá um poder de aceleração absolutamente impressionante.

Os dados da Volvo asseguram que a viatura acelera dos 0 aos 100 km/h em qualquer coisa como 4,9 segundos e a verdade é que o XC40 Recharge mostra bem do que é capaz quando se começa a tirar partido de toda a potência disponível.

Não ficamos colados aos bancos, porque não é recomendável exceder os limites de velocidade, mas nota-se na condução que aqueles mais de 400 cavalos fazem toda a diferença.

Volvo XC40 Recharge: grande autonomia

Um dos aspetos que ainda coloca reticências às pessoas que estarão a pensar mudar para um automóvel elétrico é a autonomia das baterias. Ora bem, o Volvo XC40 Recharge anuncia uma autonomia à volta dos 400 quilómetros, o que foi possível confirmar durante o teste que efetuámos.

Após a carga completa, fizemos qualquer coisa como 300 quilómetros, sendo que parte desta distância foi percorrida em autoestrada, a maior velocidade e, obviamente, com maior consumo de bateria.

Note-se ainda, que as duas baterias deste Volvo (uma para cada eixo) podem, em condições ideais, receber 80% da carga total em apenas 40 minutos.

O design exterior do Volvo XC40 Recharge demonstra a elegância que faz dele um dos mais notados SUV nas estradas nacionais, quanto mais não seja pela cor verde “Sage”, que a marca destinou em exclusivo aos seus modelos elétricos.

A ausência da grelha dianteira é talvez o único aspeto que denuncia o facto de não estarmos perante um automóvel convencional. Isso e o silêncio com que se movimenta, mas a essa característica já vamos.

Os interiores, se bem que demonstrem algumas das linhas austeras próprias dos carros escandinavos, asseguram o conforto necessário para uma viagem, e uma condução, deveras confortável, sendo que no XC40, o interface foi totalmente renovado nos modelos elétricos.

Uma bagageira com capacidade para 414 litros completa o espaço disponível, a que se pode ainda acrescentar uma pequena bagageira dianteira, com 30 litros de capacidade, ideal para acomodar os cabos de carregamento.

Volvo XC40 Recharge
As linhas sóbrias do XC40 escondem um carro cheio de força

Segurança absoluta

Para além de dominar a potência dos mais de 400 cavalos que este Volvo debita, outra feature que é preciso ter em atenção (e aproveitar) chama-se “One Pedal Drive”.

Exige alguma habituação, mas depois de engrenar, o pedal do travão torna-se praticamente inútil, a não ser em travagens de emergência. O que se consegue com este sistema é uma condução mais suave.

O Volvo XC40 Recharge foi construído com base nos níveis de segurança do XC40 original. No entanto, a estrutura frontal foi redesenhada e reforçada para colmatar a ausência de um motor tradicional.

De forma a ajudar a manter os passageiros seguros e as baterias intactas em caso de colisão, a Volvo Cars desenvolveu uma nova estrutura. A bateria é agora protegida por uma “safety cage” integrada na estrutura do automóvel.

A localização da bateria (junto ao solo da viatura) permite baixar o centro de gravidade para melhorar proteção em relação a possíveis capotamentos.

Também a motorização elétrica foi integrada na estrutura para obter uma melhor distribuição de forças de colisão fora da cabine. Além disso, a Volvo fez questão que o novo Volvo XC40 Recharge tivesse sistemas de auxílio à condução topo de gama.

São eles alerta de piso escorregadio, assistência à faixa de rodagem, alerta de ângulo morto, assistência ao arranque em subidas e assistência em descidas. O resultado? Uma absoluta sensação de segurança na estrada, mesmo tendo em conta a potência em que vamos montados.

Volvo V60 T6 Inscription
Não perca Volvo V60 T6 Inscription: conforto, segurança e grande performance

Infotainment total

Equipado com Google Assistant, Display touchscreen de 9”, carregamento de smartphone por indução e Volvo On Call, o Volvo XC40 Recharge é um dos automóveis com melhor tecnologia infotainment do mercado.

Entre as novidades destaca-se o sistema Powered by Android, que oferece uma capacidade de personalização sem precedentes, mais intuitiva, com novos serviços e tecnologia Google, como atualizações em tempo real no Google Maps e Google Assistant.

Aliás, segundo a marca, a Volvo Cars foi a primeira empresa a fazer uma parceria com a Google com vista à integração de um Sistema de Infotainment powered by Android, onde se incluem os já citados Google Assistant e Google Maps, mas também, o Google Play Store.

Finalmente, este é o primeiro modelo da marca equipado com a nova plataforma Advanced Driver Assistance Systems (ADAS) que inclui software desenvolvido pela Zenuity, empresa detida pela Volvo Cars e pela Veoneer.

Esta nova plataforma apresenta um conjunto de radares, câmaras e sensores ultrassónicos criados para aumentar a segurança do condutor.

Apesar de ser um sistema extremamente atual e seguro, a marca pensou-o também para o futuro, já que devido à sua estrutura, poderá receber desenvolvimento adicional que servirá de base para a introdução de tecnologia para a condução autónoma.

O Volvo XC40 Recharge é, em suma, uma viatura que vinca, como se tal fosse preciso, a qualidade e fiabilidade dos automóveis da marca sueca.

Não é um carro barato (os preços começam à volta dos 57 mil euros), mas a verdade é que se trata de um passo em frente rumo a um futuro mais sustentável e onde a Volvo tem assumido um papel de protagonista.

Veja também

Artigos Relacionados