Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Catarina Milheiro
Catarina Milheiro
25 Out, 2019 - 10:36

Profissões que nunca desaparecem: saiba se a sua é uma delas

Catarina Milheiro

Fique a par de algumas profissões que nunca desaparecem e esteja devidamente preparado para enfrentar o mercado de trabalho.

cabeleireiro

Ao contrário do que possa pensar, existem ainda algumas profissões que nunca desaparecem. Mesmo vindos do passado, alguns profissionais com diversos talentos são imprescindíveis para o bom funcionamento do nosso dia a dia.

Atualmente, é possível verificar uma pequena dificuldade em arranjar um eletricista, por exemplo. Quando nos deparamos com um problema elétrico em nossas casas, a verdade é que nunca sabemos bem quem devemos e podemos contactar para resolver o problema.

Para que não tenha qualquer tipo de dúvidas, listamos 10 profissões que nunca desaparecem. Fique atento e se a sua for uma delas, não tem com que se preocupar!

10 profissões que nunca desaparecem

Embora existam diversas profissões que podem vir a ser substituídas por máquinas ou robots, alguns empregos estão ainda assegurados devido às habilidades essencialmente humanas.

Estamos, portanto, a falar de profissões que nunca desaparecem e que são fundamentais para o bem-estar da população em geral.

Um estudo realizado em 2017, pelo instituto de pesquisa McKinsey Global Institute, revelou que cerca de 800 milhões de pessoas poderão vir a perder os seus empregos para a automatização até 2030.

É por isso extremamente importante que fique a par das profissões que nunca desaparecem, quer seja no presente ou no futuro.

1. Cabeleireiros

Uma das profissões que nunca desaparecem é esta mesmo – cabeleireiro. Se enveredou por esta área e se é realmente a sua paixão, então pode ficar descansado porque não existirá nenhuma máquina nem nenhum robot capaz de o substituir.

O diretor do Central Reasearch Laboratory, um espaço de coworking focado em tecnologia e aceleradores para startups de tecnologia, Mark Hunter, afirma que “Já tentaram inventar máquinas que cortavam o cabelo sozinhas, mas a tarefa requer prática e destreza que é difícil de automatizar”.

Por isso mesmo, se o seu sonho é ser cabeleireiro é essencial que aposte numa boa formação para que se consiga distinguir da concorrência.

Hoje em dia existem diversos cursos profissionais direcionados para esta área. Além disso pode e deve sempre apostar nas mais variadas formações que existem atualmente no mercado para que consiga aperfeiçoar a sua técnica.

2. Eletricistas

profissões que nunca desaparecem

Apesar de todos sabermos que as tecnologias poderão vir a ser suficientemente fortes e desenvolvidas para resolverem problemas técnicos, a verdade é que quando precisamos de um eletricista só ele consegue resolver a questão.

Tratam-se de profissionais altamente necessários para o bem-estar da população em geral. Normalmente, estes profissionais optam por fazer um curso profissional especializado na área para que estejam devidamente qualificados para atuarem no mercado.

Qualquer profissão que envolva a resolução de problemas, como é o caso, nunca irá desaparecer, pois as máquinas ainda não aprenderam a resolver problemas complexos que envolvam boas soluções criativas e genuínas.

3. Professores

Se é professor ou se está a pensar em enveredar por esta área, então fique desde já a saber que esta é uma das profissões que nunca desaparecem.

A tecnologia avançada poderá trazer algumas modificações nos métodos de ensino até agora utilizados. No entanto, será incapaz de substituir o trabalho que um professor desenvolve com cada aluno.

A empatia, a preocupação e o entendimento pelo outro são competências humanas que jamais serão substituídas por robots ou maquinaria avançada. Afinal, falamos de fatores essenciais para formar jovens equilibrados e emocionalmente confiantes.

Para que possa exercer esta profissão é necessário ingressar no ensino superior. Só desta forma conseguirá obter todos os conhecimentos necessários para transmitir aos seus futuros alunos.

4. Psicólogos e profissões que dirijam um trabalho social

Outra profissão que dificilmente será substituída pela tecnologia avançada é aquela que envolve o cuidado com a mente humana, como psicólogos e outras profissões que dirijam um trabalho social.

Se pensarmos bem, faz todo o sentido: as pessoas dirigem-se ao psicólogo a fim de encontrarem ajuda e amparo emocional. Ora, tal só pode ser feito através da interação humana e não por meio de qualquer tipo de tecnologia avançada (como robots, por exemplo).

Para que possa exercer esta função, necessita de ingressar no ensino superior – através da licenciatura em psicologia, ganhará as competências necessárias para que consiga trabalhar a mente humana.

5. Médicos e enfermeiros

médico

Uma das profissões que nunca deixará de existir está enquadrada na área da saúde. Médicos e enfermeiros serão sempre necessários e insubstituíveis por qualquer tipo de máquina que possa vir a existir.

Como sabemos, para se ser médico ou enfermeiro é crucial o ingresso no ensino superior. Se esta é a sua paixão, então fique descansado porque se tratam de profissões que jamais deixarão de existir.

Está claro que poderão vir a ser criadas novas maquinarias para ajudarem e facilitarem um pouco o trabalho destes profissionais, mas a empatia e o cuidado com o paciente são fatores que não podem ser substituídos.

6. Cuidadores

Deixaria um robot a cuidar dos seus filhos ou dos seus entes mais queridos em condições de saúde complicadas? Pois aqui está a resposta para o facto de esta ser uma profissão que nunca desaparecerá.

Nenhum ser humano se sentiria confortável a ser cuidado por uma máquina, mesmo que os robots consigam ser tão ágeis quanto um humano e balancem um bebé a chorar até dormir nos seus braços ou que ajude uma pessoa idosa a trocar de roupa.

Somos seres humanos e por isso mesmo, precisamos dessa interação humana e de confiança no outro.

No fundo, o cuidador é a pessoa responsável por alguém que não tem autonomia para realizar todas ou algumas das suas atividades diárias e ser cuidador é muito mais do que cuidar.

Um cuidador obedece a um conjunto de funções e tem de ter um perfil comunicativo, afetivo e empático adequados que lhe permita executar a sua função com a dignidade que o utente exige.

7. Artistas e músicos

Profissões que envolvam a criatividade, como músicos, cantores e artistas, nunca irão desaparecer.

O avanço da tecnologia é uma realidade atual e um pouco assustadora. No entanto, este avanço de robots e maquinaria, não permitirá dar uso à criatividade tendo por base o facto de que os robôs necessitam de dados para poderem funcionar.

Os artistas e músicos utilizam as suas experiências de vida, as suas emoções e a sua criatividade para darem vida às coisas e aí é que está a diferença entre os robots.

8. Gestores de Marketing

Os Gestores de Marketing são pessoas com uma profissão segura, quer no presente como no futuro.

Para se ser Gestor de Marketing é necessário o ingresso no ensino superior para que possam ser adquiridas todas as competências necessárias para atuar numa empresa e gerar resultados.

Além disso, estes profissionais podem e devem fazer algumas formações contínuas para que fiquem a par das mais recentes tendências do mercado que está em constante mudança.

Trata-se de uma profissão que não deixará de existir porque são profissionais altamente requisitados pelo mercado em geral. Afinal, nenhuma empresa conseguirá substituir o trabalho que um gestor de marketing desenvolve por um simples robot.

9. Advogados

Se é advogado ou está a pensar enveredar por esta área, saiba que pode ficar descansado: esta é uma das profissões que nunca desaparecem.

Para que consiga ser um bom advogado, deve fazer uma licenciatura em Direito com a duração de 4 anos. Depois, basta escolher a área pela qual mais se interessa e quer trabalhar.

Tendo por base o facto de que a economia global cresceu, as empresas precisam cada vez mais de especialistas que lhes permitam tratar dos códigos de impostos e direitos do trabalho, áreas ambientais, de ética e até mesmo de propriedade intelectual.

10. Gestores de Recursos Humanos

Os Gestores de Recursos Humanos são altamente necessários dentro de qualquer empresa, uma vez que eles determinam o bom ou mau funcionamento da própria organização e da relação entre os colaboradores.

Para que possa ser um bom Gestor de Recursos Humanos basta que faça uma licenciatura nesta área. Desta forma, conseguirá obter as competências necessárias para atuar em qualquer empresa.

Trata-se de uma profissão que não irá desaparecer porque, mais uma vez, envolve a resolução de problemas e este aspeto nunca conseguirá ser substituído por qualquer tipo de robots ou máquinas de tecnologia avançada.

Veja também